Após celeuma sobre óbito por covid-19, secretário de Saúde de Orocó afirma que diagnóstico é feito pelo LACEN

Município registrou primeiro óbito no final de semana (Foto: Reprodução/Internet)

A notícia de um óbito pelo coronavírus em Orocó, Sertão de Pernambuco, provocou um alvoroço na cidade. Parte da população questionou a veracidade do diagnóstico, especialmente após a família da paciente apresentar uma falha no resultado do LACEN.

LEIA TAMBÉM

Cabrobó e Orocó registram 1º óbitos por covid-19

A morte da idosa de 67 anos aconteceu no dia 9 de maio, mesma data da coleta feita pela Secretaria Municipal de Saúde. Contudo no exame do LACEN, a coleta conta no dia 11.  Para esclarecer o fato, o Blog Waldiney Passos entrevistou o secretário de Saúde de Orocó, Ricardo Ferraz, que explicou toda situação.

Procedimento padrão

“Essa paciente veio a óbito no dia 09/05. Ela chegou com queixa de dor no abdômen, foi medicada pela equipe que estava de plantação. Duas horas depois ela foi evoluindo com cansaço, fadiga e veio a óbito. A gente é orientado pela Secretaria Estadual [SES-PE] que o paciente que vem a óbito com esses sintomas que faça a coleta e envie o LACEN“, destacou o secretário.

LEIA MAIS

Mesmo com pandemia, empreendedora de Petrolina mantém otimismo na semana da Páscoa

Confeiteira mantém otimismo na semana da Páscoa

A Páscoa é a época de ouro para quem trabalha com chocolate. Porém, 2020 chegou com um obstáculo – a pandemia do novo coronavírus – colocando esse item queridinho para escanteio na lista de compras dessa semana. Em meio a incertezas, uma empreendedora de Petrolina tem buscado driblar o momento e manter as vendas dentro da expectativa.

Gabriela Sá é engenheira agrônoma por formação. Ainda na vida acadêmica descobriu que os doces feitos por ela poderiam ser uma ótima forma de ganhar dinheiro. Há dois anos a confeiteira se dedica ao trabalho com afinco e busca na tecnologia uma aliada para alcançar novos consumidores.

“Comecei vendendo marmitinha de bolo na faculdade para ajudar nas despesas. [Para esse ano] estava me organizando quando a notícia [do covid-19] se espalhou pelo Brasil. Mas isso não me fez parar, nos reinventamos”, contou ao Blog Waldiney Passos.

LEIA MAIS

Empresários de Petrolina usam tecnologia como aliada para driblar isolamento social

Sem poder receber público, empresário adapta serviços para delivery (Foto: Arquivo Pessoal)

Ruas vazias, comércios fechados e um sentimento de incerteza por conta da pandemia do novo coronavírus. A pandemia global tem modificado o funcionamento de inúmeros serviços ao redor do mundo, em Petrolina não seria diferente. Mas os empresários sertanejos têm buscado alternativas para continuar exercendo suas atividades.

Bares e restaurantes somente podem funcionar para o serviço de delivery. Diante do cenário Arthur Coêlho precisou adaptar os serviços de um conhecido bar no Jardim Maravilha ao mundo digital. No lugar de mesas cheias e clientes pedindo os aperitivos durante as partidas de futebol, o contato agora é virtual.

O boteco que ganhou as redes

O empreendimento possuía perfis nas redes sociais, porém, pouco utilizados. Tudo mudou com a quarentena. “Com a pandemia passamos a criar imagens de divulgação e interagir mais com o público para poder ter um retorno melhor. Através das mídias divulgamos os horários de funcionamento, cardápio do serviço de Delivery, nossa página informa também o número do WhatsApp para realizar pedidos e receber o feedback do nosso consumidor“, contou ao Blog.

Ao perceber que o negócio virtual poderia funcionar como alternativa no período de isolamento social, Arthur passou a se empenhar cada vez mais e desde a última terça-feira os pedidos também estão sendo feitos por meio de um aplicativo de delivery.

“A rede social está se mostrando uma ótima aliada nos nossos serviços, além disso, o serviço de Delivery que não existia e foi implantado na Toca por causa da pandemia e também irá continuar daqui pra frente. Alguns clientes preferem esse meio para consumir“, destaca.

