Aplicação da 2ª dose da Coronavac está suspensa temporariamente em Petrolina

(Foto: Ascom)

A Prefeitura de Petrolina emitiu uma nota, nesta segunda-feira (26), informando que a aplicação da segunda dose da CoronaVac está “suspensa temporariamente”. O motivo é a falta de doses. De acordo com a Secretaria de Saúde, o novo lote enviado ao Governo de Pernambuco pelo Governo Federal veio quantitativo a menos do que o esperado.

“Na última sexta-feira (23), o número de doses da Coronavac recebido pelo Estado, para realização da segunda dose, foi insuficiente. Pernambuco esperava receber 120 mil doses, porém, chegaram apenas 28 mil para a distribuição entre todos os municípios. Esse número é insuficiente para atender a demanda dos idosos com aprazamento da segunda dose para os últimos dias“, diz a nota.

Sem data para aplicação

A aplicação da 2ª dose será retomada assim que o município for novamente abastecido. “É importante lembrar que não há prejuízo quanto à resposta imunológica da vacina com a segunda dose aplicada após o agendamento previsto. O Ministério recomenda completar o esquema vacinal mesmo após o prazo estabelecido”, informa a Secretaria de Saúde.

Leia a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Em resposta a leitor, Celpe afirma ter adotado medidas para evitar aglomerações na unidade de Petrolina

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) emitiu uma nota ao Blog sobre as filas na unidade da Celpe, em Petrolina. Na resposta, a Companhia alega ter priorizado o atendimento a idosos e também oferta atendimento agendado, justamente para evitar aglomerações.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: leitor reclama de desorganização em fila da sede da Celpe e pede providências

Confira a nota da Celpe:

Obedecendo às orientações dos agentes de saúde para evitar a disseminação do coronavírus, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) ajustou o limite máximo permitido de pessoas no interior das lojas de atendimento presencial.

Obedecendo a esses limites, a empresa vem adotando o atendimento prioritário a idosos, disponibilizando ainda a modalidade de Atendimento Agendado, para que o cliente possa se deslocar apenas em seu horário escolhido para atendimento. Além disso, a companhia disponibilizou uma equipe especializada para triagem dos atendimentos, indicando ao cliente os canais digitais para resolução facilitada de questões comerciais.

A empresa indica que, antes de se deslocar para o atendimento presencial, o cliente possa consultar o WhatsAp da distribuidora, por meio do número (81) 3217-6990, onde pode solicitar diversos serviços comerciais, além do site, que possui a Agência Virtual Celpe, em www.celpe.com.br”.

Região do Araripe amanhece sem energia; Celpe explica o que houve

Os municípios localizados na região do Araripe, em Pernambuco, amanheceram a quarta-feira (14) sem energia. O problema começou ainda durante a madrugada de ontem. E segundo a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) esclareceu o que houve.

O problema é resultado de um “dano em linha de transmissão, no município de Ouricuri”. Essa situação, de acordo com a Celpe, foi provocada pela forte chuva. “A área está inundada e as condições adversas estão dificultando o acesso das turmas técnicas”, explicou.

Confira a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Grávida apresentava batimentos cardíacos fetais durante regulação a Juazeiro, afirma HDM

(Foto: Arquivo)

O Hospital Dom Malan/IMIP encaminhou uma nota ao Blog sobre o caso de Sandriely Lorrane de Souza. De acordo com a unidade, a gestante foi transferida a Juazeiro ainda com batimentos cardíacos fetais. A nota reforça a hipótese da família de que o bebê morreu no Hospital Materno de Juazeiro por negligência médica.

