Codevasf emite nota sobre ampliação da adutora de Cristália

(Foto: ASCOM)

Empresa fez estudo para aumentar capacidade de abastecimento da adutora de Cristália. (Foto: ASCOM)

A Codevasf emitiu nota para tratar da ampliação da adutora de Cristália. De acordo com a empresa, a adutora foi construída para atender 29 comunidades entre Petrolina e Lagoa Grande, beneficiando cerca de 1063 famílias. Como existem 11 comunidades reivindicando o serviço de água tratada para as suas regiões, a empresa fez um estudo sobre a realização da ampliação e chegou a conclusão de que será necessário recursos no valor de R$ 3 milhões para viabilização do serviço.

Confira a íntegra da nota:

O sistema de abastecimento de água de Cristália foi implantado pela Codevasf no sertão de Pernambuco em 2013, para atender inicialmente 29 comunidades, sendo 25 no município de Petrolina e 04 no de Lagoa Grande, beneficiando 1063 famílias.

Ela é composta de:

– Captação de água no Rio São Francisco

– Adutora de água bruta de 3.440m

– Estação de tratamento de água

– Poço de sucção

– Estação elevatória de água tratada

– 01 reservatório apoiado com capacidade de 150m³

– Adutora de água tratada de 53.368m

– 03 Reservatórios elevados com capacidade de 100m³ cada

– Rede de distribuição de 128.988,71m

– 1.063 Ligações domiciliares

Considerando que mais 11 comunidades da região estão reivindicando o benefício da água tratada, o Superintendente Regional da Codevasf em Pernambuco, Aurivalter Cordeiro, juntamente com sua equipe de técnicos, percorreu nesta sexta-feira, dia 23 de setembro, toda extensão do sistema de abastecimento de água de Cristália, analisando detalhadamente todos os aspectos técnicos da obra.

Comprovada a viabilidade técnica, concluiu-se que para o atendimento do pleito, será necessária a alocação de recursos no valor de R$ 3 milhões, provenientes de Emendas Parlamentares“.

Deixe uma resposta