Soldado da PM-BA foi baleado em “situação característica de legítima defesa”, afirma Polícia Civil de Pernambuco

A Polícia Civil de Pernambuco se manifestou através de nota, sobre a ação policial que resultou na morte do soldado da PM Joanilson da Silva Amorim, lotado da 75ª CIPM em Juazeiro (BA). De acordo com a PC-PE, ele foi alvejado durante uma operação em curso, realizada pela 12ª Delegacia de Repressão ao Narcotráfico, realizada no bairro Jardim São Paulo, em Petrolina, na segunda-feira (13).

LEIA TAMBÉM

CPRN lamenta morte de soldado confundido com bandido em Petrolina

A nota diz ainda que o policial da Bahia usava roupa semelhante a um dos criminosos perseguidos na ação e foi baleado numa reação de legítima defesa. “Nessa ocorrência, um homem de camisa em cor semelhante à do sujeito perseguido apareceu armado, sendo confundido e alvejado, em situação característica de legítima defesa putativa, quando há a percepção de risco iminente. De imediato, ele foi socorrido e encaminhado pelo Samu para o Hospital de Traumas, mas, infelizmente, não resistiu ao ferimento. Na checagem da identidade, foi constatado se tratar do soldado Joanilson da Silva Amorim, de 33 anos, integrante da Polícia Militar da Bahia, que estava à paisana”, explica a nota.

Inquérito terá delegado especial

A Polícia Civil de Pernambuco confirmou que instaurou um inquérito para investigar as circunstâncias que levaram ao óbito do PM. “Um delegado foi especialmente designado para apurar os fatos com rigor e isenção. Além disso, a Corregedoria Geral da SDS também foi acionada e abriu investigação preliminar para investigar a atuação policial no âmbito disciplinar”, ratifica a nota.

A Secretaria de Defesa Social (SDS) ainda não se manifestou sobre o que acontecerá com os policiais civis envolvidos na ação de ontem.

Confira a íntegra da nota:

LEIA MAIS

“Calendário de distribuição dessas localidades vem sendo cumprido normalmente”, afirma Compesa após queixa de moradores de Terra Nova

A Companhia Pernambucana de Água e Saneamento (Compesa) emitiu uma nota ao Blog, em resposta à matéria publicada no domingo (22), sobre a situação do abastecimento na comunidade de Terra Nova, zona rural de Petrolina.

LEIA TAMBÉM

Sem água há mais de 20 dias, moradores de Terra Nova cobram solução para problema

Segundo a Compesa, o que há na zona rural é um sistema distinto de abastecimento. Mas que o calendário vem sendo cumprido regularmente. “No caso específicos dessas comunidades, o regime de distribuição é distinto, ou seja, calendários diferentes, mas em ambos os casos o fornecimento de água está ocorrendo normalmente“, diz a nota.

E para que a situação seja melhor compreendida pela Compesa, é necessário que a população entre em contato com a Companhia.

Confira a resposta a seguir:

LEIA MAIS

Petrolina: DCE da Univasf emite nota sobre ato contra Bolsonaro

(FOTO: LIZANDRA MARTINS)

O Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) emitiu uma nota sobre o ato 3 de julho, conta o governo de Jair Bolsonaro (sem partido). A entidade afirma que estão distorcendo os fatos contra o vereador Gilmar Santos (PT).

LEIA TAMBÉM

Após repercussão de vídeo, Gilmar Santos emite nota sobre ato contra Bolsonaro

Sábado é marcado por manifestações contra Bolsonaro

“Ao final do Ato, foi organizada uma intervenção artística na beira do rio, com uma construção do “muro da vergonha” e uma pintura com caricaturas de Bolsonaro e Fernando Bezerra. Ao final da pintura, os manifestantes derrubaram o muro, representando simbolicamente a queda do governo. Em seguida todos os entulhos foram recolhidos pelos próprios participantes, para não aumentar a sujeira do rio que sofre com muito lixo em suas margens, em suas ilhas, redes de esgoto a céu aberto e obras de condomínios que descumprem o limite permitido“, diz a nota.

