“Cortamos tudo o que foi possível”, diz Wilker Torres sobre a redução do seu salário e de secretários em Casa Nova

O decreto lembra das exigências do Ministério Público e do Tribunal de Contas, dos vícios e ilegalidades herdadas de administrações anteriores. (Foto: ASCOM)

Um decreto publicado nesta quarta-feira (16), busca reduzir os gastos na prefeitura de Casa Nova, através da Lei de Responsabilidade Fiscal. O decreto determina a redução de 20% nos vencimentos de todos os agentes políticos da prefeitura, prefeito, vice e secretários.

“O problema está nas finanças públicas do Brasil e na desorganização que herdamos da administração anterior. Casa Nova era administrada com déficit, gastando mais do que recebe. E neste último trimestre a situação se agravou” – afirma Wilker Torres.

Para evitar que o problema financeiro seja ampliado, Wilker Torres resolveu tomar uma decisão drástica, mas necessária. “Estabelecer novas regras, cortar do próprio salário e dos secretários, olhando sempre para o bem do município e a maioria da população, que quer serviços funcionando, professores e médicos presentes e manter os avanços que já conquistamos”, afirmou Wilker.

O decreto lembra das exigências do Ministério Público e do Tribunal de Contas, dos vícios e ilegalidades herdadas de administrações anteriores, das informações obtidas pelo Controle Interno e principalmente a Lei de Responsabilidade Fiscal.

“A escolha é simples: cortar na carne, economizar, reduzir despesas ou perder o controle e o município ficar ingovernável. Pensamos na população”, completa o prefeito.

Além das determinações para contenção de despesas em geral, o decreto determina a redução de 20% nos vencimentos de todos os agentes políticos da prefeitura, prefeito, vice e secretários. “Cortamos tudo o que foi possível, pensando no melhor para Casa Nova e sua população”.

Deixe uma resposta