Em audiência pública no Congresso, Dilson Peixoto cobra pagamento a pescadores atingidos por mancha de óleo

(Foto: Roberto Stuckert Filho)

O secretário de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco, Dilson Peixoto, esteve em Brasília (DF) na terça-feira (18), para representando o Estado em uma audiência pública promovida pela Comissão Mista, criada no Congresso Nacional que busca discutir a criação do Auxílio Pecuniário Emergencial aos pescadores afetados pelo óleo que atingiu o litoral nordestino.

Peixoto cobrou o pagamento ao público alvo. “Em Pernambuco temos 7.952 pescadores inscritos no Regime Geral da Atividade Pesqueira (RGP) nos 16 municípios litorâneos do estado, mas o IBAMA resolveu excluir do benefício os pescadores de Abreu e Lima, Itapissuma e Igarassu, o que reduziu esse número para 6.505. Para complicar ainda mais, já que as atualizações do RGP estão suspensas desde 2015, a União limitou o pagamento apenas aos que estão com o registro ativo, restringindo os beneficiados a 4.236 pescadores“, disse.

No segundo semestre de 2019 as manchas de óleo atingiram vários estados do Nordeste, sua origem ainda não é conhecida e enquanto isso, os trabalhadores que vivem da pesca seguem desamparados. “De acordo com o PNC, esses custos deveriam ser custeados pela União até que fosse possível descobrir o responsável pela poluição, o que não foi feito até agora nem sabemos se ainda se tem interesse em identificar”, concluiu.

Pernambuco sediará Seminário Internacional da Água

(Foto: Ilustração)

Elemento de fundamental relevância, em especial para a população nordestina, a água será tema de um grande seminário internacional, nos dias 23 e 24 de março, no Recife (PE). Promovido pelo Consórcio Nordeste, e sob o comando do anfitrião, o governador Paulo Câmara, especialistas brasileiros, franceses, mexicanos e chilenos discutirão com representantes de empresas públicas e privadas dos nove Estados da região questões essenciais, como segurança hídrica, regulação, compliance, saneamento rural, novas tecnologias a serviço da utilização e preservação da água, além do novo Marco Regulatório do Saneamento, cujo projeto se encontra em tramitação no Congresso Nacional.

O seminário será realizado no teatro Luiz Mendonça, em Boa Viagem, com capacidade para cerca de 600 pessoas, e servirá também para marcar a passagem do Dia Mundial da Água, celebrado anualmente em 22 de março. De acordo com o governador Paulo Câmara, ter todo o Nordeste unido em torno de temas comuns e essenciais, como é a questão da água, fortalece a luta pela solução de questões importantes e urgentes, a exemplo do abastecimento e do saneamento básico.

LEIA MAIS

Oportunidade: Banco do Nordeste agiliza aprovação de projetos de energia solar

(Foto: Ilustração)

O Banco do Nordeste reduziu para dois dias úteis o prazo médio de atendimento a propostas de crédito para projetos residenciais de energia solar no âmbito do FNE Sol pessoa física. O avanço resulta da automação de processos internos de análise e concessão de crédito relativa ao programa. Outra novidade, é que a partir de março, a solicitação de crédito poderá ser feita via internet.

Lançado em 2018, especificamente para pessoas físicas, o FNE Sol objetiva contribuir para a sustentabilidade ambiental da matriz energética da Região Nordeste, financiando projetos residenciais de energia renovável e contempla micro e minigeradores de energia elétrica, conforme os termos da Resolução Aneel n.º 482/2012 e suas alterações. Em 2019, o Banco do Nordeste contratou R$ 86,3 milhões, correspondentes a mais de 2,8 mil operações.

O FNE Sol financia todos os componentes dos sistemas de micro e mini geração de energia elétrica fotovoltaica ou eólica, assim como sua instalação. Dentro desse escopo, são financiáveis painéis fotovoltaicos e inversores de até 10kw com certificações do Inmetro, para equipamentos nacionais,  e/ou certificação internacional, para equipamentos importados. Inversores acima de 10kw devem ter ao menos uma dessas certificações.

LEIA MAIS

Eduardo Bolsonaro planeja visitar Nordeste em fevereiro

Pernambuco não está na agenda (Foto: Adriano Machado/Reuters)

O deputado federal e filho do presidente da República, Eduardo Bolsonaro anunciou em suas redes sociais que visitará o Nordeste em fevereiro. A agenda não inclui Pernambuco. Em sua passagem pela região, o parlamentar irá à Bahia, Rio Grande do Norte e Paraíba.

