Compesa divulga nota em virtude da falta de água em alguns bairros de Petrolina

(Foto: Ascom)

A Companhia Pernambucana de Saneamento, a Compesa, informou através de nota, que um acidente com um veículo, ocorrido na manhã desta terça-feira (12), causou a suspensão do fornecimento de água vários bairros da cidade, afetando o Centro e bairros da Zona Leste.

De acordo com a empresa, um carro bateu em um poste de energia elétrica, que fica próximo à captação de água que alimenta a maior estação de tratamento de água de Petrolina, causando danos a fiação de alta tensão, por isso foi necessário paralisar, temporariamente, o fornecimento de água.

Ainda de acordo com a Compesa, por volta das 14h desta terça, a energia elétrica foi restabelecida e o bombeamento de água retomado imediatamente. Porém, o abastecimento das áreas afetadas acontecerá de forma gradativa, devendo se normalizar em até 48 horas.

Prefeito volta a criticar serviço da Compesa e tem como meta tirar a empresa de Petrolina nesse ano

Sistema de água e esgoto de Petrolina é dor de cabeça aos moradores

2021 entrou com o anúncio de várias obras em Petrolina pelos próximos quatro anos. E uma das metas da atual gestão é tirar a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). A Prefeitura até chegou a abrir a licitação visando a escolha de uma nova empresa para gerir o sistema de água e esgoto. No entanto, o Tribunal de Contas de Pernambuco vetou o certame.

LEIA TAMBÉM

“Se a gente não quiser compartilhar o que está dando certo é puro egoísmo”, afirma Miguel ao ser questionado sobre candidatura a governador em 2022

“A gente não consegue ter poder ou controle sobre decisões técnicas ou judiciais. O que a gente vem buscando é recorrer e responder dentro do campo do direito. O que está claro é esse peso morto da Compesa se tornou em Petrolina”, afirmou o prefeito.

Se a licitação emperrar, o próximo passo é assumir o serviço. “[A Compesa] só faz quebrar a avenida, mas ligar conexão nova de água e fazer investimento em manutenção a gente não vê isso acontecer. Isso precisa dar um basta. Nem que a Prefeitura assuma o serviço esse ano, nós vamos resolver essa parada“, concluiu.

Conta da Compesa terá reajuste de 2,4% em 2021

Ano novo, vida nova e nova tarifa na conta de água e esgoto em Pernambuco. A partir do dia 3 de janeiro a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) vai aplicar a correção para recompor a perda inflacionária correspondente ao período de julho de 2019 a junho de 2020.

LEIA TAMBÉM

Câmara de Petrolina aprova mudanças no Código Tributário, que já começam a valer em 2021

Em outras palavras, as contas ficarão 2,4% mais caras em 2021. Esse reajuste deveria ter sido incorporado no  mês de agosto, mas em virtude da pandemia da covid-19 acabou adiado para o ano que se aproxima. A alta foi aprovada pela Agência Reguladora de Pernambuco (ARPE) no dia 10 de julho de 2020.

LEIA MAIS

Leitora afirma que Pedra Linda segue com abastecimento comprometido, Compesa responde

(Foto: Ilustração)

Moradores do bairro Pedra Linda entraram em contato com o Blog Waldiney Passos para afirmar que as residências seguem sem água. O problema começou quando a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) precisou suspender o abastecimento para consertar um vazamento próximo ao Posto Carranca.

Em nota enviada ao Blog, a previsão para normalização do abastecimento era às 18h da quarta-feira (16). Porém, até o momento o bairro segue com o serviço comprometido. “Chegou bem fraca, depois faltou. Não está normalizada, água está muito fraca. Ficou forte só as três da manhã”, conta uma moradora da Rua 03.

Compesa explica o que houve

Procurada pelo Blog a Compesa informou que a situação citada pela leitora é uma “questão é pontual, ocorrida na manhã desta sexta-feira (18)” e que o “desabastecimento foi decorrente da realização dos serviços de conserto de um vazamento, localizado no bairro José e Maria. Os técnicos da Companhia estão executando as intervenções e a previsão é finalizar os trabalhos no final da tarde de hoje, quando será retomada a distribuição de água para o bairro”.

Compesa envia nota justificando falta de água em bairros de Petrolina

(Foto: Ilustração)

Com a reclamação de moradores de bairros de Petrolina, como o José e Maria, que amanheceu sem água nas torneiras nesta quarta-feira (16), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), enviou nota explicando o motivo pela qual precisou suspender o fornecimento. Segue:

NOTA À IMPRENSA

“A Compesa informa que precisou suspender, temporariamente, o abastecimento dos bairros Vila Eulália, parte do José e Maria, Mandacaru, Terras do Sul, Santa Luzia, São Jorge, Dom Avelar, São Joaquim, Areia Branca, Dom Malan, Caminho do Sol Maria Auxiliadora, Pedra Linda, Vale Dourado e os empreendimentos Vila Esperança, Condomínio Mais Viver e Mais Viver Vinhedos para conserto de um vazamento de grande porte na rede de água próximo ao Posto Carranca. A previsão de conclusão é às 18h desta quarta-feira (16), quando o abastecimento irá retomar gradativamente.”

