Animais infestados de carrapatos tiram sossego de moradores do bairro São José

(Foto: Ilustração)

Você já imaginou ficar proibido de sentar na calçada de sua casa, seus filhos não poderem brincar na porta, sem falar na preocupação constante com riscos à saúde? Assim estão vivendo os moradores da Rua Deoclécio, bairro São José, antigo Alto Cheiroso, em Petrolina (PE).

Toda essa privação está sendo provocada pela infestação de carrapatos e pulgas em cachorros abandonados que transitam pela referida Rua. Segundo os moradores, os animais estão tomados pelos carrapatos. O Centro de Zoonoses já foi acionado várias vezes, mas até o momento nenhuma providência foi tomada.

“Aqui tá cheio de cachorro na rua, meu filho não pode ficar na rua por que os cachorros estão todos pulguentos, cheios de carrapatos. Já entramos em contato com o Centro de Zoonoses, mas eles não vêm de forma alguma”, relata uma moradora.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Secretaria de Saúde, para saber quais providências serão tomadas pelo Centro de Zoonoses. Até o momento não obtivemos respostas.

Leitora denuncia envenenamento de animais no bairro Jatobá

(Foto: Ilustração)

Indignada, uma moradora do bairro Jatobá, em Petrolina (PE), entrou em contato com o Blog Waldiney Passos, para denunciar a prática de envenenamento de animais, ocorrida na referida localidade.

De acordo com a denunciante, que preferiu não se identificar, no prédio onde mora, animais abandonados são alimentados por moradores. A prática é antiga e feita de forma espontânea por moradores que se solidarizam com os animais em situação de rua.

Contudo, no início da manhã da última sexta-feira (6), um gato apareceu morto no bairro, apresentando sinais de envenenamento. “Estamos com medo de acontecer com os outros animais que ficaram, não faziam mal a ninguém, mas de antemão quero lembrar para a pessoa que fez isso, que ela torça para não ser descoberta”, disse a denunciante.

Crime

Na lei de crimes ambientais, Art. 32, consta que o indivíduo que praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, pode sofrer pena de detenção, de três meses a um ano, além de multa. “A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.”

Senado deve votar projeto que proíbe sacrifício de animais de rua

A proposta original só tratava da situação de cães e gatos, mas a relatora acatou uma que inclui as aves.

O Senado pode aprovar na próxima terça-feira (3) uma lei que proíbe o sacrifício, para fins de controle populacional, de cães, gatos e aves por órgãos de controle de zoonoses, canis públicos e estabelecimentos similares. As regras para esse controle por casos de doenças infecciosas típicas de animais e que podem ser transmitidas para seres humanos e vice-versa estão previstas no Projeto de Lei da Câmara (PLC) 17/2017.

O objetivo do texto é criar condições para que os estabelecimentos públicos de controle de zoonoses adotem práticas menos cruéis para controlar o número de cães e gatos que vivem na rua. O PL prevê, por exemplo, a castração dos animais por veterinário em localidades onde haja superpopulação comprovada por estudo.

A eutanásia só será permitida caso o animal tenha doença grave incurável que coloque em risco outros animais e também humanos. Nesse caso, a medida deverá ser precedida de um exame e justificada por um laudo técnico.

LEIA MAIS

Zenildo solicita retirada de animais de rua em Rajada

Animais causam perigo para quem trafega pelo local.

O vereador Zenildo Nunes, conhecido como Zenildo do Alto do Cocar, apresentou, nesta quinta-feira (28), a indicação n. 1.474/2019, em que solicita à prefeitura municipal que interceda junto ao Centro de Controle de Zoonoses para que envie uma equipe para recolher os animais em situação de rua no Distrito de Rajada, zona rural de Petrolina (PE).

De acordo com o parlamentar, a proposição visa evitar acidentes nas estradas que cortam o povoado. Diversos animais de grande porte, como jumentos, cavalos, vacas, andam livremente pelas vias e, constantemente, causam acidentes.

