Prazo dado pela Semaurb acaba e morador que matou árvore não cumpre acordo; Caso aconteceu no Residencial Juazeiro III

Um morador acusado de matar uma árvore que estava na calçada da sua casa no Residência Juazeiro III, em Juazeiro, no Norte da Bahia, não cumpriu o acordo feito com a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano de plantar outra árvore no lugar.  O prazo dado pela secretaria era de 15 dias.

Revoltados com a situação, moradores da comunidade cobraram providências da Semaurb. “Já se passaram 15 dias e o replantio da árvore nativa que foi dado o prazo pela fiscalização ambiental ainda não foi cumprido pelo morador que arrancou”, disse um comunitário.

O que disse a Semaurb?

Em nota, a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano informou que a equipe de fiscalização ambiental retornará até o local para verificar se o morador procedeu ou não ao plantio de uma muda de espécie nativa. Caso seja verificado o descumprimento das orientações acordadas anteriormente, o morador sofrerá as penalidades ambientais, como notificação e auto de infração.

Morador volta a atacar árvore no Residencial Juazeiro III; Semaurb emite nota sobre caso

No dia 26 de outubro o Blog publicou uma matéria sobre um morador do Residencial Juazeiro III, que estava tentando matar uma árvore localizada na Rua N, no Bloco 3. O motivo da revolta era porque ele não queria animais deitado debaixo da planta. E no sábado (6), ele voltou a agir e conseguiu o que queria: arrancar a planta.

LEIA TAMBÉM

Crime ambiental: Morador é denunciado por tentar matar árvore no Residencial Juazeiro III

“Ele cortou o restante da árvore e estava dizendo que estava sabendo que tinham denunciado e que teria saído no blog. Fizemoz a denúncia a vocês, fomos na Semaurb, procuramos a polícia e o IBAMA. No sábado ele veio e fez isso, arrancou a árvore“, conta um leitor que relatou o fato à nossa equipe.

LEIA MAIS

Crime ambiental: Morador é denunciado por tentar matar árvore no Residencial Juazeiro III

Imagem ilustrativa retirada da internet

 

Em contato com a redação do Blog, um leitor denunciou que um morador do Residencial Juazeiro III, em Juazeiro, norte da Bahia, está tentando matar uma árvore no bairro. O leitor explicou que a árvore oferece sombra para as crianças brincarem.

 

Ainda segundo o denunciante, o motivo para essa crueldade com a árvores é banal. “Não é a primeira vez que esse mesmo morador tenta matar a árvore […] Segundo ele, estava matando a árvore porque ela suja a porta do apartamento que ele mora”, disse.

 

O leitor informou que chegou a procurar o IBAMA, mas foi orientado a procurar a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano da Prefeitura Municipal.

 

“Quem realizar podas drásticas ou atos de vandalismo contra árvores poderá ser autuado e multado”, informou a Semaurb.

 

Em nota, a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb) informou que tomou conhecimento da denúncia através da imprensa e enviará uma equipe ao local para tentar identificar os responsáveis pelo ato de vandalismo.

 

A Semaurb esclareceu ainda que antes de realizar podas de árvores em áreas públicas, é necessário que a secretaria seja informada, para que uma análise de viabilidade seja feita no local onde a árvore está plantada.

 

Quem realizar podas drásticas ou atos de vandalismo contra árvores poderá ser autuado e multado.

Ambientalista Victor Flores lança obra na Bienal do Livro de Pernambuco

Victor Flores lançará obra nesta terça-feira, Dia das Crianças (Foto: Divulgação)

A ararinha mais simpática do Vale do São Francisco pousará na XIII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco. Tita e seus amigos são personagens do primeiro livro infanto-juvenil do ambientalista Victor Flores. O lançamento de “Tita e o Mistério do Velho Chico” será nesta terça-feira (12), às 15h, no Centro de Convenções de Pernambuco.

A obra tem 75 páginas e conta a história de Tita filha única de Lavareda, caçador de pássaros bastante conhecido no Sertão do São Francisco. Após ganhar uma sanfona mágica do seu pai, Tita se envolve numa história de mistério e magia.

LEIA MAIS

Projeto ‘Nossa Árvore’: Cerca de 15 mil mudas de árvores são doadas e plantadas em Petrolina

Uma cidade mais arborizada, além de embelezar, promove bem-estar para a população. Isso pode ser percebido durante uma parada rápida embaixo de uma árvore, para se esconder do sol, ou para desfrutar temperaturas mais amenas. Pensando nos petrolinenses, a prefeitura municipal, através da Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA), tem trabalhado para deixar a cidade cada vez mais verde com o projeto ‘Nossa Árvore’. Nos últimos anos, 15 mil árvores nativas já foram plantadas e doadas na cidade.

De acordo com o diretor-presidente da AMMA, Geraldo Miranda, a participação da população é de extrema importância e fundamental para que as árvores continuem crescendo. “O maior desafio é desenvolver, através do plantio coletivo, uma consciência ambiental para que a comunidade contribua com os cuidados de arborização urbana. Precisamos do apoio da comunidade para transformar a cidade cada vez melhor para todos”, destacou.