Moradora do José e Maria cobra resposta da Compesa após bairro amanhecer sem água

(Foto: Ilustração)

O Blog mostrou mais cedo que o abastecimento no Centro de Petrolina está suspenso até o final do dia. Mas a dor de cabeça vivida pelos moradores do bairro José e Maria desde a manhã dessa quarta-feira (16) é outra. A comunidade acordou sem uma gota de água nas torneiras.

A revolta da população é pelo fato de a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) não ter comunicado o abastecimento seria interrompido. “Queremos sabe se chega hoje ele não avisaram nada. Isso falta de respeito“, conta uma moradora.

O Blog procurou a Compesa para saber o que provocou a interrupção no abastecimento do bairro. Contudo, ainda não obtivemos uma resposta. O espaço segue aberto aos esclarecimentos.

Compesa suspende abastecimento do Centro para realizar intervenção emergencial

(Foto: Ilustração)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) emitiu uma nota para alertar sobre a suspensão temporária no abastecimento do Centro de Petrolina.

De acordo com a Compesa, foi necessário fazer uma intervenção emergencial. E com isso, os moradores ficarão sem água pelo menos até o final do dia.

Veja a seguir a nota da Compesa:

LEIA MAIS

Compesa justifica falta de água em alguns bairros de Petrolina

(Foto: Arquivo)

Moradores dos bairros Jardim Amazonas, Alto do Cocar e Pedro Raimundo, em Petrolina (PE), estão sem água nesta quinta-feira (3). Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o abastecimento dessas localidades precisou ser interrompido para reparo de vazamento na rua 16 do Jardim Amazonas.

A previsão de conclusão é até o final da tarde, quando o abastecimento será retomado gradativamente.

Compesa explica motivo da falta de água em bairros de Petrolina nesta quinta-feira

(Foto: Ilustração)

Um vazamento que ocorreu no final da tarde de ontem (25), na calçada da garagem da empresa de ônibus Gontijo, no bairro Ouro Preto, provocou falta de água em vários outros bairros da cidade, segundo nota enviada a imprensa pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

De acordo com a Companhia, os bairros atingidos com a falta de abastecimento temporário são: Jardim Amazonas, Quati I e II, Pedro Raimundo, Alto do Cocar, Loteamento Bella Vista e Univasf – Campus de Ciências Agrárias.

Ainda segundo a Compesa, equipes estão trabalhando no reparo que tem previsão de conclusão para o final da tarde desta quinta-feira (26), quando o abastecimento será restabelecido gradativamente.

Leitor cobra resposta da Compesa sobre abastecimento no Quati II

(Foto: Ilustração)

Moradores do bairro Quati II em Petrolina estão sem água nas torneiras desde a tarde de quarta-feira (25). Segundo um leitor do Blog, por volta do meio dia de ontem começou a faltar água e até hoje de manhã o abastecimento não foi normalizado.

“Tá faltando água aqui desde ontem meio dia. Quando é que vai retornar o abastecimento e o que aconteceu para essa falta“, questionou o leitor. Diante do relato, o Blog procurou a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para saber o que houve.

Vazamento provocou desabastecimento de seis bairros

Em nota, a Compesa informou que o problema foi acarretado por conta de um vazamento registrado na calçada da Gontijo, no bairro Ouro Preto. “Os bairros Jardim Amazonas, Quati I e II, Pedro Raimundo, Alto do Cocar, Loteamento Bella Vista e Univasf – Campus de Ciências Agrárias, estão com o fornecimento de água temporariamente interrompido. Equipes já estão trabalhando no reparo que tem previsão de conclusão para o final desta tarde, quando o abastecimento será restabelecido gradativamente”, diz a Companhia.

Compesa realiza atualização cadastral de clientes em Petrolina

(Foto: Ascom)

A Compesa iniciou esta semana, uma ação de atualização cadastral nos loteamentos Guanabara, Beija Flor e Rafael, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O objetivo é atualizar as informações dos clientes e aperfeiçoar a prestação dos serviços da Companhia, sem que o cliente precise se deslocar até a loja de atendimento.

A previsão é de que sejam visitados mais de 100 imóveis até o fim de novembro. Os profissionais que realizam as visitas usam identificação da empresa e portam equipamentos de proteção individual. Para realizar a atualização, o cliente precisa estar de posse dos documentos como RG, CPF, comprovante de residência e dados sobre o imóvel.

