UESPE já está se organizando para emissão das carteiras de estudante em Petrolina

Entidade já se mobiliza para emissão das carteiras (Foto: Blog Waldiney Passos)

A expectativa do retorno das aulas presenciais já mobiliza os integrantes da União dos Estudantes Secundaristas de Pernambuco (UESPE) para emissão das carteiras de estudante. Nesse começo de ano a entidade está aproveitando para entregar os formulários nas escolas, a fim de agilizar o processo de emissão.

O aluno também procurar a sede da UESPE, de segunda a sexta-feira das 8h às 12h e de 13h às 16h, na Rua das Laranjeiras, 234, Centro de Petrolina. A única diferença no processo de emissão é que ao ir na entidade faz-se necessário a apresentação do comprovante de matrícula.

“A gente tem ido a algumas escolas para deixar a circular, os formulários para fazer o processo. Na sua escola é só você entregar o formulário preenchido com uma foto 3×4 colada e a cópia do RG. Se for na sede da UESPE tem o aditivo da declaração da escola“, explica Paolo Presta, representante da UESPE a nível estadual.

LEIA MAIS

Novo líder da Bancada de Oposição, Marquinhos do N4 comenta decisão de Gilmar em não apoiar seu nome

Marquinhos terá a missão de liderar a bancada de Oposição (Foto: Blog Waldiney Passos)

Quando as sessões legislativas começarem em fevereiro, a bancada de Oposição de Petrolina terá uma nova liderança. Marquinhos do N4 (PODEMOS) foi escolhido pelos colegas e espera manter um trabalho propositivo. Entretanto, seu nome não foi unânime no grupo dos opositores.

“Tivemos o voto de Samara [da Visão] e Elismar [Gonçalves]. Gilmar [Santos] adotou uma postura de oposição independente. Respeito a posição dele, mas enquanto líder vamos propor, vamos conversar e buscar trazer melhorias. Ele propôs algo diferente, onde nós três não aceitamos. Ele queria que fosse um rodízio. Um ano fica um, renunciava para o outro assumir. Ele disse que era uma proposta coletiva, mas pra mim proposta coletiva é onde a maioria aceita. Aceitamos dois anos e depois mais dois anos”, explicou no programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal Petrolina.

LEIA MAIS

Prestes a encerrar mandato, Paulo Valgueiro faz avaliação positiva do trabalho na Câmara de Petrolina

Líder da Bancada de Oposição, Paulo Valgueiro (PSD) se despede da Câmara de Petrolina ao final do ano. Voz ativa no grupo, ele não conseguiu a reeleição no mês de novembro, mas afirma encerrar seu primeiro mandato com a cabeça erguida.

LEIA TAMBÉM

Confira os vereadores eleitos em Petrolina

“Faço uma avaliação positiva. A gente buscou fazer o melhor por Petrolina. Um mandato pautado pela seriedade, a gente buscou trabalhar com compromisso e seriedade, aprovar e reprovar, discutir os projetos da melhor forma possível, buscando contribuir com os projetos e com Petrolina. A gente tem a certeza de dever cumprido”, disse ao Blog Waldiney Passos.

LEIA MAIS

Festival Edésio Santos da Canção será realizado sem público e com transmissão online

Esse ano público não poderá acompanhar festival presencialmente (Foto: Arquivo/PMJ)

A Comissão Organizadora já anunciou as músicas que nesse ano disputarão a 24ª Edição do Festival Edésio Santos da Canção. E em 2020, por conta da pandemia, o tradicional evento de Juazeiro (BA) será realizado em novo formato: transmissão online e sem a presença do público.

LEIA TAMBÉM

Juazeiro: Estão definidas as músicas que irão concorrer ao Festival Edésio Santos 2020

Foram selecionadas 24 canções, com artistas locais e de outros estados. Elas disputarão os prêmios de entre os dias 10 e 12 de dezembro. “Estamos definindo o espaço onde [será realizado]. Só vai ter acesso a banda base do Festival e intérpretes, comissão julgadora, equipe técnica e equipe de transmissão“, contou o gestor da SECULTE, Alan Cléber que foi entrevistado no programa Super Manhã com Waldiney Passos nessa segunda-feira (23).