LEIA MAIS

Apesar de Elias negar desistência, Aero Cruz confirma: “Ele já nos comunicou”

Líder afirmou que Elias já comunicou decisão (Foto: Blog Waldiney Passos)

Líder da Bancada de Situação na Câmara de Vereadores de Petrolina, Aero Cruz (PSB) confirmou o que Elias Jardim (PHS) tentou negar na sessão de terça-feira (10). De acordo com Aero, o colega não apenas anunciou a desistência das eleições, como também avisou que indicaria um nome em seu lugar.

LEIA TAMBÉM

Elias Jardim afirma que suposto apoio a Pedro Caldas é “fake news”

“É um vereador muito preocupado com a questão evangélica e a área irrigada, mas tomou essa decisão [de não ser mais candidato], disse que vai apresentar um candidato, mas não é mais candidato. Reconheço e agradeço o trabalho que a gente vem fazendo com a bancada, sempre acompanhando a votação junto”, afirmou.

LEIA MAIS

Lucinha Mota justifica porque tiraria Ronaldo Cancão e Cristina Costa da Casa Plínio Amorim 

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Na última segunda-feira (9), Lucinha Mota (PSOL) participou do programa Ponte e Vírgula, na Ponte FM, e ao ser questionada sobre quais vereadores ela tiraria da Câmara Municipal de Petrolina (PE), ela afirmou que tiraria Ronaldo Cancão (PTB) e Cristina Costa (PT).

LEIA TAMBÉM

“Quem vai me julgar é o povo e Deus”, afirma Cancão em resposta à Lucinha Mota

A declaração de Lucinha, mãe de Beatriz Angélica Mota e pré-candidata a vereadora nas eleições 2020 em Petrolina, repercutiu, e na última terça-feira (10), Cancão, durante sessão ordinária na Casa Plínio Amorim lamentou a afirmação de Lucinha, já Cristina, preferiu não comentar sobre o assunto.

Hoje (11), Lucinha participou do Programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal, e justificou sua declaração. “Quando eu coloquei o nome de Cristina e Ronaldo Cancão foi simplesmente pelo fato deles terem levado Alison à Câmara de Vereadores. Eu não concordei com aquilo. Aquilo foi um falta de respeito com a memória de Beatriz, porque Alison teve o direito ao contraditório, e ele teve isso no Tribunal, que não negou a ele esse direito, é tanto que ele conseguiu o relaxamento de prisão. Não cabia ali a presença de seu advogado fazer uma defesa,” ressaltou Lucinha Mota.

“Eu não fui para desqualificar nem ele [Cancão], nem Cristina, por que eu sei que eles têm serviço prestado no município. Agora, eu coloquei a minha opinião, e eu tenho direito, se não, não existia democracia. O limite é o respeito”, completou Lucinha.

De olho em Petrolina, Luciano Bivar afirma: “Nosso candidato é o Gabriel Menezes”

Para Luciano Bivar, presidente nacional do PSL e deputado federal de Pernambuco, o nome do vereador Gabriel Menezes é a escolha do partido para as eleições de 2020, em Petrolina. Bivar participou do programa Repercutindo com Daniel Campos na Rádio Jornal, nessa sexta-feira (28) e falou ainda sobre as ambições da sigla no pleito de outubro.

Gabriel é nome forte do PSL (Foto: Reprodução)

“Onde nós pudermos marcar presença, nós vamos marcar. Em Petrolina o nosso candidato é o Gabriel Menezes, ele é nosso candidato a prefeito. O que nós precisamos ter no PSL no Brasil inteiro: ter uma trincheira contra o ataque contra um eventual ataque às instituições do nosso país, contra as instituições. Nosso partido é liberal“, afirmou o deputado.

Liderança com Gabriel

De acordo com o presidente do PSL, Gabriel é a escolha natural, por ser uma liderança na Oposição e também dentro no próprio partido. “O Gabriel é o presidente do diretório, ele que decide os caminhos que vai trilhar o PSL em Petrolina. Ele é um jovem político, muito bom. Nos apoiou na última eleição, não vejo como não ter outra opção, apesar do Miguel [Coelho] ser um bom prefeito, mas nós temos nosso time, nossas ideias e objetivos”, destacou.

Ex-aliado do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), Bivar foi curto e gross: “Onde a gente puder marcar nossa presença pra defender um país livre, respeitando suas instituições, nós iremos fazer”, concluiu.