Geraldo ainda lembra da ação de sucesso desenvolvida na Avenida Altino Coelho, no bairro Cohab Massangano. No local a AMMA plantou 80 mudas de árvores nativas com ajuda dos moradores, eles estão realizando a molhação das plantas e contribuindo com arborização da própria rua.

Viveiro Municipal – Petrolina conta com seu próprio Viveiro que distribui plantas nativas da caatinga. E para saber mais informações sobre a doação das mudas pode ir até a AMMA, que fica localizada na Rua Antônio Padilha, 55, Centro, ou entrar em contato através do telefone (87) 3866-2779.

Nilton Freittas, Targino Gondim e Roberto Malvezz lançam CD em defesa do Rio São Francisco em outubro

Os músicos e compositores Nilton Freittas, Targino Gondim e Roberto Malvezzi – Gogó se uniram para lançar o projeto “O Belo Chico – Convivência com o Rio São Francisco através da música”. A produção tem como objetivo chamar a atenção para luta em defesa do Velho Chico e, através das canções, animar o povo, estimular a construção de reflexões sobre o rio e a consciência política e sociambiental.

O projeto Belo Chico consiste num álbum com canções que que falam da situação do São Francisco, seu povo, suas comunidades, potencialidades, perigos e esperanças. O CD é composto por 13 músicas, sendo algumas inéditas dos autores de Belo Chico, e outras já consagradas e conhecidas, de autoria própria ou de terceiros, selecionadas pelo conteúdo das letras e pela melodia. O Belo Chico será  apresentado ao público no dia 02 de outubro, em uma live, transmitida no Youtube, através do canal TV Irpaa, em alusão ao aniversário do rio que é celebrado em 04 de outubro.

LEIA MAIS

UNINASSAU promove ação de limpeza em bairro de Juazeiro-BA 

 ​

A Faculdade UNINASSAU Petrolina realiza, neste sábado (18), uma ação de limpeza na Avenida Giuseppe Muccini, na cidade de Juazeiro-BA. A atividade começa a partir das 9h e faz parte do projeto Ação Tropical, que visa estimular a população a realizar o descarte correto do lixo e chamar a atenção sobre a importância da preservação do meio ambiente.

A mobilização vai contar com a participação de estudantes e colaboradores da Instituição de Ensino Superior, que juntos recolherão materiais descartados de forma inadequada e distribuirão sacos de lixo para os moradores da localidade. 

LEIA MAIS

Cinco novas reservas ambientais são criadas em Jacobina

Cinco propriedades rurais localizadas em Jacobina foram transformadas, nesta quarta-feira (1), em Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs). A criação das unidades de conservação privada foi oficializada por meio de portarias publicadas pelo Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), no Diário Oficial do Estado da Bahia. O município agora conta com mais de 202 hectares protegidos, informa o promotor de Justiça Pablo Almeida, explicando que as reservas resultam de termos de compromisso assinados entre os proprietários das terras, Adroaldo Ribeiro Araújo e Elione Muritiba Araújo, e o Ministério Público estadual, por meio do programa do planejamento estratégico ‘Floresta Legal’.

LEIA MAIS

Secretário Claudiano Filho planeja projeto de perenização de rios em Pernambuco 

Nesta quarta-feira, 14, o secretário Claudiano Filho, da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA) do Estado de Pernambuco, promoveu uma visita técnica em Carnaíba com o intuito de conhecer as barragens de represamento do Rio Pajeú. Além de prestigiar o trabalho executado na gestão do prefeito Anchieta Patriota, o secretário pretende replicar o projeto em outros municípios pernambucanos.

Perenização de rios 

O projeto de barragens busca a perenização de rios e leitos que correm no Estado pernambucano. De acordo com o presidente da Agência Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (CPRH), Djalma Paes, um rio perene é aquele que flui o ano todo e não corre risco de secar a qualquer momento, a não ser em casos de seca extrema.

Contudo, no Agreste e Sertão, regiões onde residem a maior parte dos agricultores independentes de Pernambuco, o clima é semiárido, isto é, quente e seco. Essa situação climática resulta em períodos de pouca chuva e no baixo volume de água de muitos leitos pernambucanos, como em alguns pontos do Rio Ipanema e do Rio Pajeú. Uma solução para a população e para os agricultores familiares é o projeto de perenização de rios por meio de barragens sucessivas, como no caso de Carnaíba.

LEIA MAIS

Paulo Câmara reafirma compromisso de neutralizar emissões de gases de efeito estufa no Estado

O governador Paulo Câmara participou, nesta quinta-feira (24.06), do evento online “Diálogos sobre mudanças climáticas e biodiversidade”, promovido pela Delegação da União Europeia no Brasil, e reafirmou o compromisso de Pernambuco em neutralizar as emissões de gases de efeito estufa no seu território até 2050, apoiado em uma parceria com a União Europeia firmada em março deste ano. Com a iniciativa, o Estado se torna pioneiro no Nordeste na criação desse tipo de plano, que visa garantir o desenvolvimento sustentável, aliando emprego, renda, qualidade de vida, preservação ambiental e vantagens competitivas no mercado internacional.