As equipes da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE) está sendo assessorada pela Secretaria de Saúde (SESAU) e os artistas serão testados antes das apresentações. Nesse ano o Edésio Santos tem prêmios nos que variam entre R$ 10.500 e R$ 2.500, além de troféus aos vencedores.

Após Alepe aprovar projeto que aumenta custas processuais, presidente da OAB Petrolina classifica matéria como “impertinente”

Alexandre Torres falou sobre projeto que aumenta custas de processos (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Ordem de Advogados do Brasil (OAB) está se mobilizando em Pernambuco para derrubar um projeto de lei votado na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) na última quinta-feira (19). A matéria prevê alteração no valor das custas processuais e as taxas judiciárias.

O projeto seguirá para a segunda votação e caso seja aprovado outra vez, seguirá para sanção do governador Paulo Câmara (PSB). Contudo, a OAB-PE considera a matéria “impertinente” porque querer elevar as custas em plena pandemia. Durante entrevista no programa Super Manhã com Waldiney Passos dessa segunda-feira (23), o presidente da subseção em Petrolina, Alexandre Torres afirmou que o maior prejudicado será a população.

“Estamos mobilizados para que possamos conversar com os deputados e tentar em segunda instância derrubar esse projeto que nós julgamos impertinente e absurdo, porque representa um aumento de mais de 30% no valor final das custas. Quem vai pagar essa conta é a população. Em tempo de pandemia, você suprimir o direito de acesso à Justiça é um crime à população“, disse a Rádio Jornal Petrolina.

LEIA MAIS

Marquinhos Amorim chega à Câmara de Petrolina com a missão de manter vivo o legado de Plínio Amorim

Marquinhos Amorim tem sua base eleitoral em Rajada (Foto: Blog Waldiney Passos)

A partir do dia 1º de janeiro, a zona rural de Petrolina terá mais um representante na Câmara de Vereadores. Marquinhos Amorim (Republicanos) foi eleito para uma das 23 cadeiras com 1.615 votos. Estreante na Casa Plínio Amorim, ele quer fazer mais pelo interior e também pela cidade.

Depois de bater na trave em 2012 e 2016, Marquinhos vez valer a expressão que a “terceira vez é o encanto”. Ademais, quer manter vivo o legado de um parente já conhecido em Petrolina. “Terminou a eleição de 2016 e eu disse que ia para ganhar. Comecei a construir amigos e graças a Deus essas amizades que a gente construiu a gente alcançou. Foi uma eleição difícil, porque você trabalhar com o pessoa gastando dinheiro e a gente sair como o segundo do partido é muito bom“, avalia o vereador eleito.

Legado de Plínio Amorim

Servidor público, Marquinhos inicia seu mandato no dia 1º de janeiro de 2021. E apesar de ser novato na Câmara, ele entra com uma responsabilidade a mais: manter vivo o legado do tio Plínio Amorim, ex-vereador que dá nome à Casa Legislativa.

LEIA MAIS

Após celeuma sobre óbito por covid-19, secretário de Saúde de Orocó afirma que diagnóstico é feito pelo LACEN

Município registrou primeiro óbito no final de semana (Foto: Reprodução/Internet)

A notícia de um óbito pelo coronavírus em Orocó, Sertão de Pernambuco, provocou um alvoroço na cidade. Parte da população questionou a veracidade do diagnóstico, especialmente após a família da paciente apresentar uma falha no resultado do LACEN.

LEIA TAMBÉM

Cabrobó e Orocó registram 1º óbitos por covid-19

A morte da idosa de 67 anos aconteceu no dia 9 de maio, mesma data da coleta feita pela Secretaria Municipal de Saúde. Contudo no exame do LACEN, a coleta conta no dia 11.  Para esclarecer o fato, o Blog Waldiney Passos entrevistou o secretário de Saúde de Orocó, Ricardo Ferraz, que explicou toda situação.

