Bolt se diz tranquilo sobre zika e brinca: “mosquito não consegue me pegar”

Bolt defenderá no Rio de Janeiro três títulos olímpicos/Imagem:reprodução

Bolt defenderá no Rio de Janeiro três títulos olímpicos/Imagem:reprodução

Usain Bolt é rápido demais para o Aedes aegypti. Em entrevista divulgada nesta quarta-feira (18) pela da rede americana NBC, o jamaicano seis vezes campeão olímpico disse acreditar que até agosto as autoridades sanitárias cariocas terão controlado o problema do mosquito transmissor do zika vírus, febre chikungunya e dengue em tempo para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Segundo seus colegas de time jamaicano, os insetos não se sentem atraídos por ele. O motivo? “Eu sou rápido! Eles não conseguem me pegar”, brincou o velocista. “Espero que quando eu chegar lá eles terão controlado. Tenho certeza que eles colocarão as coisas no lugar”, disse, em tom descontraído.

Na mesma entrevista, o atleta declarou ainda ficar nervoso quando compete na Olimpíada, maior palco da sua modalidade, mas não muito. “Eu sempre disse: se eu consigo vencer diante do meu próprio público, quando estou sempre nervoso, então eu posso fazer isso na frente de estranhos”, explicou.

Bolt defenderá no Rio de Janeiro três títulos olímpicos, conquistados em Pequim-2008 e Londres 2012: 100 m rasos, 200 m rasos e revezamento 4×100 m. Para mantê-los, o recordista mundial, prestes a completar 30 anos, declarou estar treinando mais forte do que no passado, para chegar na melhor forma possível e conquistar três novos ouros.

 Esta será a última olimpíada do velocista, dono dos recordes mundiais nas três provas que compete.

Com informações do Portal UOL

Deixe uma resposta