LEIA TAMBÉM

Após bebê nascer morto e com ferimentos na cabeça, grávida acusa Hospital Materno de Juazeiro de negligência

“O Hospital Dom Malan informa que Sandriely Lorrane de Souza foi atendida pela unidade materno-infantil, no dia 07 de abril, e ficou em observação até ser regulada (com batimentos cardíacos fetais presentes) para a Maternidade Municipal de Juazeiro (MMJ) – referência para os casos de risco habitual dentro da Rede Interestadual Pernambuco-Bahia (Rede PEBA)”, diz a nota do HDM.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina reconhece “problemas na logística” e reafirma que vacinação contra covid seguirá ao longo do dia

A Prefeitura de Petrolina emitiu uma nota nesta quinta-feira (8), reconhecendo os problemas na vacinação, registrados ao longo da manhã de hoje. O texto destaca que mais esforços serão empregados no sentido de melhorar a logística da campanha, nos pontos fixos e drive-thru.

Confira a íntegra da nota:

“A Secretaria de Saúde de Petrolina informa que, na manhã desta quinta-feira (8), foi registrada uma grande movimentação nos pontos fixos e de drive-thru espalhados pela cidade. Houve problemas na logística da vacinação contra a Covid-19. Reconhecemos o erro e pedimos desculpas pelo ocorrido.

Dessa forma, os dias de vacinação para a segunda dose serão ampliados. A imunização irá ocorrer também no fim de semana (10 e 11 de abril), com ampliação das equipes para que não sejam registradas grandes movimentações como a de hoje. Além disso, a prefeitura esclarece que os quatro pontos fixos e os dois de drive-thru funcionam das 8h até às 17h sem pausa para o almoço. Os idosos poderão ser vacinados ao longo do dia”.

“Forças de segurança estão atuando na fiscalização de estabelecimentos”, afirma PM após relato de aglomerações em Petrolina

(Foto: Polícia Militar/Divulgação)

A Polícia Militar de Pernambuco emitiu uma nota, nesta sexta-feira (2), após uma matéria publicada pelo Blog no início da tarde. De acordo com a PM-PE, a fiscalização durante a pandemia do novo coronavírus é responsabilidade de vários órgãos e não apenas da instituição.

LEIA TAMBÉM

“Tudo isso é absurdo”, desabafa leitor sobre aglomerações no 1º de flexibilização das atividades em Petrolina

O esclarecimento vem depois de um leitor relatar várias aglomerações no bairro Jardim Guararapes, no primeiro dia de flexibilização das atividades comerciais. “Em Petrolina, as forças de segurança estão atuando na fiscalização de estabelecimentos, dispersão de aglomerações e orientação para o uso da máscara. Desde o último dia 18, os policiais precisaram conduzir 14 pessoas para delegacias por descumprimento de medidas sanitárias na cidade. Em Pernambuco, mais de 50.135 pessoas já foram orientadas, 19.718 estabelecimentos fiscalizados e 365 pessoas conduzidas a uma delegacia“, diz a PM.

Confira a seguir a íntegra da resposta da PM-PE:

LEIA MAIS

“Nenhum colaborador do quadro de profissionais do hospital é contratado sem que possua formação”, afirma HRJ

(Foto: Ascom)

O Hospital Regional de Juazeiro (HRJ) emitiu uma nota em relação a matéria publicada no Blog, na terça-feira (30). Segundo o HRJ, a instituição “cumpre todas as etapas de avaliação curricular”, portanto, não há qualquer possibilidade de contratação sem a devida comprovação de experiência profissional.

LEIA TAMBÉM

Leitor denuncia coordenação de fisioterapia do HRJ por seleção de profissionais sem experiência para atuar na UTI

Confira a seguir a nota da unidade:

A realização dos processos seletivos do Hospital Regional de Juazeiro (HRJ) cumpre todas as etapas de avaliação curricular, comprovação de experiência e entrevista. Ou seja, nenhum colaborador do quadro de profissionais do hospital é contratado sem que possua formação ou esteja preparado para desenvolver determinadas funções.

