Espetáculo “Fraturas”, único indicado do interior, vence quatro categorias no Recife

tripe fraturas

A dança do Vale do São Francisco foi representada pelo Coletivo Trippé no Prêmio APACEPE de Teatro e Dança 2016, realizado durante o Festival Internacional Janeiro de Grandes Espetáculos, em Recife, capital pernambucana. O grupo foi o único do interior, sendo indicado em sete categorias. Na cerimônia de entrega dos prêmios, realizada na quinta-feira (28), no Tetro de Santa Isabel, o ‘Trippé’ recebeu quatro, os de melhor espetáculo, melhor figurino, bailarino revelação e melhor coreografia.

O Coletivo Trippé se apresentou com o espetáculo ‘Fraturas’ na capital do estado no último dia 10, no Teatro Apolo, onde foi avaliado por uma comissão formada por três artistas de reconhecido trabalho com dança. Após essa apresentação, foram indicados como melhor espetáculo, melhor coreografia (Mauricio de Oliveira), melhor bailarina (Julia Gondim), melhor bailarino (Adriano Alves), melhor iluminação (Carlos Tiago e Mauricio de Oliveira), melhor trilha sonora (Tato Taborda) e melhor figurino (Mauricio de Oliveira).

O prêmio anual é realizado pela Associação de Produtores de Artes Cênicas de Pernambuco, sendo considerado o mais importante do estado. O bailarino Wagner Damasceno disse que os prêmios são “bastante importante para o grupo e também para a cidade em si, já que era o único grupo que não faz parte do ‘polo Recife’ de dança”. “Foi bastante gratificante ver que todo o esforço e tempo dedicado ao trabalho, de uma certa forma, está sendo reconhecido”, completou o bailarino que foi agraciado como revelação.

O espetáculo ‘Fraturas’ estreou em 2015, após o grupo receber o coreógrafo paulista Mauricio de Oliveira para uma residência criativa entre o Coletivo Trippé e sua companhia, a Cia. Siameses. O trabalho de construção, que durou três meses, foi incentivado pelo Governo do Estado da Bahia com a aprovação do projeto no Edital Setorial de Dança 2014, um reconhecimento para o grupo que mantêm atividades nessa região onde há o encontro da Bahia com Pernambuco.

A próxima apresentação do espetáculo ‘Fraturas’ será no Teatro Dona Amélia, dentro da programação do Festival Janeiro Tem Mais Arte, no domingo (31). O espetáculo começa às 20h e os ingressos custam R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia). Para continuar acompanhando o trabalho do coletivo é só curtir a página no Facebook, facebook.com/coletivotrippe.

Texto: Adriano Alves

Deixe uma resposta