Casos de H1N1 seguem sem novas notificações em Juazeiro

Juazeiro segue monitorando pacientes

Juazeiro (BA) segue sem novas notificações de H1N1. Ao todo, segundo a Secretaria de Saúde (SESAU) são 52 ocorrências, das quais 13 foram confirmadas – entre elas duas mortes – 22 em investigação e 17 já descartadas. Os dados de H1N1 permanecem inalterados desde o final de semana.

Já os registros do novo coronavírus apresentaram uma novidade nessa quarta-feira (1°). De 21 notificações ontem, hoje são 22. Por outro lado, o número de casos descartados passou de 14 para 15. Ou seja, permanecem confirmados apenas dois casos e cinco seguem em investigação.

Nessa quarta-feira a Prefeitura de Juazeiro reabriu as feiras públicas, dando uma demonstração de que aos poucos a cidade retomará sua rotina. O comércio segue fechado, assim com as aulas na rede municipal que estão suspensas.

Casa Nova: Sem casos do COVID 19, prefeito autoriza funcionamento de comércio e serviços

Wilker Torres (Foto: Arquivo)

Mantendo o estado de emergência pelos próximos noventa dias, com a suspensão do início das aulas, a proibição de realização de eventos públicos, de qualquer natureza, incluindo cultos e celebrações religiosas e mantendo todas as restrições e observações constantes dos decretos anteriores, o Prefeito de Casa Nova, atendendo ponderações de comerciantes, prestadores de serviço e consulta à área técnica da Secretaria de Saúde, resolveu flexibilizar proibições constantes nos decretos anteriores.

O Decreto dessa terça-feira (31) permite o funcionamento das feiras públicas e mercado de carnes e peixes a partir desta quarta-feira (01), diariamente, até às 14h, com observância das normas de higiene recomendadas pela Secretaria de Saúde do Município, sob fiscalização da Agência Municipal de Vigilância Sanitária, evitando aglomerações.

Ficou mantida a permissão de funcionamento de bares e restaurantes apenas para fins de entrega em domicilio e a recomendação quanto a proibição de realização de missas e cultos, no intuito de que seja evitada aglomeração de pessoas.

LEIA MAIS

Boletim: Petrolina descarta mais um caso suspeito da Covid-19

(Foto: Thomas Kienzle/AFP)

A prefeitura de Petrolina trouxe uma boa notícia, através do boletim da Covid-19 desta terça-feira (31), e informou sobre o descarte de mais um caso suspeito que estava em investigação.  Com isso, restam 7 casos suspeitos, enquanto 12 já foram descartados. Petrolina continua com somente duas confirmações do novo coronavírus, sem nenhum óbito.

Sobre a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim teve uma alteração nas últimas 24 horas. Descartados somam 13 casos, enquanto 9 estão em investigação e 6 testaram positivo. A Secretaria Municipal de Saúde continua monitorando todos os casos suspeitos e confirmados dessas doenças.

Pernambuco registra dez novos casos de coronavírus em 24 horas

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta terça-feira (31), mais 10 casos da Covid-19 em Pernambuco. Com a atualização, o Estado contabiliza 87 ocorrências pelo novo coronavírus. Não houve nenhuma nova morte confirmada nas últimas 24 horas, sendo seis o número de óbitos registrados até agora no estado.

De acordo com o novo boletim epidemiológico, dos 10 novos casos confirmados, sete são do sexo masculino, com idades entre 30 e 69 anos; e três do sexo feminino, na faixa etária entre 30 e 70 anos. Dos pacientes, seis são residentes do Recife; dois de São Lourenço da Mata; um de Ipubi, no Sertão do Araripe, além de um novo caso registrado em Fernando de Noronha. Este é o segundo caso confirmado na ilha. O paciente teve contato com o primeiro caso do arquipélago, confirmado na última sexta-feira (27).

LEIA MAIS

Boletim: Petrolina descarta mais um caso suspeito da Covid-19

A prefeitura de Petrolina informa que o boletim da Covid-19 desta terça-feira (31) traz uma boa notícia: o descarte de mais um caso suspeito que estava em investigação.  Com isso, restam 7 casos suspeitos, enquanto 12 já foram descartados. Petrolina continua com 2 confirmações do novo coronavírus, sem nenhum óbito.

Sobre a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim teve uma alteração nas últimas 24 horas. Descartados somam 13 casos, enquanto 9 estão em investigação e 6 testaram positivo. A Secretaria Municipal de Saúde continua monitorando todos os casos suspeitos e confirmados dessas doenças.

Prefeitura de Lagoa Grande declara estado de emergência em saúde pública por causa do novo coronavírus

(Foto: ASCOM/PML)

O Prefeito do Município de Lagoa Grande, no sertão pernambucano, Vilmar Cappellaro, assinou na tarde desta terça-feira (31), o decreto Nº 18 de 31 de março de 2020, onde fica declarado estado de emergência em saúde pública por causa do Novo Coronavírus (COVID-19). No último sábado (28) o prefeito informou que o município tinha dois casos suspeitos, porém, um deles já havia sido descartado e o outro estava em investigação.