LEIA MAIS

Em 15 dias, SEMAURB recolhe 18 animais de grande porte em Juazeiro

(Foto: Ascom)

Na primeira quinzena de novembro as ações da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (SEMAURB) estiveram voltadas para apreensão de animais de médio e grande porte que circulavam pela zona urbana e bairros da cidade. Além da retirada de abelhas presentes em locais públicos e residências.

Entre cavalos, jumentos, vacas e mulas a equipe de apreensão de animais retirou dos logradouros públicos 18 animais de grande porte. De janeiro até a presente data, mais de 180 animais já foram recolhidos das vias públicas. De acordo com o Art 74 do Código de Polícia Administrativa, os animais encontrados nas vias e logradouros públicos, ainda que devidamente identificados, serão apreendidos e recolhidos ao curral municipal. Esses animais só saem mediante pagamento de multa que é aplicada por unidade. As multas têm uma variação de um a cinco VRF (Valor de Referência Fiscal) que descrito em espécie varia de R$ 129,05 a R$ 645,25.

LEIA MAIS

Paulo Valgueiro pede ampliação do Centro de Controle de Zoonoses de Petrolina

Cena de animais soltos em Petrolina preocupa vereador (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Os flagras constantes de animais soltos nas vias públicas de Petrolina levaram o vereador Paulo Valgueiro (MDB) a solicitar, na sessão de quinta-feira (7), mais atenção da Prefeitura em relação a saúde desses bichos. No Requerimento n° 351/2019 o edil pede a reforma e ampliação do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

“A gente solicita fazer a reforma e ampliação do Centro de Zoonoses com a construção de um abrigo público para o recolhimento e cuidado dos animais de grande, médio e pequeno porte em situação de vulnerabilidade, prezando pela saúde e segurança dos próprios animais que estão circulando livremente pelas ruas e avenidas da cidade, aparentemente sem nenhum dono”, explicou Valgueiro.

Segundo o vereador, é importante que o município adote medidas para garantir segurança a esses animais. “Eles estão expostos a acidentes, maus tratos, fome, sede e doenças que não são tratadas. A gente pede ao prefeito que possa buscar essa solução, para a gente tirar esses animais da situação de vulnerabilidade. Eles não têm nenhum socorro por parte da municipalidade“, concluiu.

“Poderia ser qualquer um da gente”, diz morador que encontrou jumentos mortos no bairro Dom Avelar

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Na manhã desta segunda-feira (4), dois jumentos foram encontrados mortos, no Bairro Dom Avelar, zona norte de Petrolina. O fato aconteceu em uma quadra antiga da localidade, localizada na Rua das Sensações.

Moradores supõem que os animais morreram após terem sofrido uma descarga elétrica oriunda de uma poste. A população local alerta e cobra providências da Companhia Energética de Pernambuco.

“A Celpe precisa tomar providências. Poderia ser qualquer um da gente. Fios descascados, na quadra velha do Dom Avelar”, diz um morador.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Celpe, para saber quais providências serão tomadas. Até o momento não obtivemos resposta.

SEMAURB intensifica apreensões de animais e retirada de abelhas em Juazeiro

(Foto: Ascom)

Durante o mês de outubro, as ações da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (SEMAURB) estiveram voltadas para apreensões de animais de médio e grande porte que circulavam pela zona urbana e bairros de Juazeiro. Outro ponto intensificado pela secretaria foi a retirada de abelhas presentes em locais públicos e residências, esta ação é em parceira com o ‘Projeto Abelha Viva’ que desde 2016 vem capturando estes insetos da área urbana e direcionando para apiários na zona rural.

Até quinta-feira (31), foram apreendidos 15 animais de médio e grande porte. As espécies mais recolhidas são: cavalos, jumentos e burros. De janeiro até a presente data, mais de 160 animais já foram recolhidos das vias públicas. De acordo com o Art 74 do Código de Polícia Administrativo, os animais encontrados nas vias e logradouros públicos, ainda que devidamente identificados, serão apreendidos e recolhidos ao curral municipal. Esses animais  só saem mediante pagamento de multa que é aplicada por unidade. As multas têm uma variação de um a cinco VRF (Valor de Referência Fiscal) que descrito em espécie varia de R$ 129,05 a R$ 645,25.