Procedimento padrão

“Essa paciente veio a óbito no dia 09/05. Ela chegou com queixa de dor no abdômen, foi medicada pela equipe que estava de plantação. Duas horas depois ela foi evoluindo com cansaço, fadiga e veio a óbito. A gente é orientado pela Secretaria Estadual [SES-PE] que o paciente que vem a óbito com esses sintomas que faça a coleta e envie o LACEN“, destacou o secretário.

LEIA MAIS

Mesmo com pandemia, empreendedora de Petrolina mantém otimismo na semana da Páscoa

Confeiteira mantém otimismo na semana da Páscoa

A Páscoa é a época de ouro para quem trabalha com chocolate. Porém, 2020 chegou com um obstáculo – a pandemia do novo coronavírus – colocando esse item queridinho para escanteio na lista de compras dessa semana. Em meio a incertezas, uma empreendedora de Petrolina tem buscado driblar o momento e manter as vendas dentro da expectativa.

Gabriela Sá é engenheira agrônoma por formação. Ainda na vida acadêmica descobriu que os doces feitos por ela poderiam ser uma ótima forma de ganhar dinheiro. Há dois anos a confeiteira se dedica ao trabalho com afinco e busca na tecnologia uma aliada para alcançar novos consumidores.

“Comecei vendendo marmitinha de bolo na faculdade para ajudar nas despesas. [Para esse ano] estava me organizando quando a notícia [do covid-19] se espalhou pelo Brasil. Mas isso não me fez parar, nos reinventamos”, contou ao Blog Waldiney Passos.

LEIA MAIS

Empresários de Petrolina usam tecnologia como aliada para driblar isolamento social

Sem poder receber público, empresário adapta serviços para delivery (Foto: Arquivo Pessoal)

Ruas vazias, comércios fechados e um sentimento de incerteza por conta da pandemia do novo coronavírus. A pandemia global tem modificado o funcionamento de inúmeros serviços ao redor do mundo, em Petrolina não seria diferente. Mas os empresários sertanejos têm buscado alternativas para continuar exercendo suas atividades.

Bares e restaurantes somente podem funcionar para o serviço de delivery. Diante do cenário Arthur Coêlho precisou adaptar os serviços de um conhecido bar no Jardim Maravilha ao mundo digital. No lugar de mesas cheias e clientes pedindo os aperitivos durante as partidas de futebol, o contato agora é virtual.

O boteco que ganhou as redes

O empreendimento possuía perfis nas redes sociais, porém, pouco utilizados. Tudo mudou com a quarentena. “Com a pandemia passamos a criar imagens de divulgação e interagir mais com o público para poder ter um retorno melhor. Através das mídias divulgamos os horários de funcionamento, cardápio do serviço de Delivery, nossa página informa também o número do WhatsApp para realizar pedidos e receber o feedback do nosso consumidor“, contou ao Blog.

Ao perceber que o negócio virtual poderia funcionar como alternativa no período de isolamento social, Arthur passou a se empenhar cada vez mais e desde a última terça-feira os pedidos também estão sendo feitos por meio de um aplicativo de delivery.

“A rede social está se mostrando uma ótima aliada nos nossos serviços, além disso, o serviço de Delivery que não existia e foi implantado na Toca por causa da pandemia e também irá continuar daqui pra frente. Alguns clientes preferem esse meio para consumir“, destaca.

LEIA MAIS

Apesar de Elias negar desistência, Aero Cruz confirma: “Ele já nos comunicou”

Líder afirmou que Elias já comunicou decisão (Foto: Blog Waldiney Passos)

Líder da Bancada de Situação na Câmara de Vereadores de Petrolina, Aero Cruz (PSB) confirmou o que Elias Jardim (PHS) tentou negar na sessão de terça-feira (10). De acordo com Aero, o colega não apenas anunciou a desistência das eleições, como também avisou que indicaria um nome em seu lugar.

LEIA TAMBÉM

Elias Jardim afirma que suposto apoio a Pedro Caldas é “fake news”

“É um vereador muito preocupado com a questão evangélica e a área irrigada, mas tomou essa decisão [de não ser mais candidato], disse que vai apresentar um candidato, mas não é mais candidato. Reconheço e agradeço o trabalho que a gente vem fazendo com a bancada, sempre acompanhando a votação junto”, afirmou.

