Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Fórum discutirá políticas voltadas a crianças e adolescentes de Petrolina

As políticas públicas voltadas às crianças e adolescentes de Petrolina serão discutidas no 1º Fórum Comunitário do Selo Unicef que acontece na próxima segunda-feira (27), no Senai. O encontro é promovido pela prefeitura e pelo Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente e será realizado, a partir das 8h.

Petrolina aderiu ao Selo Unicef na edição 2017 a 2020 com o compromisso de elaborar um diagnóstico da população de 0 a 18 anos sobre os principais problemas do grupo.

O fórum é aberto à comunidade e durante o encontro serão discutidas ações para melhorar os serviços direcionados às crianças e adolescentes de Petrolina. A programação segue até às 14h quando serão formados grupos de trabalho para discutir os avanços necessários para sanar as desigualdades em Petrolina.

Para a articuladora do Selo na cidade, Kátia Carvalho, as discussões fazem parte de um compromisso da gestão em melhorar as ações voltadas a este público.

“A prefeitura já tem desenvolvido várias ações contemplando as crianças e os jovens da nossa cidade na área do lazer, esporte, cultura, educação e saúde. Nosso objetivo agora é reforçar estas ações porque o selo demonstra que a gestão do prefeito Miguel Coelho está comprometida com a redução das desigualdades e com o cuidado com as crianças e adolescentes”, destaca Kátia.

Entre as discussões, estão assuntos relacionados à qualidade da educação; evasão escolar; alimentação Infantil; gravidez na adolescência; violência contra crianças e adolescentes; pré-natal; direito à vida, entre outros.

Participação

O 1º Fórum Comunitário é o espaço onde a comunidade passa a ser parte do planejamento das ações que produzam impactos reais na vida de crianças e adolescentes. O resultado prático é a elaboração de um Plano de Ação que deve ser implementado pela gestão municipal ao longo dos quatro anos do ciclo do Selo UNICEF.

Deixe uma resposta