Quanto ao trabalho de retirada das abelhas, este acontece em parceria com o ‘Projeto Abelha Viva’ e retirou 10 enxames ao longo dos 31 dias de outubro, estes distribuídos nos bairros: João Paulo II, Alagadiço, Alto da Maravilha, Piranga, Maria Gorete, Santo Antônio, Dom José Rodrigues, Antônio Guilhermino e na noite desta quinta-feira (31) foi feita a remoção de um enxame presente no Cemitério Central da cidade.

LEIA MAIS

Casa Nova: moradores do povoado de Papagaio denunciam matança de animais e cobram providências

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Moradores do povoado de Papagaio, zona rural de Casa Nova (BA), estão preocupados e indignados com a matança de animais na localidade. De acordo com o relato de populares, cachorros, gatos, e até urubus estão sendo envenenados todos os dias.

“As autoridade competentes precisam tomar uma atitude sobre o que está acontecendo aqui no povoado. Tem pessoas colocando veneno e matando vários animais. Os animais comem e morrem. Eu já perdi dois cachorros, um morreu há menos de dois meses. Isso precisa ser investigado, precisa descobrir quem é essa pessoa”, diz uma moradora.

O Blog Waldiney Passos procurou a prefeitura de Casa Nova, através de sua Assessoria de Comunicação, para saber quais providências serão tomadas. Até o momento não obtivemos respostas. O Blog tentou contato com a Polícia Civil do município para saber se o caso já está sendo investigado, mas não obteve êxito.

Turista denuncia exploração de animais nas Dunas de Casa Nova

Registro feito no Balneário, no início deste mês. (Foto: Reprodução/WhatsApp)

O balneário das Dunas de Casa Nova, atualmente, é um dos principais pontos turísticos do Vale do São Francisco. Localizado no município de Casa Nova, no norte da Bahia, a área tem atraído turistas de vários estados do brasil, que buscam um ambiente atrativo para todos os públicos.

Como o local tem características ambientais próprias, como a quantidade de areia, Sol forte e distância entre os pontos de comercialização, carroceiros resolveram desenvolver o serviço de carregamento de bagagens de turistas às áreas de banho.

No entanto, a atividade lucrativa tem gerado indignação em alguns visitantes. Uma turista que preferiu não se identificar, procurou o Blog Waldiney Passos para denunciar a exploração de animais que fazem o carregamento das bagagens.

“Lá vi cenas que me deixaram angustiada. Proprietários de carroças usam animais para carregar bagagens dos banhistas, e lá a areia é muito quente,  imagina um animal puxar cargas fora o peso da carroça, numa areia quente e que atola. Vi muitos sendo guinchados”, conta a denunciante.

O Blog entrou em contato com a prefeitura, para saber como funciona a regulamentação desse serviço, se existe fiscalização e quais providências serão tomadas. Até o momento a gestão municipal não se pronunciou sobre a reclamação.

Animais soltos são apreendidos nas ruas de Juazeiro durante operação noturna da SEMAURB

(Foto: Ascom)

Nos últimos dias, a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (SEMAURB) realizou operações noturnas pelas ruas e bairros de Juazeiro com o objetivo de assegurar o sossego e garantir a segurança nos espaços públicos da cidade. Durante a ação, cinco animais de grande porte foram recolhidos das vias públicas.

Segundo a Secretaria, a criação destes animais requer local e espaço adequados e é proibida a circulação de animais de médio e grande porte nos espaços públicos. Caso a fiscalização encontre algum animal destas proporções, é recolhido e levado ao curral municipal onde permanece por até 72h. Após esse período, se o responsável não for identificado, o animal é doado como previsto na Lei Complementar 018/2016 que rege sobre o código de polícia administrativa.

LEIA MAIS

Número crescente de animais abandonados tira sossego e preocupa moradores de Residenciais em Juazeiro

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Moradores dos Residencias Juazeiro I, II, III, bairro Itaberada, há algum tempo estão sofrendo com o abandono de animais nos referidos conjuntos habitacionais. Segundo o relato da população, o número de animais em situação de rua é crescente.

