Defensoria Pública de Pernambuco ajuda pacientes com câncer

defensoria

A partir desta quarta-feira (24), na Defensoria Pública de Pernambuco começa a funcionar a Coordenadoria de Apoio às Pessoas Portadoras de Neoplasia Maligna.

O objetivo da Coordenadoria é obrigar judicialmente a USP, campus de São Carlos a fornecer aos usuários da Defensoria Pública (vulneráveis socialmente e economicamente) a fórmula fosfoetanolamina sintética, através de cápsulas, haja vista a comprovação fática de excelentes resultados dos pacientes.

Entretanto, até o momento não foram concluídas as pesquisas e o uso do medicamento foi suspenso pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Para dar entrada na ação judicial com pedido liminar é necessário levar CPF, identidade, comprovante de residência, uma foto que demonstre o estado físico do paciente e a receita médica que indique o tratamento com fosfoetanolamina. A pílula será distribuída por seis meses e o paciente recebe o medicamento em casa. A previsão é que sejam atendidas 20 pessoas diariamente.

O serviço funcionará com uma equipe de Defensores, assessores e estagiários das 8 às 17 horas. Para ter acesso ao serviço na Capital e Região Metropolitana, o assistido deverá agendar o atendimento pelo (81) 3182-3700, para o interior do Estado, os postos de atendimento serão nos Núcleos de Defensoria Pública dos municípios. Em Petrolina, a Defensoria Pública está localizada no endereço,  Rua: Eng. Carlos Pinheiro, 187- centro- telefone:(87) 3861-3368.

Deixe uma resposta