LEIA MAIS

Prefeitura de Juazeiro promove doação de mudas de espécies da caatinga

No mês voltado às ações de preservação da natureza, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb) está distribuindo mudas de árvores nativas da caatinga.

As espécies são Jacarandá, Mororó, Caraibeira, Ipê Roxo e Embiratanha e foram doadas por empresas e instituições parceiras da Prefeitura, como a Agrovale, Atlas e Núcleo de Ecologia e Monitoramento Ambiental (NEMA) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). O objetivo dessa ação é incentivar o plantio de árvores na cidade.

“A ideia é que as mudas sejam doadas com toda a orientação técnica da equipe ambiental da Semaurb, explicando como deve ser feito o plantio, o tamanho da cova, o tipo de adubo que deve usar. Dessa forma, vamos conseguir promover uma arborização para o município, tanto na área urbana quanto também no interior com mudas nativas, plantando em praças ou em calçadas que tenham espaçamento para receber uma árvore”, esclareceu a engenheira florestal da Semaurb, Mariana Bezerra.

Os interessados podem solicitar uma muda de árvore indo diretamente na Semaurb, localizada na Rua Oscar Ribeiro, s/n, centro de Juazeiro, das 8h às 14h. Para retirar a planta, é necessário assinar um termo. Outras informações pelo telefone (74) 3612-3581.

Prefeitura de Juazeiro realiza ações de meio ambiente na comunidade do Rodeadouro e ouve moradores

A Prefeitura de Juazeiro está desenvolvendo ações de monitoramento ambiental em locais específicos do município durante a Semana do Meio Ambiente. A equipe de fiscalização ambiental da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb) visitou a comunidade do Rodeadouro. O local é um dos mais visitados por moradores e turistas que buscam se divertir nos finais de semana na Ilha do Rodeadouro.

A equipe da Semaurb levantou informações a respeito do saneamento e coleta de lixo na comunidade. Os técnicos também ouviram os moradores para conhecer as necessidades voltadas para o ordenamento urbano e melhorias ambientais na área.

LEIA MAIS

Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado com homenagem a vítimas da covid, em Juazeiro

Memorial da Saudade homenageia vítimas fatais da covid, em Juazeiro (Foto: Cortesia)

Juazeiro (BA) celebrou o Dia Mundial do Meio Ambiente de uma forma diferente. O Rotary Club da cidade propôs, na manhã deste sábado (5), o plantio de mudas. Mas com uma dupla finalidade: além de ajudar o bioma caatinga, também lembrar as vítimas da covid-19.

LEIA TAMBÉM

Petrolina celebra Dia do Meio Ambiente com plantio de 7 mil mudas de plantas nativas da caatinga

O chamado “Memorial da Saudade” busca ressignificar a morte. O projeto tem como parceiros a Prefeitura de Juazeiro, a Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Agrovale, Afibrovasf e  NRS NORTE. Um dos homenageados da manhã foi o radialista Jean Rêgo, que foi uma das tantas vidas ceifadas pela doença na cidade vizinha.

LEIA MAIS

Petrolina celebra Dia do Meio Ambiente com plantio de 7 mil mudas de plantas nativas da caatinga

(Foto: Alexandre Justino/Ascom PMP)

Hoje (5) é o Dia Mundial do Meio Ambiente e uma ação realizada no início da manhã reuniu integrantes da Prefeitura de Petrolina, membros das forças armadas e voluntários para o plantio de sete mil mudas nativas da caatinga, às margens do Rio São Francisco.

O desafio foi realizar todo o plantio em menos de duas horas, fato concretizado em exatas 1h34m. O objetivo da ação promovida pela Prefeitura de Petrolina foi conservar a mata ciliar. Entre as espécies escolhidas estão o marizeiro, jatobá, ingazeira, caraizeira e jurema preta, que vão ocupar um território de 12 hectares à beira do Velho Chico.

LEIA MAIS

Prefeitura de Juazeiro realiza monitoramento ambiental na barragem do distrito de Pinhões

Seguindo com as ações pelo interior do município, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb) realizou uma vistoria na barragem localizada no distrito de Pinhões. A visita à comunidade faz parte das atividades de rotina da Gerência de Monitoramento Ambiental e da Diretoria de Fiscalização da Semaurb.

Acolhendo uma solicitação da vereadora Valdeci Alves, a Neguinha da Santa Casa, que recebeu denúncia de moradores do distrito sobre uma possível mortandade de peixes na barragem que fica no local, os fiscais de meio ambiente estiveram na localidade em três ocasiões diferentes para averiguar a situação.

LEIA MAIS
123