Confira a íntegra da nota a seguir:

LEIA MAIS

Araripina: Secretaria de Saúde afirma que não houve aplicação de vacina contra covid vencida

(Foto: Ascom PMP)

A matéria da Folha de São Paulo, sobre o suposto uso de vacinas contra a covid-19 de fora da validade, ainda repercute na região. Diversas cidades foram listadas pelo veículo e negaram ter usado o imunizante AstraZeneca/Oxford fora do prazo.

LEIA TAMBÉM

Secretaria de Saúde de Lagoa Grande comunica que não aplicou nenhuma dose da vacina AstraZeneca vencida

Sesau nega aplicação de vacinas vencidas: “Todas as vacinas, antes de serem aplicadas, são conferidas”

Segundo Araripina, todas as supostas doses fora avaliadas e estavam dentro do prazo. “Todas foram avaliadas e nenhuma está com a data de validade vencida”, diz a nota. Portanto, foram aplicadas sem qualquer prejuízo à população local.

Confira a seguir a nota da Prefeitura:

LEIA MAIS

Compesa afirma que esgotamento do Cassimiro II não é de sua responsabilidade

(Foto: Thiago Santos/Rádio Jornal Petrolina)

Na quarta-feira (16) o Blog mostrou a situação da Avenida Santa Edwiges, no bairro Antônio Cassimiro II, em Petrolina. Enquanto os moradores convivem com o esgoto escorrendo pela extensão da via pública, as autoridades ficaram no jogo de “empurra-empurra”.

LEIA TAMBÉM

Moradores do Cassimiro II denunciam esgoto escorrendo por avenida

Ontem, a Prefeitura informou não ser responsável pelo saneamento da comunidade. Já a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) se eximiu da responsabilidade em nota enviada ao Blog. “A Compesa esclarece que ainda não opera sistema de esgotamento sanitário no bairro Antônio Cassimiro II, portanto não é de sua responsabilidade a situação relatada“, diz a nota da Compesa.

Univasf emite nota sobre suposta fraude em transferências no Campus Paulo Afonso

(Foto: Univasf)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) emitiu uma nota sobre a matéria divulgada pela imprensa baiana, no início desta semana. O reitor pro tempore da instituição explica qual é o papel da Univasf e o funcionamento da lei ex officio.

LEIA TAMBÉM

MPF investiga PMs por esquema de transferências na Univasf de Paulo Afonso

Paulo Fagundes também destacou que a Univasf segue atuando de forma ética e que a Univasf irá “esclarecer o que for pertinentemente demandada para colocar luz às denúncias veiculadas na referida matéria jornalística”. Veja a seguir a nota completa:

LEIA MAIS

Seres confirma recaptura de 11 fugitivos da cadeia de Serra Talhada

Fuga aconteceu na quinta-feira, 13 de maio (Foto: Reprodução/Farol de Notícias)

Em nota enviada ao Blog, a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) de Pernambuco confirmou que 27 presos conseguiram fugir da Cadeia Pública de Serra Talhada, na última quinta-feira (13). Apesar do alto número de fugitivos, até o momento, 11 já foram recapturados.

LEIA TAMBÉM

Cerca de 25 presos conseguem fugir de cadeia pública em Serra Talhada

Ainda segundo a Seres, as polícias destacadas para a ocorrência – Civil, Militar e Penal – seguem realizando buscas pelos demais fugitivos. Além dos detentos recapturados, quatro pessoas que ajudaram na fuga também foram detidas.

Na nota, a pasta também desmente um fato noticiado previamente por parte da imprensa. Segundo a Seres não houve danos na cadeia, como algumas imagens mostravam.

Confira a seguir a resposta da Secretaria:

LEIA MAIS

Segundo Celpe, moradora precisa fazer adequações para que fornecimento de energia seja normalizado

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) emitiu uma nota ao Blog, esclarecendo a situação na Rua da Índia, no bairro Areia Branca, em Petrolina. Nós mostramos ontem a queixa de uma moradora, mas segundo a Celpe, a situação não é tão simples.

