Dia das Mães:empresária acredita no aquecimento das vendas em Petrolina

MARIA ZITAA menos de uma semana do Dia das Mães, promoções, sorteios e muita propaganda têm sido as estratégias mais usadas para acelerar as vendas. Na segunda melhor data do ano para o varejo, comerciantes se mostram otimistas com a possibilidade de mesmo em meio a crise  fazer bons negócios no Vale do São Francisco.

Para tanto o comércio se lança numa corrida contra o relógio para atrair os consumidores sumidos e assim tentar fazer valer os negócios tradicionais do “segundo Natal” do setor. As boas expectativas, característica nata dos vendedores, se contrapõem à dura realidade da crise econômica, que fez o cliente desaparecer.

Normalmente, as campanhas em nome das mães envolvem vale-presentes, brindes e alguns casos até dinheiro.

Vários lojistas optaram por colocar seus colaboradores em contato com os clientes por telefone e montar uma verdadeira estratégia de vendas que é criar grupos de mensagens virtuais para estimular o consumo, bem como enviar e-mails com dicas e opções disponíveis, caprichar nas vitrines e  ter preços atrativos.

A empresária e administradora da loja La Femme, localizada no River Shopping de Petrolina, Maria Zita, se mostra confiante com a o Dia das Mães, “mesmo vivendo este momento de crise, acreditamos muito nesta data, pois sempre foi a melhor do primeiro semestre”.

Maria Zita aposta nos descontos, “dada à preferência do consumidor em pagar à vista, principalmente pela insegurança na economia, preferimos optar por oferecer descontos atrativos a nossa clientela”.

A empresária assegura que embora a crise esteja presente em todos os ramos da economia, sua loja não foi atingida, pois segundo ela se trata do mercado da vaidade feminina e com muita força de vontade sempre consegue reverter às situações adversas.

“Nosso trabalho tem sido dobrado no sentido de oferecer produto de qualidade e trazer estes clientes até a loja, temos 30 anos no mercado, e se estamos este tempo todo é porque temos credibilidade com esta maravilhosa clientela do Vale do São Francisco e de nossas amadas Petrolina e juazeiro”, finalizou.

Deixe uma resposta