Em nota de esclarecimento, chefe de gabinete da Prefeitura de Petrolina afirma: “Lossio nunca fez e nem fará politicagem com o sofrimento de uma família enlutada”

Chefe de gabinete da Prefeitura, Joselito Brandão, destaca empenho do prefeito em ajudar as autoridades a elucidarem crime que chocou a cidade/Foto: internet

Chefe de gabinete da Prefeitura, Joselito Ribeiro, destaca empenho do prefeito em ajudar as autoridades a elucidarem crime que chocou a cidade/Foto: internet

O chefe de gabinete da prefeitura de Petrolina, Joselito Ribeiro, enviou à imprensa uma nota de esclarecimento sobre as medidas adotadas pela gestão municipal no sentido de auxiliar às autoridades cabíveis na elucidação do brutal crime contra a pequena Beatriz Angélica Mota, em dezembro passado. Joselito encaminhou a nota após o Movimento ‘Beatriz Clama por Justiça’ ter feito uma carta aberta criticando o silêncio do prefeito Julio Lossio com relação ao caso.

Vejam abaixo a nota do chefe de gabinete da Prefeitura Municipal.

Nota de esclarecimento

Pela primeira vez, em mais de sete anos como chefe de gabinete do prefeito Julio Lossio, venho fazer uma declaração pública. Não uma declaração política, mas de justiça.
Desde o primeiro momento, logo após a precoce e trágica morte da menina Beatriz Angélica Mota, o prefeito fez contato com o governado, Paulo Câmara, no sentido de termos uma ação de investigação mais efetiva e ágil. Recebi do prefeito a incumbência de monitorar pessoalmente esta questão junto à Secretaria Defesa Social, o que tenho feito com dedicação e respeito.

Por diversas vezes, ao longo da investigação, falei com o secretário de Defesa Social do Estado ou coloquei o prefeito em linha direta com ele.

Fizemos contato com membros da Polícia Federal, no intuito de viabilizar uma forma legal para que pudessem auxiliar nas investigações. O prefeito, através da AMMPLA, ainda colocou à disposição das autoridades as imagens das nossas câmeras de vigilância, localizadas na região do Colégio Maria Auxiliadora.

Sempre vi no prefeito Julio Lossio um grande esforço para ajudar no que fosse necessário nas investigações e, tudo isso, não somente por ser o gestor municipal, mas, principalmente, por ser pai e porque, como todo cidadão de Petrolina, ficou extremamente chocado com o caso. Para prestar solidariedade aos pais o prefeito esteve presente no velório e visitou a família da pequena Beatriz, colocando-se, mais uma vez, à disposição dos pais para ajudar no que fosse possível e necessário.

Contudo, o prefeito nos recomendou que não fosse dada publicidade às medidas tomadas nem sobre os contatos realizados. Lossio nunca quis, e sei que nunca fará, atos de “politicagem” com o sofrimento de uma família enlutada e de uma criança que teve sua vida ceifada de forma tão violenta.

Não só o prefeito Julio Lossio, mas todos nós do governo municipal temos agido sempre no sentido de colaborar com essa investigação, dispensando a presteza e o respeito que o caso requer e a família merece.

Joselito Ribeiro
Chefe de Gabinete – Prefeitura de Petrolina

Deixe uma resposta