Compesa e Prefeitura respondem queixa de morador do bairro Caminho do Sol

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Após uma matéria publicada no Blog na quarta-feira (18), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e a Prefeitura de Petrolina entraram em contato com a nossa equipe, a fim de esclarecer alguns pontos questionados pelo morador do bairro Caminho do Sol.

Em um desabafo, o leitor permaneceu anônimo e afirmou que a comunidade sofre com problemas no esgotamento sanitário e saneamento básico, bem como limpeza urbana, pavimentação asfáltica e iluminação pública. Em resposta, a Compesa alega que muitas ruas do Caminho do Sol não são atendidas pela companhia.

LEIA TAMBÉM:

Morador do Caminho do Sol afirma que bairro está abandonado: “não há investimentos no bairro” 

Ainda segundo a Compesa, os moradores precisam formalizar suas queixas através do 0800, para que a solicitação conste no sistema da companhia e assim as equipes tenham ciência do problema. Como o morador não mencionou as áreas mais críticas em relação ao saneamento básico, a Compesa também pede que na queixa sejam ditas todas as vias com necessidade de serviço.

Prefeitura também se posiciona

Através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS), a Prefeitura de Petrolina afirma que vai repassar as demandas mencionadas pelo leitor aos setores competentes, para tomada das devidas providências.

A SEDURBS também solicita que o morador formalize as demandas juntamente à Ouvidoria Municipal, através do 156, pelo site da Prefeitura ou pelo WhatsApp. Confira a nota emitida pelo poder Executivo:

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS) informa que vai repassar as demandas do leitor do blog referentes ao bairro Caminho do Sol para os setores responsáveis para que sejam tomadas providências. A SEDURBS lembra que a orientação para a população é formalizar a denúncia junto à Ouvidoria Municipal através do 156 ou presencialmente na sede da prefeitura de segunda à sexta-feira, sempre pela manhã. Também estão disponíveis os meios digitais, como o site www.petrolina.pe.gov.br e o WhatsApp (87) 99985-0081, que permitem o envio de fotos e vídeos dos problemas relacionados.

Deixe uma resposta