As visitas acontecem entre 8:30h e 16:30h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 12h, aos sábados. Outras informações podem ser obtidas por telefone através do número 0800 0810195.

Petrolina: Compesa responde sobre falta de água no bairro Pedro Raimundo

(Foto: Ilustração)

Depois que um leitor enviou mensagem ao Blog Waldiney Passos informando que no bairro Pedro Raimundo, mais precisamente na Rua 12, estava faltando água há três dias, a Compesa se manifestou sobre o assunto.

De acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento, não existe em seus registros, nenhum protocolo de reclamação sobre falta de água na localidade indicada e que tomou conhecimento do fato através deste Blog. Porém, a Compesa vai enviar uma equipe ainda neste sábado (14), para averiguar a situação.

Segue a íntegra da nota da Companhia:

Nota:

“A Compesa informa que tomou conhecimento da situação relatada pelo morador da Rua 12,Pedro Raimundo, apenas após registro deste veículo, não tendo nenhuma solicitação de reparo em aberto na Central de Atendimento ou execução de serviço de responsabilidade da Compesa. Além disso, não há nenhum registro de falta de água no bairro, que está sendo abastecido normalmente. A Companhia informa que irá encaminhar uma equipe neste sábado (14) para realizar uma verificação na referida rua.”

Petrolina: leitor reclama de falta de água no bairro Pedro Raimundo

(Foto: Ilustração)

De forma desesperada, um leitor entrou em contato com este Blog para denunciar a falta de água no bairro Pedro Raimundo em Petrolina (PE). “Pelo amor de Deus avisem a Compesa que estamos sem água já há 3 dias”, diz o morador.

De acordo com a mensagem enviada a nossa redação, o problema é maior na rua 12 pois foi feito um buraco, há 4 meses, para retirada de uma pedra que estava atrapalhando a passagem das manilhas do esgoto e até hoje não foi tampado.

E ele continua com o apelo desesperado. “Eu falo em nome das pessoas daquela rua, não posso fazer comida em casa porque não tem água pra lavar as vasilhas e a louça, estou usando a mesma roupa há 3 dias. Gente isso é desumano. Eles poderiam ligar a água pelo menos a noite, aposto que os diretores que são responsáveis nunca ficaram 3 dias sem agua, nunca dormiram com o suor do corpo do dia inteiro de trabalho, gente isso está demais!”, desabafou o morador.

Nós entramos em contato com a Compesa e aguardamos resposta.

Morador grava vídeo e pede solução para esgoto no Jardim Petrópolis, em Petrolina

Um morador do bairro Jardim Petrópolis, em Petrolina, gravou um vídeo para chamar atenção das autoridades sobre o esgotamento sanitário na Rua 12. “Prefeitura ou Compesa, pelo amor de Deus eu peço socorro aqui”, diz o leitor. Veja as imagens seguir:

O que dizem Compesa e Prefeitura?

O Blog solicitou respostas da Prefeitura de Petrolina e Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Esta informou que “não opera o sistema de esgotamento sanitário do bairro Jardim Petrópolis”. A Prefeitura rebateu.

Segundo o município, “a Compesa, enquanto concessionária do serviço de água e esgoto em toda a cidade é a responsável direta por este atendimento”. Sobre o repasse do sistema, a Prefeitura relatou já ter concluído o edital “que vai selecionar uma nova empresa para gerir os serviços de água e tratamento de esgoto na cidade”.

Atualizado às 15h29

Esgotamento sanitário pode sofrer sobrecarga durante período chuvoso, alerta Compesa

Através de nota enviada a este Blog, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), informa que devido  as fortes chuvas registradas nos últimos dias em Petrolina, a empresa vem enfrentando problemas com a sobrecarga no sistema de esgotamento sanitário. O motivo, segundo a Compesa, é a ausência e ineficiência da infraestrutura urbana de drenagem de águas pluviais, o que impacta na rede de esgotamento levando a extravasamentos e obstruções.

O documento afirma que, uma situação bastante observada em diversas ruas da cidade é a abertura de tampas de poços de visita, mais conhecidas como bocas de lobo, por cidadãos não autorizados, para escoar água da chuva para dentro das tubulações. “Essa prática agrava ainda mais os problemas, uma vez que a água carrega lixo e diversos materiais sólidos, provocando danos ao longo de todas as nossas redes”, esclarece o gerente de Negócios da Compesa, Marcelo Guimarães.

A Compesa reforça que os Sistemas de Esgotamento Sanitário não são projetados para águas de chuva e solicita a compreensão por parte da população para que não utilizem irregularmente o sistema, evitando assim prejuízos e transtornos.

123