Pré-candidato a prefeito de Orocó, Ismael Lira afirma que atual gestor “virou as costas para todo mundo”

Ismael Lira criticou atual prefeito (Foto: Blog Waldiney Passos)

A eleição municipal de Orocó, Sertão de Pernambuco, em outubro deve ser movimentada. Pré-candidato da Oposição para a disputa, o vereador Ismael Lira participou do programa Super Manhã com Waldiney Passos nessa quarta-feira (19) e criticou o atual prefeito Gueber (PT).

LEIA TAMBÉM

Orocó: de olho em 2020, vereador anuncia desfiliação e monta grupo para eleições de outubro

“Nas outras eleições nós passávamos e existia uma rejeição aos prefeitos, era uma rejeição natural porque nas cidades pequenas existe o partidarismo. Mas no caso que a gente vivencia hoje, com o atual prefeito, há uma rejeição muito maior. Há uma crítica e descrédito ao governo”, disse Lira.

LEIA MAIS

Pais de autistas e professores de Atendimento Especial cobram resposta sobre mudança na rede municipal de Petrolina

Educação dos alunos especiais foi debatido hoje na Câmara (Foto: Ascom/PMP)

Em meio ao debate sobre o Requerimento de Paulo Valgueiro (MDB), a Câmara de Vereadores de Petrolina abriu espaço para ouvir os profissionais da rede municipal de ensino. Um grupo de mães e professores do Atendimento Educacional Especializado (AEE) chamou atenção às mudanças no início do atual ano letivo.

Cerca de 200 famílias estão sendo afetadas pois haverá a troca dos atuais AAE por assistentes educacionais contratados, que não seriam pessoas qualificadas a esse trabalho. Luciana Gomes, é mãe de dois autistas atendidos nas escolas municipais e explicou a situação atual.

Luiz Gustavo falou sobre apreensão (Foto: Blog Waldiney Passos)

Pais e mães preocupados

“Até o ano passado a gente tinha os auxiliares, pessoas preparadas para estar com eles na sala de aula para dar o apoio educacional. Esse ano fui surpreendida porque terminou o contrato deles e não teve outro processo seletivo e não terá. O que teve foi um processo seletivo para assistente educacional, alguns não têm nem Ensino Médio Completo”, contou.

Segundo Luciana, esses novos profissionais não são capacitados ao atendimento, o que preocupa as famílias dos autistas. “Na escola a gente quer o cuidado educacional, esse é o papel do auxiliar, de estar lá para desenvolver isso”, continuou.

Alunos apreensivos

Luiz Gustavo é autista e um dos atendidos nas escolas municipais. Ele retomou os estudos nessa semana, com o início do ano letivo e disse temer por sua formação educacional. “Pra mim o que minha auxiliar fez, se tirarem eu não sei o que vou fazer. Eles são voltados para os alunos que têm deficiência como eu, elas já estão acostumadas com a gente“, disse.

Prefeitura responde

Em nota, a Prefeitura de Petrolina informou que os novos professores passarão por uma capacitação. A Secretaria de Educação alega não haver prejuízo pedagógico aos estudantes e que o contrato dos atuais docentes termina apenas em 22 de fevereiro, dando tempo da gestão formar os substitutos.

Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Valgueiro acredita em candidatura de Lóssio e afirma que ex-prefeito “vai estar jogando para ganhar”

Valgueiro caminhará ao lado de Lóssio, antigo aliado político (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os trabalhos na Câmara de Vereadores foram retomados na última terça-feira (4), com a primeira sessão do ano. Em meio às expectativas de debates acalorados, por ser ano eleitoral, as conversas nos bastidores da Casa Plínio Amorim giram em torno das possíveis candidaturas em outubro.

LEIA TAMBÉM

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

Líder da Oposição e aliado político de Julio Lóssio, Paulo Valgueiro (MDB) disse acreditar na candidatura do ex-prefeito, apesar de Lóssio. “Ele deixou mais ou menos claro no café da manhã, respondeu através da imprensa. Ele perguntava se o pessoal acreditava se Miguel ia disputar em 2020, se Odacy [Amorim] ia e a mesma coisa servia para ele também. Com certeza a gente vai estar no jogo, vai estar jogando para ganhar, não só para disputar”, disse.

Saída do MDB

Com a chegada de Miguel Coelho ao MDB, Valgueiro já havia dito que deixaria o partido no qual estava há anos. O próximo partido deve ser o PSD, atual casa de Lóssio. “A gente vai ter esse mês de fevereiro para aprofundar as conversas e em março a gente busca a nossa agremiação para disputa das eleições, que deverá ser a mesma em que milita o ex-prefeito Julio Lóssio”, destacou.