LEIA TAMBÉM

Sem luz desde terça-feira, moradora da Rua da Itália cobra resposta da Celpe

Para que o fornecimento seja normalizado, cabe à moradora efetuar ajustes, pois foram encontrados problemas na instalação da rede. “Assim que a cliente promover as modificações solicitadas, a ligação será realizada prontamente”, diz a nota.

Leia a seguir a resposta da Celpe:

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina emite nota sobre ação no Novo Tempo V

A Prefeitura de Petrolina emitiu uma nota sobre a situação no Residencial Novo Tempo V, relatada pelo Blog na segunda-feira (10). A Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade (SEDURBHS) informou que uma equipe foi enviada ao local para orientar os invasores “quanto a necessidade de retirada” dos barracos.

LEIA TAMBÉM

“Nós não temos para onde ir”, denunciam moradores da invasão do Novo Tempo V após terem barracos demolidos

Leia a seguir a resposta da Prefeitura:

“A Prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade, informa que – após acordo judicial firmado na última semana – as famílias que ocupavam imóveis de forma irregular no Novo Tempo V desocuparam os espaços de forma voluntária no fim de semana.

O Residencial Novo Tempo V continua sob a responsabilidade da construtora e do agente financeiro. Até o momento, nenhum contrato foi assinado pelos contemplados. Sobre a construção de barracos em terreno público ao lado do Novo Tempo V, a prefeitura enviou uma equipe de fiscalização até o local e orientou quanto a necessidade de retirada dos mesmos”.

Aplicação da 2ª dose da Coronavac está suspensa temporariamente em Petrolina

(Foto: Ascom)

A Prefeitura de Petrolina emitiu uma nota, nesta segunda-feira (26), informando que a aplicação da segunda dose da CoronaVac está “suspensa temporariamente”. O motivo é a falta de doses. De acordo com a Secretaria de Saúde, o novo lote enviado ao Governo de Pernambuco pelo Governo Federal veio quantitativo a menos do que o esperado.

“Na última sexta-feira (23), o número de doses da Coronavac recebido pelo Estado, para realização da segunda dose, foi insuficiente. Pernambuco esperava receber 120 mil doses, porém, chegaram apenas 28 mil para a distribuição entre todos os municípios. Esse número é insuficiente para atender a demanda dos idosos com aprazamento da segunda dose para os últimos dias“, diz a nota.

Sem data para aplicação

A aplicação da 2ª dose será retomada assim que o município for novamente abastecido. “É importante lembrar que não há prejuízo quanto à resposta imunológica da vacina com a segunda dose aplicada após o agendamento previsto. O Ministério recomenda completar o esquema vacinal mesmo após o prazo estabelecido”, informa a Secretaria de Saúde.

Leia a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Em resposta a leitor, Celpe afirma ter adotado medidas para evitar aglomerações na unidade de Petrolina

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) emitiu uma nota ao Blog sobre as filas na unidade da Celpe, em Petrolina. Na resposta, a Companhia alega ter priorizado o atendimento a idosos e também oferta atendimento agendado, justamente para evitar aglomerações.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: leitor reclama de desorganização em fila da sede da Celpe e pede providências

Confira a nota da Celpe:

Obedecendo às orientações dos agentes de saúde para evitar a disseminação do coronavírus, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) ajustou o limite máximo permitido de pessoas no interior das lojas de atendimento presencial.

Obedecendo a esses limites, a empresa vem adotando o atendimento prioritário a idosos, disponibilizando ainda a modalidade de Atendimento Agendado, para que o cliente possa se deslocar apenas em seu horário escolhido para atendimento. Além disso, a companhia disponibilizou uma equipe especializada para triagem dos atendimentos, indicando ao cliente os canais digitais para resolução facilitada de questões comerciais.

A empresa indica que, antes de se deslocar para o atendimento presencial, o cliente possa consultar o WhatsAp da distribuidora, por meio do número (81) 3217-6990, onde pode solicitar diversos serviços comerciais, além do site, que possui a Agência Virtual Celpe, em www.celpe.com.br”.

