Exclusivo: Justiça decide que moradores da Vila Chocolate permanecerão em suas casas

Protesto 4 Jean Brito

A juíza substituta da 2 Vara Civil de Petrolina, Dra. Carla Adriana de Assis, em decisão proferida na tarde desta segunda-feira (15), ordenou que fosse suspenso o cumprimento da liminar da reintegração de posse da área denominada Loteamento Núcleo Habitacional e Centro de Lazer para funcionários da CODEVASF, a qual teria sido esbulhada por moradores da Vila chocolate.

No decorrer do processo a defesa dos moradores da Vila pediu a reconsideração da medida liminar deferida, alegando se tratar de posse antiga não devendo deste modo ser objeto de medida liminar, o que foi acatado pela magistrada.

Em protesto realizado nas ruas de Petrolina no dia 20 de janeiro deste ano, moradores do bairro Vila Chocolate temiam serem despejados no dia 12 de fevereiro.

Segundo Elineide Delmonde de Azevedo, a comunidade foi pega de surpresas com o pedido de desocupação das residências. “ A gente quer saber quem é a pessoa e por que vão derrubar às nossas casas? Questionou.

A reintegração de posse seria cumprida nesta terça-feira (16), mas a decisão da magistrada revogou a reintegração da área em favor dos moradores.

Deixe uma resposta