LEIA MAIS

Lucinha Mota justifica porque tiraria Ronaldo Cancão e Cristina Costa da Casa Plínio Amorim 

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Na última segunda-feira (9), Lucinha Mota (PSOL) participou do programa Ponte e Vírgula, na Ponte FM, e ao ser questionada sobre quais vereadores ela tiraria da Câmara Municipal de Petrolina (PE), ela afirmou que tiraria Ronaldo Cancão (PTB) e Cristina Costa (PT).

LEIA TAMBÉM

“Quem vai me julgar é o povo e Deus”, afirma Cancão em resposta à Lucinha Mota

A declaração de Lucinha, mãe de Beatriz Angélica Mota e pré-candidata a vereadora nas eleições 2020 em Petrolina, repercutiu, e na última terça-feira (10), Cancão, durante sessão ordinária na Casa Plínio Amorim lamentou a afirmação de Lucinha, já Cristina, preferiu não comentar sobre o assunto.

Hoje (11), Lucinha participou do Programa Super Manhã com Waldiney Passos, na Rádio Jornal, e justificou sua declaração. “Quando eu coloquei o nome de Cristina e Ronaldo Cancão foi simplesmente pelo fato deles terem levado Alison à Câmara de Vereadores. Eu não concordei com aquilo. Aquilo foi um falta de respeito com a memória de Beatriz, porque Alison teve o direito ao contraditório, e ele teve isso no Tribunal, que não negou a ele esse direito, é tanto que ele conseguiu o relaxamento de prisão. Não cabia ali a presença de seu advogado fazer uma defesa,” ressaltou Lucinha Mota.

“Eu não fui para desqualificar nem ele [Cancão], nem Cristina, por que eu sei que eles têm serviço prestado no município. Agora, eu coloquei a minha opinião, e eu tenho direito, se não, não existia democracia. O limite é o respeito”, completou Lucinha.

De olho em Petrolina, Luciano Bivar afirma: “Nosso candidato é o Gabriel Menezes”

Para Luciano Bivar, presidente nacional do PSL e deputado federal de Pernambuco, o nome do vereador Gabriel Menezes é a escolha do partido para as eleições de 2020, em Petrolina. Bivar participou do programa Repercutindo com Daniel Campos na Rádio Jornal, nessa sexta-feira (28) e falou ainda sobre as ambições da sigla no pleito de outubro.

Gabriel é nome forte do PSL (Foto: Reprodução)

“Onde nós pudermos marcar presença, nós vamos marcar. Em Petrolina o nosso candidato é o Gabriel Menezes, ele é nosso candidato a prefeito. O que nós precisamos ter no PSL no Brasil inteiro: ter uma trincheira contra o ataque contra um eventual ataque às instituições do nosso país, contra as instituições. Nosso partido é liberal“, afirmou o deputado.

Liderança com Gabriel

De acordo com o presidente do PSL, Gabriel é a escolha natural, por ser uma liderança na Oposição e também dentro no próprio partido. “O Gabriel é o presidente do diretório, ele que decide os caminhos que vai trilhar o PSL em Petrolina. Ele é um jovem político, muito bom. Nos apoiou na última eleição, não vejo como não ter outra opção, apesar do Miguel [Coelho] ser um bom prefeito, mas nós temos nosso time, nossas ideias e objetivos”, destacou.

Ex-aliado do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), Bivar foi curto e gross: “Onde a gente puder marcar nossa presença pra defender um país livre, respeitando suas instituições, nós iremos fazer”, concluiu.

Pré-candidato a prefeito de Orocó, Ismael Lira afirma que atual gestor “virou as costas para todo mundo”

Ismael Lira criticou atual prefeito (Foto: Blog Waldiney Passos)

A eleição municipal de Orocó, Sertão de Pernambuco, em outubro deve ser movimentada. Pré-candidato da Oposição para a disputa, o vereador Ismael Lira participou do programa Super Manhã com Waldiney Passos nessa quarta-feira (19) e criticou o atual prefeito Gueber (PT).

