Contas de água ficam mais caras em Pernambuco a partir de março

torneira pingando agua

Os consumidores de água no estado de Pernambuco pagarão mais caro nas contas. A Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe) autorizou, na manhã desta sexta-feira (19), um reajuste de 10,69% nos valores cobrados pelo consumo da água, através da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). O acréscimo passa a vigorar a partir do dia 20 de março.

Segundo alegação da Arpe, o aumento tarifário anual, busca se adequar à recomposição da inflação, que fechou 2015 em 10,68%, segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Embora o reajuste passe a valer a partir do dia 20 de março, o impacto nas contas só será sentido a partir do mês de maio. Segundo a Arpe, o ajuste foi aprovado considerando um cálculo que inclui a ponderação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e Índice Geral de Preços ao Mercado (IBGE), que incluem reajustes da energia elétrica com compensações das bandeiras tarifárias.

Com informações do Diário de Pernambuco

Deixe uma resposta