Contag divulga nota de repúdio a Eduardo Cunha

manoel_santos_divulgacaoFoi divulgada ontem em Brasília uma nota da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura, órgão que já foi presidido pelo ex-deputado pernambucano Manoel Santos (PT), falecido em abril deste ano, de repúdio ao presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por ter aberto o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

Ei-la: A Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (CONTAG) vem manifestar sua profunda indignação com a atitude irresponsável e inconsequente do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, aceitando o pedido de abertura do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

Não existem provas de que a presidenta Dilma tenha cometido crime ou qualquer ato ilícito que tenha ferido a ética, a Constituição e o povo brasileiro. A “chantagem” do senhor Eduardo Cunha atenta contra a democracia e a idoneidade das instituições públicas, fundamentais para a estabilidade política e a governabilidade da nação.

É preciso que a sociedade brasileira, especialmente a classe trabalhadora, levante sua bandeira em defesa da democracia, da justiça social, contra a corrupção e cobre com veemência dos deputados federais e senadores da República respeito ao mandato dado, legitimamente, pelo povo brasileiro, à presidente Dilma Rousseff para governar o País.

Mais do que isso, exigimos dos senhores parlamentares que, no exercício dos seus mandatos, trabalhem para aprovar as medidas e reformas necessárias e urgentes para o Brasil superar a crise política e econômica e voltar a crescer com um desenvolvimento sustentável, gerando trabalho e distribuição de renda para o bem estar do povo brasileiro. (Com informações do Blog, O Brasil)

Deixe uma resposta