Caso Beatriz: no próximo sábado acontece manifestação de fé em frente ao Colégio Maria Auxiliadora

final

(Foto: Facebook)

Próximo de completar um ano, a tragédia que assolou a cidade de Petrolina (PE) e região, e que ceifou a vida da menina Beatriz Mota, ainda não conseguiu chegar ao seu melhor desfecho: A prisão da (das) pessoa (as) que cometeu essa atrocidade.

Com o intuito de chamar a atenção das autoridade para a busca da justiça, será realizada, no próximo sábado (10), às 9h, uma manifestação de fé, em frente ao Colégio Maria Auxiliadora, em homenagem à garota Beatriz. O protesto contará com a presença dos pais da garota, familiares, amigos e parte da população petrolinense.

Durante entrevista, Lucinha Mota, mãe da garota afirmou que é o dever deles lutar pela justiça e por sua filha. “Nós temos que lutar por justiça. É nosso dever lutar por nossa filha, é meu dever e obrigação de mãe. Não existe barreira, ser humano, nada que seja capaz de me parar. Lutarei por ela todos os dias de minha vida, se preciso for”, disse a mãe de Beatriz, Lucinha Mota. “Eu sonho todos os dias com o momento em que esse assassino ou assassinos serão presos e punidos. Estamos envolvidos nas investigações desde o começo”, completou Lucinha.

 

Deixe uma resposta