Em nota PF confirma morte de suspeitos de assassinar policial na rodoviária de Juazeiro (BA)

pf-morto

Dois homens suspeitos de assalto seguido de morte do policial federal Wilson Teixeira, ato praticado na segunda-feira,29, no terminal rodoviário interestadual de Juazeiro (BA), se deram mal, segundo a Polícia, os acusados reagiram a ordem de prisão houve troca de tiros e os dois meliantes foram baleados e morreram a caminho do hospital.

Em nota publicada em uma rede social a comunicação da PF escreveu a seguinte informação que se segue nas próximas linhas:

“Após quatro dias da morte do Policial Federal Wilson Teixeira de Queiroz Netto, morto por três elementos na Estação Rodoviária de Juazeiro/BA, policiais federais, juntamente com policiais civis, militares e rodoviários federais, lograram êxito na resolução do caso. As diligências realizadas levaram à identificação e prisão de Lucas Nascimento Santos Santana, no município de Filadélfia, enquanto tentava empreender fuga.

Outros dois envolvidos no crime, Gildemar Gonçalo da Silva, o “GIL”, e Evandro José De Araújo, o “Grande” ou “Pé”, foram localizados no município de Campo Formoso. Ao serem abordados, ambos reagiram violentamente à ação policial, sendo alvejados no confronto. Apesar de socorridos, nenhum dos dois resistiu aos ferimentos e acabaram vindo a óbito. A ação policial foi desenvolvida nos municípios de Juazeiro, Senhor do Bonfim, Filadélfia, tendo seu desfecho em Campo Formoso, todos no Estado da Bahia.

A operação contou com a ininterrupta participação de Policiais Federais, com o apoio da Coordenação de Aviação Operacional, bem como das demais forças de segurança do Vale do São Francisco, como a Polícia Rodoviária Federal, SSP/BA, Polícias Civis da Bahia e de Pernambuco, CIPE – Caatinga (Juazeiro) e PMPE CIOSAC. Após a formalização do procedimento flagrancial, pelo crime de latrocínio e formação de quadrilha, o preso será encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça”.

Deixe uma resposta