Em artigo professor homenageia profissional de saúde de Petrolina

Del da Procardio 1

Já escrevi artigo relacionado à personalidade do esporte, da política, do rádio e, num contexto mais amplo, os mais diversos temas. Hoje, tenho o maior prazer em falar a respeito de uma grande profissional de saúde. É conhecida popularmente por Del da Procardio. Essa jovem inteligente nasceu na cidade de Araripina em Pernambuco, porém, fixou residência na cidade de Juazeiro aqui na Bahia. Formou-se em letras pela Universidade de Pernambuco em Petrolina, mas não exerceu a profissão de educadora, optando pela área de saúde. Seu maior sonho acadêmico era ter sido uma médica, infelizmente, não foi possível tal realização. Entretanto, é uma profissional de mão cheia, versátil e dinâmica.

São 20 anos de experiência no mercado de trabalho entre genecologia e cardiologia clínica.  Tem uma habilidade incrível na função que exerce, e, sabe executar várias funções simultaneamente. Extremamente eficaz nas suas responsabilidades e metódica nos serviços da clínica que gerencia.

Del nasceu para tal conjuntura, identifica-se tão bem naquilo que faz que é visível a sua desenvoltura e destreza. É aquela pessoa que tem a capacidade de saber resolver os conflitos, quando porventura surgem.  Ela veste a camisa da empresa, produz e mostra resultados. Tem a competência de conduzir as situações tais que deixa o cliente satisfeito. Quem não gostaria de ter no quadro de sua empresa uma pessoa com esse perfil? Um dos maiores problemas que existe nas empresas em geral, é encontrar alguém qualificado, que tenha uma visão além do alcance e o discernimento administrativo para o sucesso de seu empreendimento. Pois, bem, essa jovem tem essas características, tantos anos na área em discussão lhe credenciaram como uma pessoa de grande referência. Além disso, faz o papel de mãe, esposa, gerencia uma clínica de cardiologia, e ainda encontra tempo para cursar administração de empresas, para sentir-se mais preparada no exercício da sua função.

Del aprecia mexer com papel, serviços burocráticos, e, no seu dia a dia quando embola o meio de campo, a mesma aparece, com aquele carisma e gentileza que agrada a qualquer pessoa. Tem uma psicologia no trato com o ser humano, que deixa o cliente satisfeito. O diferencial é que ela sabe ouvir o paciente e compreender o seu problema, sem mau humor e truculência. É por isso, que alcançou esse status de grandeza em sua profissão. Quando se faz necessário dizer um “não”, fala com muita classe, sem que a pessoa sinta-se machucada, mas faz o maior esforço possível para corresponder, visando o bem-estar e comodidade. Às vezes, devido à demanda o consultório fica repleto de pessoas e o atendimento demora, ela sabiamente, conduz essa situação desconfortável de tal maneira, que a pessoa sente o desejo de voltar novamente.

Como ninguém sabe associar a qualidade do serviço à expectativa do cliente. Quem não gostaria de ter uma funcionária tal como Del da Procardio? Eu compartilho com o mesmo pensamento do Prefeito Dr. Júlio Lóssio por ocasião da entrega da medalha de honra Senador Nilo Coelho há pouco tempo, quando se expressou: “Não temos que esperar 50 anos para reconhecer um grande ato heroico do piloto Eduardo Verly se temos a oportunidade de fazer agora”. Embora, dissesse em outras palavras, no entanto, o sentido era esse. De igual modo, quero enaltecer a importância dessa profissional de saúde agora, no presente momento, porque os anos passam mui rapidamente e esquecemo-nos de fazer justiça a quem merece. Feliz da empresa que tem Deus a sua frente e o talento de saber administrar tal como Del da Procardio.

Antônio Damião Oliveira da Silva ([email protected])

Professor/Guarda Municipal Petrolina

Deixe uma resposta