Região do Araripe amanhece sem energia; Celpe explica o que houve

Os municípios localizados na região do Araripe, em Pernambuco, amanheceram a quarta-feira (14) sem energia. O problema começou ainda durante a madrugada de ontem. E segundo a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) esclareceu o que houve.

O problema é resultado de um “dano em linha de transmissão, no município de Ouricuri”. Essa situação, de acordo com a Celpe, foi provocada pela forte chuva. “A área está inundada e as condições adversas estão dificultando o acesso das turmas técnicas”, explicou.

Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Grávida apresentava batimentos cardíacos fetais durante regulação a Juazeiro, afirma HDM

(Foto: Arquivo)

O Hospital Dom Malan/IMIP encaminhou uma nota ao Blog sobre o caso de Sandriely Lorrane de Souza. De acordo com a unidade, a gestante foi transferida a Juazeiro ainda com batimentos cardíacos fetais. A nota reforça a hipótese da família de que o bebê morreu no Hospital Materno de Juazeiro por negligência médica.

LEIA TAMBÉM

Após bebê nascer morto e com ferimentos na cabeça, grávida acusa Hospital Materno de Juazeiro de negligência

“O Hospital Dom Malan informa que Sandriely Lorrane de Souza foi atendida pela unidade materno-infantil, no dia 07 de abril, e ficou em observação até ser regulada (com batimentos cardíacos fetais presentes) para a Maternidade Municipal de Juazeiro (MMJ) – referência para os casos de risco habitual dentro da Rede Interestadual Pernambuco-Bahia (Rede PEBA)”, diz a nota do HDM.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina reconhece “problemas na logística” e reafirma que vacinação contra covid seguirá ao longo do dia

A Prefeitura de Petrolina emitiu uma nota nesta quinta-feira (8), reconhecendo os problemas na vacinação, registrados ao longo da manhã de hoje. O texto destaca que mais esforços serão empregados no sentido de melhorar a logística da campanha, nos pontos fixos e drive-thru.

Confira a íntegra da nota:

“A Secretaria de Saúde de Petrolina informa que, na manhã desta quinta-feira (8), foi registrada uma grande movimentação nos pontos fixos e de drive-thru espalhados pela cidade. Houve problemas na logística da vacinação contra a Covid-19. Reconhecemos o erro e pedimos desculpas pelo ocorrido.

Dessa forma, os dias de vacinação para a segunda dose serão ampliados. A imunização irá ocorrer também no fim de semana (10 e 11 de abril), com ampliação das equipes para que não sejam registradas grandes movimentações como a de hoje. Além disso, a prefeitura esclarece que os quatro pontos fixos e os dois de drive-thru funcionam das 8h até às 17h sem pausa para o almoço. Os idosos poderão ser vacinados ao longo do dia”.

“Forças de segurança estão atuando na fiscalização de estabelecimentos”, afirma PM após relato de aglomerações em Petrolina

(Foto: Polícia Militar/Divulgação)

A Polícia Militar de Pernambuco emitiu uma nota, nesta sexta-feira (2), após uma matéria publicada pelo Blog no início da tarde. De acordo com a PM-PE, a fiscalização durante a pandemia do novo coronavírus é responsabilidade de vários órgãos e não apenas da instituição.

LEIA TAMBÉM

“Tudo isso é absurdo”, desabafa leitor sobre aglomerações no 1º de flexibilização das atividades em Petrolina

O esclarecimento vem depois de um leitor relatar várias aglomerações no bairro Jardim Guararapes, no primeiro dia de flexibilização das atividades comerciais. “Em Petrolina, as forças de segurança estão atuando na fiscalização de estabelecimentos, dispersão de aglomerações e orientação para o uso da máscara. Desde o último dia 18, os policiais precisaram conduzir 14 pessoas para delegacias por descumprimento de medidas sanitárias na cidade. Em Pernambuco, mais de 50.135 pessoas já foram orientadas, 19.718 estabelecimentos fiscalizados e 365 pessoas conduzidas a uma delegacia“, diz a PM.

Confira a seguir a íntegra da resposta da PM-PE:

LEIA MAIS
123