Ele também anunciou que não exercerá mais a função de presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados. “Esse ano não tenho aspiração a ser presidente de nenhuma comissão. Com isso, vou ter mais tempo para as atividades aqui dentro do Congresso, estou planejando novidade nas redes sociais e pretendo estar junto com vocês para levar o Brasil mais adiante”, afirmou.

Advogado e policial federal, Eduardo Bolsonaro, de 34 anos, foi reeleito deputado federal em 2018 com a maior votação do País (1.843.735 votos), pelo PSL. Terceiro filho do atual presidente, cabe a ela a articulação para do Aliança pelo Brasil, novo partido dos Bolsonaros. (Com informações do Blog do Jamildo).

Acesso à água: plano do governo federal pode beneficiar 3 milhões de pessoas do semiárido nordestino

(Foto: Ilustração)

O Serviço Geológico do Brasil está buscando recursos para tirar do papel um plano inédito, de R$ 245 milhões, que pode beneficiar 3 milhões de pessoas que não têm acesso à água no semiárido nordestino. O plano feito por especialistas do órgão federal prevê um investimento em oito tipos diferentes de ações para oferta de água, com obras previstas por 48 meses.

O valor do investimento pode parecer alto, mas é pequeno quando comparado ao gasto com abastecimento emergencial aos sertanejos ao longo de um ano. Somente em 2019, a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, ligado ao MDR (Ministério do Desenvolvimento Regional), gastou R$ 610,5 milhões com a Operação Carro-Pipa.

LEIA MAIS

Banco do Nordeste lança edital para projetos de difusão e transferência de tecnologia

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O Banco do Nordeste lançou edital do Fundo de Desenvolvimento Econômico, Científico, Tecnológico e de Inovação (Fundeci), no valor de R$ 6 milhões, para apoio financeiro a projetos que promovam a difusão e transferência de tecnologias em atividades priorizadas nos territórios atendidos pelo AgroNordeste e/ou pelo Programa de Desenvolvimento Territorial Banco do Nordeste (Prodeter). O prazo de execução dos projetos, que podem contar com recursos não reembolsáveis de R$ 60 mil até R$ 300 mil, é de seis meses a dois anos.

O edital foca o tema na “Difusão e Transferência de Tecnologia em Territórios Prioritários do Plano AgroNordeste do MAPA e do Programa de Desenvolvimento Territorial Banco do Nordeste (Prodeter)”. As inscrições devem ser feitas até 7 de fevereiro de 2020, podendo participar instituições públicas e privadas sem fins lucrativos, com sede ou com filiais na área de atuação do BNB, que abrange os nove Estados da Região e o Norte de Minas Gerais e do Espírito Santo. O resultado da primeira etapa será divulgado em 9 de março de 2020.

Os projetos devem contemplar a difusão e transferência de tecnologias em pelo menos um dos quatro elos da cadeia produtiva ‒ insumos, produção, beneficiamento e comercialização ‒ em uma das atividades priorizadas nos territórios elegíveis. O desafio é melhorar os níveis de produtividade dos mini, micro e pequenos produtores por meio da organização, fortalecimento e elevação da competitividade das atividades econômicas selecionadas. Clique aqui e confira o edital.

Óleo encontrado em mais uma praia do RJ é compatível ao do Nordeste

Depois de atingir Nordeste, óleo está aparecendo no Sudeste (Foto: Divulgação/Prefeitura de São Francisco de Itabapoana)

A força-tarefa que monitora as praias do Brasil afirmou que o fragmento encontrado na praia de Santa Clara, em São Francisco de Itabapoana (RJ) é compatível ao encontrado no litoral nordestino e também, do Espírito Santo. De acordo com o Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), essa é a segunda praia do RJ atingida pelo óleo.

20 gramas do óleo foram recolhidos e analisados pelo grupo, formado pela Marinha, Agência Nacional de Petróleo (ANP) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). As equipes estão monitorando a situação, para evitar um maior dano.

Durante o final de semana, o GAA também coletou materiais na praia de Guriri, também em São Francisco de Itabapoana; no Canal das Flechas, em Quissamã; e na praia do Barreto, em Macaé, todas no Rio de Janeiro. Até o momento não houve confirmação de compatibilidade.