Além disso, ressaltamos que o HRJ tem intensificado o número de contratações de fisioterapeutas com o intuito de oferecer um maior suporte ao atendimento. Essenciais no cuidado aos pacientes com o coronavírus, em procedimentos como a assistência ventilatória e extubação, a equipe de Fisioterapia participa com regularidade de treinamentos sobre protocolos contra a Covid-19, bem como o atendimento adequado aos pacientes”.

Leitor questiona qualidade do serviço prestado pela Compesa em Petrolina

Compesa afirma ter solucionado o problema

Desde a segunda-feira (29) o Blog recebeu diversas reclamações dos moradores sobre o rompimento na rede de abastecimento do bairro Santa Luzia, em Petrolina. Mas há queixas também sobre o Ouro Preto.

Ouvidor da Agência Reguladora do Município de Petrolina (ARMUP), Pedro Caldas alertou o Blog sobre a situação, ainda na segunda-feira (29). “Paga-se uma tarifa de água e esgoto elevada e nem uma equipe de plantão para corrigir o desperdício de água a COMPESA tem. Verdadeiro absurdo“, destacou.

O Blog entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), que enviou uma nota sobre o caso. “Em resposta ao registro feito neste blog, a Compesa esclarece que já executou o conserto do vazamento na Rua Daevaldo Braga, no bairro de Ouro Preto. Os serviços de reparo foram finalizados no dia 28, estando portanto, a questão já solucionada pela Companhia“, disse o órgão.

“Valor da base de cálculo do ICMS será sempre o que a média do preço de varejo revelar”, afirma Governo de PE

O Governo de Pernambuco emitiu uma nota, nesta sexta-feira (26), sobre a elevação na alíquota do ICMS sobre combustíveis. A gestão estadual negou ter imposto o reajuste e destacou que os novos preços foram divulgados pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ), órgão este ligado ao Ministério da Economia.

LEIA TAMBÉM

Pernambucanos vão pagar mais no preço do combustível em abril

“Como o valor de venda encontrado na pesquisa do varejo informa a base de cálculo do ICMS, esta coleta é um procedimento compulsório, uma vez que os valores médios desse levantamento alicerçam o valor do ICMS devido, explica o Governo.

Veja a seguir a integra da nota:

LEIA MAIS

Em resposta ao Blog, Compesa afirma que problema no bairro Atrás da Banca não é de sua responsabilidade

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) encaminhou uma resposta ao Blog sobre uma matéria publicada na quarta-feira (24). De acordo com a Compesa, o problema mostrada pela nossa equipe no bairro Atrás da Banca, região central de Petrolina, não é de sua responsabilidade.

LEIA TAMBÉM

Buraco em caixa de esgoto irrita morador do bairro Atrás da Banca, em Petrolina

“Em atendimento à demanda veiculada neste blog, a Compesa esclarece que a questão não é de sua responsabilidade. Uma equipe esteve no local indicado pelo internauta, sendo comprovado que a situação não tem relação ao sistema operado pela Companhia“, diz a nota.

Petrolinenses “celebram” o Dia Mundial da Água com bronca à Compesa

(Foto: Ilustração)

22 de março é o Dia Mundial da Água. Mas a segunda-feira tem sido de muita dor de cabeça aos petrolinenses. Ao longo da manhã o Blog recebeu mensagens e ligações relatando a falta d’água no Jardim Petrópolis, São Gonçalo, João de Deus, entre outras comunidades.

Queixas

“O Dia Mundial da Água a gente passa sem água na torneira, isso é uma vergonha“, contou uma leitora. A indignação dos petrolinenses é ainda maior porque no dia desse bem tão precioso, o que eles recebem é problema. “É um absurdo a gente morar na beira do rio e não ter água em casa“, desabafou outro cidadão.

Outro lado

O Blog procurou a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) em busca de uma resposta sobre o que houve nos bairros citados. Entretanto, até a conclusão dessa matéria não obtivemos respostas. O espaço segue aberto aos esclarecimentos.

