Casas populares para PMs é debatida entre prefeitura e mulheres de militares

Casa popular para PMS

O projeto de construção de casas populares, para beneficiar agentes da Policia Militar e Corpo de Bombeiros, ganha força com apoio da Comissão de Esposa de Cabos e Soldados da PM e Corpo de Bombeiros. O sinal verde das esposas foi anunciado durante reunião realizada na sexta-feira (29) no prédio da Prefeitura de Petrolina, com a participação do ex-secretário de Habitação e vereador, Edinaldo Lima e o procurador-geral do município, Fabio Lima.

As esposas temem que o projeto seja interrompido com a decisão, de uma parte dos beneficiados, em realizar sorteios dos lotes e custear as obras das casas. “Nós vamos esperar pelo projeto das casas. Acreditamos nele desde o começo e sabemos da seriedade da Prefeitura. Entedemos que os sorteios são ilegais e vamos torcer para que a tropa aceite que o sorteio poderá atrasar os processos”, argumenta uma das representantes da Comissão, Jussara Batista.

A reunião foi incentivada pelos membros da Comissão, que solicitaram a participação do procurador-geral, para sanar dúvidas referentes a legalidade da proposta. O projeto que beneficiará policiais e membros do Corpo de Bombeiros será executado através de subsídios da Prefeitura de Petrolina e governo federal. O município já está em posse da lei autorizativa da Câmara de Vereadores, que permite o uso de terreno para fins do Minha Casa Minha Vida.

Deixe uma resposta