Operação conjunta das polícias de Alagoas, Bahia e Pernambuco prende integrantes de grupo que roubava carro-forte no Nordeste

(Foto: Ilustração)

Uma operação integrada entre as polícias de Alagoas, Bahia e Pernambuco terminou com a prisão de seis pessoas nesse final de semana. Elas são suspeitas de envolvimento na explosão de um carro-forte e outros crimes praticados no Nordeste.

Policiais de Alagoas e Bahia identificaram que o líder do grupo é Varnei Xavier dos Santos, que se encontra foragido. José Salviano Arcoverde Neto também dá ordens para o grupo, mas de dentro de um presídio. Foram cumpridos mandados de prisão em Delmiro Gouveia (AL), Paulo Afonso (BA) e Petrolina.

Também foram apreendidos quatro fuzis, três carabinas, três revólveres, uma pistola 9mm, dois coletes balísticos, cinco carros (quatro era roubados), explosivos, rádios comunicadores, balaclavas e trajes do exército.

LEIA MAIS

Óleo compatível ao que atingiu praias do Nordeste chega ao Rio de Janeiro

Mancha de óleo causou estragos no litoral nordestino (Foto: Adema/Governo de Sergipe)

Depois de atingir as praias do Nordeste, o óleo de origem ainda não identificada chegou ao Sudeste. Nesse final de semana, cerca de 300 grama do óleo foi recolhida na praia de Grussaí, em São João da Barra (RJ).

Segundo a força-tarefa formada por Marinha, Ibama e ANP (Agência Nacional de Petróleo), as manchas de óleo que atingiram a praia de Grussaí passaram por análise do Instituto de Estudo do Mar Almirante Paulo Moreira e é compatível com a que atingiu o Nordeste.

“[O material] é compatível com o óleo encontrado no litoral da região Nordeste e Espírito Santo”, concluiu o instituto. Equipes estiveram no local para fazer a limpeza da praia. De acordo com o Ibama, até sexta-feira (22), o óleo já havia atingido 724 localidades em 120 municípios de dez estados brasileiros.

Governadores do Nordeste visitam Alemanha em busca de novos investimentos

Governadores encerram visita nessa sexta-feira, 22 (Fotos:Elisa Elsie/ Consórcio Nordeste)

Os governadores do Nordeste estão na Europa nessa semana, para articular o Consórcio do Nordeste com o bloco europeu. A intenção é atrair novos investidores ao país e ampliar o fluxo de negócios na região. Os gestores estão na Alemanha, onde se reuniram com Associação das Câmaras Alemãs de Comércio e Indústria (DIHK).

Paulo Câmara (PSB), governador de Pernambuco, reafirmou que o Nordeste tem muita força e que não faltam oportunidades, caso os europeus queiram investir na região. “O Nordeste tem oportunidades para se investir no longo prazo. Isso tem feito um diferencial muito grande dado a nossa capacidade de discutir projetos e de fazer pactuações. Em todos as nossas reuniões na nossa missão, esses elementos estão sendo destacados pelos empresários europeus, que demonstram muito interesse em aprofundar a discussão para a consolidação de novos investimentos”, disse.

LEIA MAIS

Governadores do Nordeste discutem linhas de crédito com agência francesa

Paulo Câmara destaca que tratativas visam fortalecer projetos sustentáveis e agricultura familiar.

No segundo dia da missão na Europa, os governadores do Nordeste discutiram com a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) o financiamento de projetos para o desenvolvimento sustentável da região.

No encontro com a diretoria-geral da AFD, realizado em Paris, nesta terça-feira (19), os gestores trataram de linhas de crédito para investimentos principalmente nas áreas de sustentabilidade e agricultura familiar.

LEIA MAIS

Governadores estaduais discutem na França criação de rota de gás natural no Nordeste

(Foto: Elisa Elsie/Consórcio Nordeste)

O uso de energias limpas foi destaque na missão internacional do Consórcio Nordeste, em Paris, nesta segunda-feira (18). Com interesse na criação de ‘blue corridors’, uma rota de transporte de gás natural entre os nove estados nordestinos, os governadores estiveram com representantes da Golar Power, joint venture entre a norueguesa Golar e o fundo norte-americano Stonepeak.

Denominado ‘Rota Azul’, o projeto de integração no Nordeste inclui a instalação de postos de combustíveis capazes de fornecer gás natural liquefeito (GNL) para veículos de carga. Em outros países, a exemplo da China, Espanha e Alemanha, os caminhões e ônibus movidos a gás natural já são realidade.