Petrolina: Compesa emite nota sobre notificação da Armup

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) se manifestou através de nota, acerca da notificação da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Petrolina (Armup). De acordo com a Compesa, o órgão estadual prestará os devidos esclarecimentos dentro do prazo.

LEIA TAMBÉM

Armup flagra estação elevatória lançando esgoto no rio São Francisco e multa Compesa por irregularidades

“A Compesa informa que recebeu, nesta semana, notificação da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Petrolina (Armup) e que, formalmente e dentro do prazo estabelecido, prestará os devidos esclarecimentos ao órgão“, diz a nota.

Ademais, a Compesa ressaltou que  “atua obedecendo rigorosamente à legislação vigente e que de forma alguma há qualquer tipo de contaminação dos corpos hídricos, especialmente do Rio São Francisco”.

Leitor diz que “monopólio” de emplacamento está atrapalhando trabalhadores de frete no Mercado do Produtor

(Foto: Ascom/PMJ)

Um leitor entrou em contato com a nossa equipe para denunciar um problema registrado no Mercado do Produtor de Juazeiro (BA). Ele relata que há um monopólio dentro da unidade, atingindo diretamente quem trabalha no frete das mercadorias.

“Nós que trabalhamos com o carreto estamos sendo extorquidos, sendo obrigados a pagar R$ 100,00 por semana por um aluguel de placa. Aluguel esse que está todo na mão de uma única pessoa. Existem vários trabalhadores que têm carrinho e não conseguem compra uma placa aqui para trabalhar, esse sujeito tem no mínimo umas 40 placas alugando. Quem quiser trabalhar que pague o alto preço“, relatou.

Denúncia de “vista grossa”, AMA se pronuncia

Ele também contou à nossa equipe que o problema surgiu no início da atual gestão. Segundo o leitor, “os fiscais da AMA e a Diretoria do Mercado fazem vista grossa” para essa situação. Procurada pelo Blog, a Agência Municipal de Abastecimento (AMA) informou que a exigência do emplacamento existe há anos e está iniciando em março o processo de recadastramento dos carrinheiros. De acordo com a AMA, o que pode ter acontecido é algumas pessoas que já trabalham no Mercado há anos possam estar comercializando as placas com terceiros.

Leia a seguir a resposta da AMA:

LEIA MAIS

Após explosão de agência, Bradesco orienta clientes de Santa Cruz da Venerada a buscar atendimento em unidades da região

Foto: Reprodução

O Banco do Bradesco se manifestou, através de nota, sobre a explosão na agência bancária de Santa Cruz da Venerada, no Sertão do Araripe. A unidade ficou completamente destruída na noite de segunda-feira (1°), após um grupo ter utilizado dinamite para explodir o local.

LEIA TAMBÉM

Bandidos explodem agência do Bradesco em Santa Cruz da Venerada

De acordo com o Bradesco, nesta terça-feira (2) não há atendimento ao público. Os usuários estão sendo direcionados a Agência de Relacionamento e Correspondente do Bradesco Expresso, na região. “O Banco está apurando o ocorrido. Mais informações podem ser obtidas no Boletim de Ocorrência“, destaca a nota.

Juazeiro: funcionários relatam sobrecarga de trabalho no Hospital de Campanha; Prefeitura afirma ter aberto seleção para reforçar equipe

(Foto: Ilustrativa)

Funcionários do Hospital de Campanha da Covid-19 e UPA 24h de Juazeiro (BA) entraram em contato com a Redação do Blog, para relatar alguns problemas enfrentados por eles. Os trabalhadores se dizem sobrecarregados, por conta de desfalques na equipe.

LEIA TAMBÉM

Depois da notícia de fechamento, vereadores visitam Hospital de Campanha de Juazeiro

“Estamos sofrendo com os desfalques. São poucos funcionários para muitos serviços. Temos que ficar nos desdobrando entre setores para cobrir os desfalques. Estamos esgotados“, relata um servidor, que terá sua identidade mantida em sigilo.

LEIA MAIS
123