O novo decreto, não se fundamenta em casos confirmados, mesmo assim determina o isolamento social e quarentena aos moradores. Além de suspender, dentre outras medidas, qualquer tipo de aglomerações em eventos, reuniões, celebrações, públicos e particulares, sejam eles de caráter cultural, religioso, comemorativo e recreativo.

O documento também prever a suspensão de feiras e vendas ambulantes em todo território do município de Lagoa Grande. Bem como a suspensão de aulas de ensino regular na Rede Municipal e CMEIS até 15 de abril de 2020. II – Suspensão das atividades de academias de Ginástica e grupos de lazer de qualquer categoria. Clique aqui para acessar o decreto na íntegra.

Brasil termina março com 201 mortes e 5.171 casos confirmados da Covid-19

(Foto: Ilustração)

No último dia de março, mês em que o Brasil registrou a primeira morte pelo novo coronavírus, um grande aumento ocorreu no número de casos confirmados da doença. O boletim divulgado nesta terça-feira (31/3) pelo Ministério da Saúde apontou o maior aumento diário no número de pacientes diagnosticados com a doença. Mais de mil casos surgiram de um dia para o outro.

De ontem para hoje, 1.138 casos foram confirmados e, atualmente, existem 5.717 pacientes com Covid-19 no Brasil. O Ministério da Saúde acredita que este número seja ainda maior por causa da falta de testes para o vírus no Brasil.

LEIA MAIS

Paciente de Uauá testa negativo para a gripe H1N1

(Foto: Ilustração)

Um alívio para a comunidade uauaense. A Secretaria de Saúde do Município divulgou na tarde desta terça-feira (31), que deu negativo o resultado do exame de um paciente que apresentou sintomas da gripe H1N1. A ocorrência foi registrada no Hospital Municipal Dr. Jair Braga no início deste mês de março, quando o paciente, que não teve a identidade revelada, apresentou sintomas graves com possível quadro infectocontagioso, o que causou preocupação entre as autoridades de saúde.

A mostra do sangue da pessoa internada no Jair Braga, foi enviada para análise no Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN) em Salvador, onde ficou constatado que o paciente não é portador da Influenza.

Até o momento, Uauá continua sem casos confirmados de H1N1 ou do novo coronavírus, uma vez que todos os casos suspeitos foram descartados. Para que o quadro não sofra alterações, o município vai continuar adotando as medidas de prevenção e distanciamento social, recomendadas pelo Comitê de Gestão da Crise do Novo Coronavírus.

Através de parceria, Governo de Pernambuco aumenta capacidade para realizar testes do covid-19

Parceria com a Fiocruz é essencial para ampliação (Foto: Aluisio Moreira/SEI)

Buscando alternativas para enfrentar o novo coronavírus, o Governo de Pernambuco anunciou nessa terça-feira (31) a ampliação da capacidade de realizar testes que identifiquem o covid-19. Isso só foi possível graças à uma parceria entre a Secretaria Estadual de Saúde (SES) e o Instituto Aggeu Magalhães (Fiocruz/PE).

Dessa forma espera-se aumentar o número de pacientes testados, na rede pública e particular, facilitando o trabalho dos profissionais de saúde. De 770 testes agora serão realizados 2.170 exames, a depender da quantidade de kits repassada pelo Governo Federal.

“Estamos tendo a oportunidade de ampliar a parceria com o Instituto Aggeu Magalhães, que anteriormente já se dava no âmbito das pesquisas na área de saúde. Atualmente, a Secretaria Estadual de Saúde tem a capacidade de realizar em média 770 testes do Coronavírus por semana, a partir dessa cooperação a gente vai poder triplicar o público que está testando”, dise a secretária executiva de Vigilância em Saúde, Luciana Albuquerque.

A Fiocruz atuará ainda na busca de um tratamento ao covid-19. “Iremos começar a testar produtos potencialmente antivirais, para termos uma possibilidade de tratamento e medicação dos pacientes mais graves. Além disso, também faremos toda parte epidemiológica”, destaca a vice-diretora de pesquisa da Fiocruz-PE, Constância Ayres.

Petrolina: confira a lista de UBS e escolas onde acontecerá a vacinação contra a gripe

Primeira etapa da vacina é prioritária a idosos e profissionais da saúde (Foto: ASCOM)

O estoque de vacinas contra a gripe em Petrolina foi renovado e a partir dessa terça-feira (31) os idosos já pode comparecer às escolas municipais para tomarem a dose. Por conta da pandemia do novo coronavírus, a maior parte da imunização acontecerá nas unidades educacionais.

O horário de atendimento será das 14h às 17h. Nessa primeira etapa o grupo prioritário é o de idosos acima de 60 anos e profissionais de saúde. As demais pessoas não poderão ser imunizadas agora. Aqueles em situação acamada devem tomar a dose em casa.

Confira a seguir as unidades onde acontecerá a vacinação:

LEIA MAIS

Juazeiro não tem novas notificações de covid-19 ou H1N1

O boletim diário de Juazeiro (BA) dessa terça-feira (31) traz uma boa notícia: não foram registradas novas notificações de coronavírus ou H1N1. Dessa forma, as ocorrências seguem com 52 de H1N1 e 21 de covid-19, dado estagnado desde domingo (29).

