Dunga mostra preocupação com período sem jogos do Brasil

Dunga_matxria

A última partida da seleção brasileira foi no dia 17 de novembro de 2015, na vitória sobre o Peru, por 3×0. Desde então, são 128 dias sem jogos. Período longo para uma equipe que estava em seu melhor momento, se entrosando e evoluindo. Por isso, o técnico Dunga mostrou estar preocupado com o rendimento do Brasil após tanto tempo.

”Me dá uns cabelos brancos. Quando começa a engrenar, ter uma forma de jogar, ficamos 128 dias sem jogar. Os jogadores estavam em um condicionamento físico naquela época e agora tens que reavaliar. É um desafio. Antigo até. Por isso as dificuldades, os sacrifícios. A satisfação é maior quando dá certo”, afirmou o comandante brasileiro.

Como se não bastasse este problema, Dunga ainda teve outro na preparação. A Seleção só trabalhou dois dias para o confronto diante do Uruguai, nesta sexta-feira (25), na Arena Pernambuco. A solução foi conversar com os jogadores e mostrar vídeos do adversário.

”Se analisarmos o primeiro jogo até o quarto nas Eliminatórias, a forma de jogar melhorou. A Seleção é sempre uma incógnita, um recomeço. Ficamos 128 dias sem jogar e temos dois dias para treinar. No clube já se fala em falta de tempo para treinar, imagina na Seleção? Conversamos muito, mostramos vídeos e vamos atrás do resultado que nos agrada. É um desafio para todos suportar isso”, ressaltou.

Deixe uma resposta