Homem de grupo, Aero Cruz afirma que irá ao partido que Miguel Coelho sugerir

Em seu primeiro mandato, líder avaliou seu trabalho (Foto: Jean Brito/ASCOM)

O vereador Aero Cruz, hoje no PSB, é um homem de grupo e nunca escondeu isso. Aliado do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) e do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), o líder da Bancada de Situação deve mudar de sigla para a eleição de outubro e já deixou claro: vai para onde seus chefes pedirem.

LEIA TAMBÉM

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

“Meu partido é o partido do grupo de Fernando Bezerra e o partido que Miguel Coelho disser. Estou no PSB, mas aonde o prefeito Miguel Coelho dizer ‘Aqui é onde nós vamos marchar e andar’, é para esse partido que eu vou“, disse ao Blog.

Em seu primeiro mandato, Aero foi escolhido pelo Governo Municipal como Líder, substituindo o experiente Ruy Wanderley (PSC). Mesmo sem muita experiência na Câmara, mas carregando o sobrenome Cruz, recebeu elogios dos colegas de bancada e da Oposição por sua atuação.

Produzi muito durante esses três anos, agradeço muito a confiança do prefeito em me colocar [nesse posto]. A gente vê vereadores de três, quatro e até cinco mandatos aqui, agradeço também aos vereadores pelo respeito e por aceitarem a minha liderança“, conclui.

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

Líderes falam da expectativa para 2020 na Casa Plínio Amorim (Foto: Blog Waldiney Passos)

Nem bem começou o ano e a bancada da Situação já derrubou um Requerimento da Oposição. E os embates entre a Oposição e Situação devem se intensificar em 2020, já que é ano eleitoral. O Blog Waldiney Passos conversou com os dois líderes para saber a expectativa de cada um acerca dos colegas.

Secretário de Governo e Agricultura levou mensagem do prefeito

Oposição fiscalizadora

Segundo Paulo Valgueiro (MDB), a Oposição não vai mudar sua forma de atuar. “A gente vai continuar com a mesma forma de trabalhar do três anos anteriores, apresentando propostas importantes, pedidos de informação, projetos que possam melhorar a condição de vida dos trabalhadores. Lógico que esse ano é diferenciado, porque a gente busca a renovação dos nossos mandatos e isso pode deixar os debates mais acalorados“, afirmou.

Valgueiro quer, mesmo nas proximidades das eleições, que o debate seja produtivo e não vá para o campo pessoal. “Que não parta para o pessoal. A gente espera um ano um tanto acalorado, mas que a gente possa mesclar: o trabalho legislativo, com o período eleitoral”, antecipou.

Situação não quer confusão

Assim como na Oposição, a Situação deve-se manter fiel à sua postura vista anteriormente. “A gente vai procurar de uma certa forma fazer o que nós fizemos em 2019, que é trabalhar em prol da população com as Indicações e Requerimentos e os projetos do Executivo. A gente sabe que em ano eleitoral os ânimos ficam mais acirrados”, disse.

Aero prevê a “Oposição vindo pra cima”, mas espera respeito ao debate. “A gente vai procurar o foco do trabalho, de continuar trabalhando e continuar apoiando o prefeito Miguel Coelho nos seus projetos. A gente tem certeza que fazendo isso a gente vai ter o reconhecimento da população na hora certa”, finalizou.

Osório Siqueira prevê “ano de mais discussões” na Câmara de Petrolina

Presidente falou da expectativa para 2020 (Foto: Blog Waldiney Passos)

O ano legislativo de 2020 em Petrolina teve início nessa terça-feira (4), com a primeira sessão ordinária. 2020 é marcado pela eleição municipal, tema que dominou os bastidores da política na volta aos trabalhos. O pedido do presidente da Casa Plínio Amorim, Osório Siqueira (PSB) é que as duas bancadas saibam deixar de lado as “picuinhas”.

“Esse ano a gente volta com a expectativa maior, é ano de eleição. Com certeza vai ser um ano de mais discussões, vão ser mais acirrada as sessões. A gente pede que todos fiquem com o foco voltado às matérias que vão estar na puta e coisas que tragam benefício à população“, afirmou Osório durante coletiva de imprensa.

