Conselho Municipal de Juventude de Juazeiro emite nota em apoio à luta dos estudantes no Vale do São Francisco

(Foto: Pedro Lucas)

O Conselho defende as atuações dos alunos contra a Proposta de Emenda Constitucional 241. (Foto: Pedro Lucas)

O Conselho Municipal de Juventude de Juazeiro (BA) emitiu nota em apoio à luta dos estudantes do Vale do São Francisco. O Conselho defende as atuações dos alunos contra a Proposta de Emenda Constitucional 241, também conhecida por PEC do Teto de Gastos.

Confira a íntegra da nota:

Na última segunda-feira (10), a Câmara de Deputados votou a Proposta de Emenda Constitucional 241, também conhecida por PEC do Teto de Gastos, cujo objetivo é limitar as despesas do Governo Federal com saúde, educação e assistência social, além de congelar o salário mínimo.

No mesmo dia, os estudantes da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF) ocuparam a reitoria do campus Petrolina contra os cortes orçamentários que colocam em risco a assistência estudantil e o funcionamento da universidade. Segundo o pró-reitor de gestão e orçamento, Antônio Crisóstomo, a UNIVASF corre o risco de ser fechada em julho de 2017 por falta de recursos.

O Conselho Municipal de Juventude (COMJUV) de Juazeiro apóia as mobilizações estudantis que acontecem paralelamente nos seis campi da UNIVASF e que se estenderam também à Universidade de Pernambuco (UPE), Escola de Aplicação Professora Vande de Souza Ferreira e ao Instituto Federal do Sertão – Pernambuco (IF – Sertão), contra os retrocessos propostos pelo Governo Temer e reafirma que educação pública de qualidade é um direito, não mercadoria.

Ademais, é tempo de construir a unidade, ocupar as ruas, as praças, as universidades e resistir. Nenhum passo atrás!“.

Deixe uma resposta