H1N1

Das 52 notificações, 13 foram confirmadas – entre elas dois óbitos – 22 seguem em investigação e 17 foram descartadas.

Covid-19

Do total de 21 notificações, Juazeiro tem duas confirmações, cinco investigações e 14 descartes. Mesmo com a notícia positiva, a Prefeitura segue com os decretos preventivos. Comércio e as escolas permanecem fechadas. Restaurantes e lanchonetes podem funcionar apenas como delivery.

Consórcio Nordeste cria Comitê Científico para enfrentamento ao covid-19

Consórcio une forças para combater coronavírus (Foto: Heudes Regis/SEI)

Os governadores do Nordeste que integram o Consórcio local, anunciaram na segunda-feira (30) a criação do Comitê Científico. O objetivo é auxiliar os gestores na tomada de decisão no enfrentamento ao novo coronavírus. A primeira reunião do Comitê está marcado para hoje (31).

“É uma guerra. Precisamos de apoio científico para vencê-la”, afirmou o governador Rui Costa (PT), presidente do Consórcio. Entre os convidados a integrar o Comitê Científico do Consórcio Nordeste estão (31) o cientista Miguel Nicolelis e o físico e ex-ministro de Ciência e Tecnologia, Sérgio Rezende.

A comissão fará reuniões periódicas com autoridades científicas brasileiras e de outros países, a exemplo da Itália, da Alemanha e da China, países afetados pelo covid-19. Outra função do Comitê é a emissão de boletins com todos os números da região relativos à doença e divulgará orientações baseadas nas pesquisas realizadas pelo grupo.

Ipubi tem primeiro caso confirmado de coronavírus e Prefeitura adota medidas preventivas

(Foto: MICHELE CATTANI / AFP)

Ipubi (PE) registrou o primeiro caso confirmado de coronavírus. A informação foi confirmada pela Prefeitura no boletim divulgado na tarde de segunda-feira (30). Trata-se de um paciente que hoje está no Recife, com quadro estável.

Após anunciar a confirmação, o prefeito Chico Siqueira (PSB) anunciou medidas preventivas no município. A primeira delas é a aquisição de 300 exames rápidos para o covid-19, implantação de sete isolamentos com leitos no Hospital de Ipubi e unidades de Serra Branca e Serrolândia, na zona rural.

Também foram compradas 15 mil máscaras, as quais serão distribuídas a portadores de doenças crônicas, idosos e população de rua. Outra medida é a contratação de um médico infectologista e da frota para desinfectar a cidade.

No último sábado (28) o Blog mostrou que as feiras livres estavam suspensas na sede e interior. A medida está foi mantida e enquanto isso, os feirantes receberão uma ajuda de custa de R$ 200,00.

OMS recua e diz que governos devem pensar em quem precisa garantir o pão de cada dia

Em entrevista coletiva da Organização Mundial de Saúde (OMS), o diretor-geral, Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou que os lockdowns (ou quarentenas) podem comprar tempo, mas devem levar em conta que cada país é diferente.

A fala de Ghebreyesus é encarada como um “recuo” da OMS em relação ao isolamento de pessoas saudáveis durante a pandemia do vírus chinês, que impacta diretamente na economia e no sustento de famílias.

“Se estamos fechando ou limitando o movimento, precisamos pensar nelas [as pessoas]. O impacto na economia tem a ver com vários fatores, mas precisamos saber o que isso significa para o indivíduo que precisa sair para sobreviver. Venho de uma família pobre e sei o que significa se preocupar com o que comer amanhã”.

LEIA MAIS

Urgente: criança de três anos de idade da cidade de Curaçá morre com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG)

(Foto: Redes Sociais)

Uma menina de apenas três anos de idade morreu nesta segunda-feira (30) em um hospital de Salvador, com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Segundo informações da Secretaria de Saúde de Curaçá (BA), cidade onde a vítima morava com a família, a pequena Alice teria sido atendida em um hospital de Juazeiro com sinais de pneumonia e em seguida foi transferida para Salvador com problemas respiratórios.

Com cerca de uma semana de internação, a menina não resistiu e veio a óbito. De acordo com a Diretora de Atenção Básica à Saúde de Curaçá, Franciely Alves Nascimento, foi feita a coleta de sangue da criança e a mesma foi encaminhada a um laboratório onde serão feitos exames para saber se a causa da morte foi mesmo pneumonia, o novo coronavírus ou a gripe H1N1, já que os sintomas são bastante parecidos.

Ainda segundo Franciely Alves, o município de Curaçá tem 3 casos notificados para a Covid-19, sendo que 1 caso já foi descartado e outros 2 estão sendo investigados. Para a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram notificados 2 casos até agora e os dois estão em investigação.

O caso de Alice não foi notificado em Curaçá porque a menina teria sido atendida inicialmente em Juazeiro, mas a Secretaria de Saúde está considerando como um óbito do município de Curaçá por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

1234