Em entrevista ao programa “Bom dia Vale” comandante da PM afirma que número de homicídios está menos que no ano passado

GEDSC DIGITAL CAMERA

A cidade Petrolina permanece ocupando o segundo lugar no ranking das cidades mais violentas do estado de Pernambuco. Somente este ano, já são dez homicídios. Desses, cinco foram cometidos dentro das residências.  Em entrevista para o  programa “Bom Dia Vale” o Comandante Tenente-Coronel Ricardo Perez esclareceu as diretrizes de combate a violência em Petrolina para este ano. Segundo ele, apesar do alto índice, janeiro de 2016 ainda está sendo menos violento que o mesmo período ano passado.

“Se comparado amo mesmo período do ano passado, apresenta uma redução de 25%. Nesse mesmo período, até o dia 19 de janeiro de 2015, nós tínhamos um aumento de 12 ou 13 homicídios e hoje, estamos com nove. O nosso objetivo é zerar o número de homicídios, é zerar o número de crimes letal e intencional. Estamos todo os dias estudando, todos os dias trabalhando, a nossa tropa está na rua, juntamente com os parceiros Polícia Militar, Polícia Civil e poder judiciário, estudando essa ambiência. A gente tem que estudar muito essa questão da violência doméstica. É o crime que no momento que está nos preocupando”

No final do ano passado, o 5º BPM recebeu 40 policiais para reforçar a tropa. De acordo o comandante, com sinais de novo concurso para a Polícia Militar de Pernambuco, pode ser que haja vagas para Petrolina. Ricardo Perez, não corresponde a informação que das 22 viaturas da PM, teriam apenas 08 funcionando. O comandante afirma que das 22 viaturas, apenas três estariam com problemas, além disso o efetivo conta com 14 motos para realizar as operações.

Além do 190, a população pode entrar em contato com a PM mais facilmente através dos números  87 9 88147883 / 988772126 /9  88772127.

Deixe uma resposta