“Aqui no Residencial Juazeiro II tem muitos. Tem uns cinco cachorros tudo abandonado e o povo só judiando”, disse um morador.

Preocupados com a saúde de familiares e vizinhos, os moradores denunciam o problema e cobram providências do poder público.

“Realmente incomoda, não tem quem coloque comida, eles rasgam o lixo, os daqui tem dono, mas não cuidam, nem dão água, pior comida, aí ficam abandonados. O pior é que enche a escada de carrapato. Aqui não tem nenhum canil não que possamos ligar e eles passarem para recolher?”, questiona um morador.

O Blog Waldiney Passos procurou a prefeitura de Juazeiro, para saber quais providências serão tomadas. Até o momento não obtivemos resposta.

Confira as vagas de emprego disponíveis em Petrolina e região

A semana termina nessa sexta-feira (11), mas ainda há vagas de emprego em várias cidades da região. Em Petrolina a Agência do Trabalho de Petrolina tem vagas para costureira de máquinas industriais, desenhista industrial gráfico (designer gráfico), encanador, estoquista, instalador-reparador de redes telefônicas e de comunicação de dados, mecânico de automóvel, operador de caixa, vendedor de consórcio, vendedor interno, vendedor pracista e visual merchandiser.

Em Araripina as oportunidades destinam-se a confeiteiro, caseiro e vendedor pracista. Na cidade de Salgueiro as vagas são assistente administrativo e supervisor administrativo. Já na ciddapara barman, analista de suporte técnico e atendente de lojas.

O Sine Bahia informou as vagas para Senhor do Bonfim, que são para chefe de recursos humanos, chefe de administração, chefe passaí, chefe de manutenção, chefe de seção, auxilar de recursos humanos, auxiliar de tecnologia da informação, auxiliar de manutenção, auxiliar de depósito, nutricionista, operador de empilhadeira, operador de loja e fiscal de prevenção de perdas.

Ação conjunta resgata animais de grande porte em condições de maus-tratos em Juazeiro 

(Foto: Ascom)

A Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (SEMAURB) participou, nesta terça-feira (8), de uma ação conjunta para resgatar animais de grande porte em uma área de mata no bairro Itaberaba, Juazeiro (BA). A equipe da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) acionou o Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA), SEMAURB e a Polícia Militar para concretização da ação.

De acordo com o médico veterinário e fiscal estadual agropecuário da ADAB, José Arnaldo da Cruz Silva, o resgate dos bovinos tinha como finalidade retirá-los do ambiente de cárcere onde estavam inseridos. “A ADAB também fiscaliza o bem estar animal e constatamos que se tratava de quatro animais bovinos que estavam amarrados em local totalmente inapropriado para a criação, sem alimentação ou água limpa própria para consumo e sem responsáveis presentes. Estamos investigando para que a pessoa seja identificada e punida. Os animais já estão em local seguro e recebendo os devidos cuidados”, descreveu Arnaldo.

LEIA MAIS

Univasf prorroga inscrições para minicurso ‘Contenção e Manejo de Onças em Vida Livre’

A taxa de inscrição para estudantes da graduação custa R$ 75,00 e para profissionais da área R$ 150,00. (Foto: Divulgação)

As inscrições para o minicurso ‘Contenção e Manejo de Onças em Vida Livre’ podem ser feitas até a próxima quarta-feira(9). Promovido pelo Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna Caatinga), da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), e pelo Programa Amigos da Onça, do Instituto Pró-Carnívoro, o minicurso acontecerá nos dias 12 e 13 de outubro, das 8h às 18h, no auditório do Museu de Fauna da Caatinga, no Campus Ciências Agrárias (CCA) da Univasf, em Petrolina (PE).

O minicurso é voltado para estudantes dos cursos de Ciências Biológicas e Medicina Veterinária e profissionais da área de todo o país que tenham interesse em atuar com o manejo de onças de médio e grande porte. Há 30 vagas disponíveis. Os interessados devem realizar as inscrições pela internet. A formação conta com o apoio do 72° Batalhão de Infantaria Motorizado de Petrolina.

LEIA MAIS
123