Caminhoneiros devem apresentar comprovação de atividade para se vacinar contra covid, em Juazeiro

Caminhoneiros que ainda não tomaram a 1ª dose da vacina contra a covid-19, em Juazeiro (BA), devem ficar atentos, pois nesta sexta-feira (11) está sendo ofertado o imunizante a este grupo. Contudo, é obrigatório apresentar a documentação exigida.

É imprescindível ter em mãos um documento que comprove o exercício efetivo da função de motorista profissional do transporte rodoviário de cargas. Também é exigida a declaração de caminhoneiro autônomo (que é fornecida pelo auxiliar de vacinação e pode ser preenchida no local), carteira de habilitação das categorias C, D ou E, constando a informação que o motorista exerce atividade remunerada (Art. 147, § 5º do CTB), cópia do documento do veículo, cópia impressa do comprovante atualizado de pagamento do ISS, ou do último Imposto de Renda, ou última nota fiscal de carga.

Evitar fraudes

“A exigência dos documentos, conforme o PNO, é para darmos toda a transparência na aplicação do imunizante. É uma categoria que circula pelo país todo e nós precisamos atender o nosso público-alvo, conforme as orientações do plano nacional de imunização”, explicou a coordenadora da Rede de Frio de Juazeiro, Renata Moreira.

Já quem tem vínculo empregatício deve apresentar a comprovação via contracheque, além do cartão do SUS, documento com foto e comprovante de residência.

Deixe uma resposta