Câmara registra 12 pedidos de impeachment contra Temer

(Foto: Arquivo)

Chegou a 12 o número de pedidos de impeachment do presidente da República, Michel Temer, protocolados desde a quarta-feira (17). Caberá ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, analisar a admissibilidade desses pedidos.

Os pedidos de impeachment podem ser feitos por qualquer cidadão. A análise do pedido cabe ao presidente da Câmara, que decide se aceita ou não o andamento do processo.

Ao ser questionado por jornalistas na segunda-feira (22), Rodrigo Maia disse: “A Câmara dos Deputados e sua presidência não serão instrumentos para desestabilização do governo”. Segundo ele, “o Brasil já vive uma crise muito profunda para que a Câmara cumpra um papel de desestabilização maior”.

Com informações da Agência Câmara

Deixe uma resposta