O vice-presidente da Golar no Brasil, Marcelo Sacramento, disse que o plano de trabalho da empresa prevê inúmeras oportunidades de investimentos. “A disponibilidade do gás para carros e caminhões nas rodovias do Nordeste irá gerar uma nova dinâmica no transporte da região. Novas empresas irão se instalar e as já existentes vão ganhar competitividade”.

LEIA MAIS

Vazamento de óleo pode ter partido de navio irregular, diz Marinha

(Foto: Adema/Governo de Sergipe)

O comandante da Marinha, Ilques Barbosa, disse hoje (22) que o governo está concentrando as investigações sobre as causas da mancha de óleo nas praias do Nordeste em 30 navios de dez países diferentes. Mas, para ele, a maior probabilidade é que o vazamento tenha partido de um navio irregular, chamado de dark ship. “Nós saímos de mil navios, para 30 navios”, disse, após reunião com o presidente em exercício, Hamilton Mourão, no Palácio do Planalto.

O almirante explicou, entretanto, que as pesquisas se regeneram com novos dados a todo momento e que nenhuma possibilidade foi descartada, mas que os esforços estão concentrados nessa linha de investigação. “O mais provável é de um dark ship ou um navio que teve um incidente e, infelizmente, não progrediu a informação como deveria”, disse, explicando que, por convenção internacional, todo incidente de navegação deve ser informado pelo comandante responsável.

Dark ship é um navio que tem seus dados informados às autoridades, mas, em função de qualquer restrição, de embargo que acontece, ele tem uma carga que não pode ser comercializada. Então, segundo o comandante, ele busca vias de comunicação marítimas que não são tão frequentadas, procura se evadir das marinhas de guerra e não alimenta seus sistemas d e identificação. “Ele procura as sombras. E essa navegação às sombras produz essa dificuldade de detecção”,explicou.

LEIA MAIS

Bombeiros retiram 8º corpo de escombros do Edifício Andrea

Equipes continuam trabalho nos escombros (Foto: Thiago Gadelha/SVM)

O Corpo de Bombeiros do Ceará resgatou mais um corpo no desabamento do Edifício Andrea. Agora já são oito mortes confirmadas na tragédia da última terça-feira (15). As equipes voltam as atenções para a busca da síndica do prédio.

A sétima vítima foi encontrada ainda na sexta-feira (18). No final da manhã de hoje (19), os bombeiros estenderam uma lona preta e se encaminharam para um carro da Perícia Forense. Trava-se do cuidador de idosos, José Eriverton Laurentino Araújo, de 39 anos, que estava no apartamento 501.

Das mortes confirmadas, três são da mesma família. Vicente de Paula Vasconcelos de Menezes, de 86 anos era casado com Izaura Marques Menezes, 81 anos e pai de Rosane Marques de Menezes, de 55 anos. O único membro da família resgatado com vida foi Fernando Marques, o primeiro sobrevivente retirado dos escombros.

Nesse sábado, quinto dia de busca, a operação mescla a busca manual e a retirada de escombros com maquinário mais pesado. As buscas seguem durante a tarde e entrarão a madrugada.

Após ser criticado por Bolsonaro, Paulo Câmara recebe apoio de governadores do Nordeste

Clima azedou entre Bolsonaro e Câmara (Foto: Blog Waldiney Passos)

Depois de ser chamado de “espertalhão” por Jair Bolsonaro (PSL), o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) recebeu apoio dos governadores do Nordeste. Eles assinaram uma carta em solidariedade a Câmara, contrários a fala de Bolsonaro sobre o 13º do Bolsa Família.

Assinam a carta Rui Costa (Bahia), Renan Filho (Alagoas), Camilo Santana (Ceará), Flávio Dino (Maranhão), João Azevedo (Paraíba), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte) e Belivaldo Chagas (Sergipe). O grupo alega que o ataque foi “descabido” e “desrespeitoso”, citando ainda que Bolsonaro propaga “falsidades”.

“Além de inverídica, a mensagem publicada possui um tom inaceitável, em qualquer situação, tornando-se ainda mais grave ao ser assinada pela mais alta autoridade do Poder Executivo nacional. “É profundamente lamentável que a missão confiada ao atual presidente seja transformada em um vergonhoso exercício de grosserias e, neste caso, também na propagação de falsidades“, diz a carta.

LEIA MAIS
123