Sobre os trabalhos de 2019, o presidente da Câmara destacou os mais de dois mil pedidos apresentados pelos edis. “A gente volta com a expectativa maior, ano passado foi um ano de muitas matérias de todos os vereadores. Em todas as matérias os vereadores solicitaram melhorias aos bairros. A gente sabe que nenhum prefeito tem o poder de atender todas as solicitações dos parlamentares”, disse.

Manoel da Acosap denuncia suposta invasão na divisa entre Petrolina e Afrânio; citados afirmam que fala é “leviana”

Vereador fez denúncia grave nessa segunda-feira (Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Manoel da Acosap (PTB) participou do programa Super Manhã com Waldiney Passos de segunda-feira (30), na Rádio Jornal Petrolina e fez uma denúncia grave sobre o interior da cidade. Segundo o edil, membros do Poderes Legislativo e Executivo de Afrânio estão cometendo irregularidades na demarcação de terra.

“Imagine se o Brasil agora fosse invadir o território da Venezuela, ou se a gente fosse invadir as terras de Lagoa Grande. Imagine se um vereador de Petrolina fosse em Volta Grande, que é Afrânio e dizer que é Petrolina. Isso está acontecendo em Satisfeito II, dizendo que pertence a Afrânio“, afirmou.

Satisfeito II no olho do furacão

Manoel visitou o interior e conversou com a população. Ele coletou áudios para juntar em um documento a ser encaminhado à Justiça. “Eles estão tirando de ponta a ponta, tenho áudio do Satisfeito II. É o vereador Vavá e o vice-prefeito. Estou colhendo todas as provas para acionar a Justiça. Isso não pode acontecer, invadindo a terra dos outros”, disse.

De acordo com Manoel da Acosap, essa prática irregular é baseada em uma promessa política, contudo é ilegal. “Espero que o vereador venha se explicar na imprensa, o que escutei a coisa é grave“, concluiu. Confira a seguir a resposta dos citados.

LEIA MAIS

Destaque do futsal petrolinense está de malas prontas para jogar nas categorias de base do Palmeiras

João Gabriel foi destaque no futsal do Vale e vestirá as cores do time do coração (Foto: Blog Waldiney Passos)

João Gabriel Torres de Castro. Esse nome tem tudo para ser destaque no futebol brasileiro futuramente. O garoto de apenas 11 anos é petrolinense, foi destaque nas competições de futsal da região e em 2020 o atleta de apenas 11 anos se mudará para São Paulo.

João passará um ano treinando nas categorias de base do Palmeiras, seu clube do coração. Antes ele já havia feito testes no Corinthians e Bahia, onde teve destaque e despertou a atenção dos palmeirenses. Prestes a iniciar uma nova etapa da sua vida, ele visitou o Blog Waldiney Passos.

“A expectativa é muito grande, é meu time do coração. Estou muito feliz, com um pouco de medo, ansioso, mas com muita expectativa“, disse o jogador. Apesar da pouca idade, João Gabriel enfrentará um desafio de gente grande: adaptar-se a uma nova vida e ao estilo de jogo do futebol.

LEIA MAIS

Exclusivo: moradores relatam terror durante assalto a carro-forte em Casa Nova

Disparos atingiram parede e portão de bar (Foto: Blog Waldiney Passos)

O assalto a um carro-forte na BR-235, entre Casa Nova e Remanso, na Bahia na manhã de quinta-feira (26) provocou pânico em moradores de Casa Nova. Pessoas que estavam em um bar próximo em Lagoa da Chave, comunidade que fica próxima ao local onde aconteceu a ação criminosa conversaram com exclusividade com o Blog Waldiney Passos.

LEIA TAMBÉM:

Exclusivo: seguranças tentaram fugir, mas bandidos alcançaram carro-forte

Bandidos explodem carro-forte entre Casa Nova e Remanso

“Eles vinham de longe, a gente escutou os tiros e o carro-forte vinha rodando e o carro branco atrás. A gente viu que era assalto ao carro-forte e fechamos o bar. Ficamos dentro, só escutando os pipocos. A gente ouviu que explodiram o carro“, contou uma testemunha.

As testemunhas relataram ter ouvido mais de 10 disparos. Alguns tiros atingiram a parede e o portão do bar. Uma família que viajava pela rodovia buscou abrigo no estabelecimento. Por sorte, ninguém se feriu. Até o momento a Polícia Militar da Bahia não tem informações sobre o paradeiro dos bandidos.

123