LEIA TAMBÉM

Orocó: de olho em 2020, vereador anuncia desfiliação e monta grupo para eleições de outubro

“Nas outras eleições nós passávamos e existia uma rejeição aos prefeitos, era uma rejeição natural porque nas cidades pequenas existe o partidarismo. Mas no caso que a gente vivencia hoje, com o atual prefeito, há uma rejeição muito maior. Há uma crítica e descrédito ao governo”, disse Lira.

LEIA MAIS

Pais de autistas e professores de Atendimento Especial cobram resposta sobre mudança na rede municipal de Petrolina

Educação dos alunos especiais foi debatido hoje na Câmara (Foto: Ascom/PMP)

Em meio ao debate sobre o Requerimento de Paulo Valgueiro (MDB), a Câmara de Vereadores de Petrolina abriu espaço para ouvir os profissionais da rede municipal de ensino. Um grupo de mães e professores do Atendimento Educacional Especializado (AEE) chamou atenção às mudanças no início do atual ano letivo.

Cerca de 200 famílias estão sendo afetadas pois haverá a troca dos atuais AAE por assistentes educacionais contratados, que não seriam pessoas qualificadas a esse trabalho. Luciana Gomes, é mãe de dois autistas atendidos nas escolas municipais e explicou a situação atual.

Luiz Gustavo falou sobre apreensão (Foto: Blog Waldiney Passos)

Pais e mães preocupados

“Até o ano passado a gente tinha os auxiliares, pessoas preparadas para estar com eles na sala de aula para dar o apoio educacional. Esse ano fui surpreendida porque terminou o contrato deles e não teve outro processo seletivo e não terá. O que teve foi um processo seletivo para assistente educacional, alguns não têm nem Ensino Médio Completo”, contou.

Segundo Luciana, esses novos profissionais não são capacitados ao atendimento, o que preocupa as famílias dos autistas. “Na escola a gente quer o cuidado educacional, esse é o papel do auxiliar, de estar lá para desenvolver isso”, continuou.

Alunos apreensivos

Luiz Gustavo é autista e um dos atendidos nas escolas municipais. Ele retomou os estudos nessa semana, com o início do ano letivo e disse temer por sua formação educacional. “Pra mim o que minha auxiliar fez, se tirarem eu não sei o que vou fazer. Eles são voltados para os alunos que têm deficiência como eu, elas já estão acostumadas com a gente“, disse.

Prefeitura responde

Em nota, a Prefeitura de Petrolina informou que os novos professores passarão por uma capacitação. A Secretaria de Educação alega não haver prejuízo pedagógico aos estudantes e que o contrato dos atuais docentes termina apenas em 22 de fevereiro, dando tempo da gestão formar os substitutos.

Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Valgueiro acredita em candidatura de Lóssio e afirma que ex-prefeito “vai estar jogando para ganhar”

Valgueiro caminhará ao lado de Lóssio, antigo aliado político (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os trabalhos na Câmara de Vereadores foram retomados na última terça-feira (4), com a primeira sessão do ano. Em meio às expectativas de debates acalorados, por ser ano eleitoral, as conversas nos bastidores da Casa Plínio Amorim giram em torno das possíveis candidaturas em outubro.

LEIA TAMBÉM

Líderes afirmam que bancadas de Oposição e Situação não vão mudar postura em 2020

Líder da Oposição e aliado político de Julio Lóssio, Paulo Valgueiro (MDB) disse acreditar na candidatura do ex-prefeito, apesar de Lóssio. “Ele deixou mais ou menos claro no café da manhã, respondeu através da imprensa. Ele perguntava se o pessoal acreditava se Miguel ia disputar em 2020, se Odacy [Amorim] ia e a mesma coisa servia para ele também. Com certeza a gente vai estar no jogo, vai estar jogando para ganhar, não só para disputar”, disse.

Saída do MDB

Com a chegada de Miguel Coelho ao MDB, Valgueiro já havia dito que deixaria o partido no qual estava há anos. O próximo partido deve ser o PSD, atual casa de Lóssio. “A gente vai ter esse mês de fevereiro para aprofundar as conversas e em março a gente busca a nossa agremiação para disputa das eleições, que deverá ser a mesma em que milita o ex-prefeito Julio Lóssio”, destacou.

123