Encontro Técnico-Científico de Capoeira acontecerá a partir desta quinta (02), na Univasf

No I AbadÁcadêmico, ocorrerão também apresentações de trabalhos acadêmicos com foco na capoeira, lançamento de livro e curso técnico com mestre Camisa/Imagem ilustrativa

No I AbadÁcadêmico, ocorrerão também apresentações de trabalhos acadêmicos com foco na capoeira, lançamento de livro e curso técnico com mestre Camisa/Imagem ilustrativa

Será realizado na Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) o I AbadÁcadêmico: Encontro Técnico-Científico de Capoeira. O evento terá início logo mais, às 9h, com a abertura oficial no Miniauditório 1 do Complexo Multiventos, Campus Juazeiro (BA) e seguirá até o próximo domingo (5), com atividades nos Campi Centro, em Petrolina  e Juazeiro. As inscrições deverão ser realizadas no local.

O AbadÁcadêmico é uma iniciativa do Programa de Educação Tutorial (PET) do Colegiado de Educação Física da Univasf em parceria com a Associação Brasileira de Apoio e Desenvolvimento da Arte-Capoeira (Abadá Capoeira) do Vale do São Francisco. Nesta  manhã, no Campus Juazeiro, será realizada a abertura do evento, que contará com a presença do homenageado José Tadeu Carneiro Cardoso, o mestre Camisa.

Na sexta-feira (3) pela manhã, haverá palestra sobre “A influência da capoeira no desenvolvimento psicomotor de crianças”, com Andreylson Calixto de Brito, também conhecido como professor Berimbau; e à tarde, o ponto de vista do mestre Camisa sobre ”Perspectivas Futuras no mundo da capoeira”.

No I AbadÁcadêmico, ocorrerão também apresentações de trabalhos acadêmicos com foco na capoeira (projetos de pesquisa, pesquisas originais, ensaios e relatos de experiência), lançamento de livro e curso técnico com mestre Camisa.

Segundo o professor do Colegiado de Educação Física e um dos organizadores, Sérgio Rodrigues Moreira, o evento tem como objetivo promover o intercâmbio entre a academia e o conhecimento popular em capoeira. “O AbadÁcadêmico tende a fomentar ainda mais a produção acadêmica na área e proporcionar a formação de recursos humanos para a capoeira especializada”, afirma.

Com informações da Assessoria

Deixe uma resposta