DETRAN-PE divulga balanço das operações de fiscalização de 2016

(Foto: Paulo Maciel/DETRAN-PE)

Durante o ano de 2016, a Secretaria das Cidades de Pernambuco – SECID-PE, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, realizou ações de fiscalização em diversos municípios do Estado. As Operações Rota de Fuga – ORF e Trânsito Seguro – OTS foram responsáveis pela supervisão do trânsito e – além de abordarem veículos e aplicar multas em casos de alcoolemia, uso de celular, não uso do cinto de segurança, entre outras – promovem ações educativas com caráter preventivo, onde foram distribuídos materiais informativos produzidos pela Coordenadoria de Educação de Trânsito do Órgão.

A estratégia da ORF é descentralizar suas equipes, fazendo com que seu raio de cobertura abranja uma via principal e as vias nas quais deságua o trânsito dessa principal, tornando-se potenciais rotas de fuga para os infratores. A proposta da Rota de Fuga é, em vez de esperar que o infrator chegue até a blitz, ir atrás dos infratores. Assim, a fiscalização se dinamiza, afastando-se do modelo tradicional da blitz estática e, dessa forma, detectando áreas onde ocorrem comportamentos como disputas de racha, ingestão de álcool, entre outros.

Já a OTS executa a fiscalização de trânsito com foco na fluidez e nas infrações cotidianas relacionadas à falta de atenção do condutor, a exemplo do uso do celular e o não uso do cinto de segurança. Além disso, é verificada a regularidade da documentação do veículo e condutores, com o objetivo de inibir fraudes e roubos e ainda a execução do teste do bafômetro, apoiando as ações de educação para o trânsito.

Desde o início da ORF, em maio, até o final de dezembro, foram abordados 17.636 veículos, realizados 8.380 testes de Alcoolemia e aplicadas um total de 3.713 multas. Já a OTS, durante todo ano, abordou 31.386 veículos, realizou 1.446 testes de Alcoolemia e aplicou um total de 11.127 multas.

“Pernambuco teve uma redução de acidentes de 5,5% em 2015, quando comparado ao ano de 2014, e ainda a diminuição de número de mortes em 12%, isso tudo após as intervenções voltadas aos condutores, atrelando nossas operações com as ações educativas desenvolvidas pelo Órgão. Em 2017 vamos continuar com o mesmo foco para melhorar ainda mais esses índices e garantir a segurança no trânsito de nosso Estado”, enfatizou o diretor presidente do DETRAN-PE, Charles Ribeiro.

Reforço

No final de 2016, o governador Paulo Câmara entregou 47 novos veículos para reforçar a segurança viária do estado, totalizando um investimento na ordem de 8,5 milhões de reais. Foram 30 Chevrolet Spin destinados as Operações Trânsito Seguro e Rota de Fuga, três Chevrolet Montana para o uso no deslocamento de equipamentos em apoio às operações de trânsito, oito Renaut Sandero para a Operação Lei Seca e cinco Chevrolet Spin para o Primeiro Batalhão de Polícia de Trânsito – BPTran. Além disso, foi entregue um caminhão Iveco, sendo o primeiro das 10 unidades previstas para o Programa Detran Itinerante, que irá atender 92 municípios que não contam com Unidades da Autarquia.

Fonte Detran-PE

Deixe uma resposta