Idosa aguarda por cirurgia no HU há mais de um mês e neto faz apelo

Idosa espera por cirurgia desde outubro (Foto: Internet)

Uma espera sem fim. Essa é a rotina de dona Luzia Justina Aires de Oliveira, de 92 anos. Ela está internada no Hospital Universitário há mais de um mês, aguardando por uma cirurgia no fêmur. Porém, de acordo com seu neto, Severino Aires de Oliveira, de última hora a unidade cancela o procedimento.

O cancelamento já teria acontecido por duas ocasiões. Enquanto isso, dona Luzia, que não pode caminhar e apenas fica deitada na maca do hospital fica com sua saúde cada vez mais debilitada. Preocupado com a avó, Severino fez um apelo.

“Minha avó está no Hospital de Traumas desde o dia 13 do mês passado, a mesma já foi encaminhada para duas cirurgias no fêmur, ela está com o fêmur quebrado e de última hora cancelam. A alegação é que precisa de uma UTI e uma sala amarela, para ela estar repousando em observação”, contou ao Blog Waldiney Passos.

Com o fêmur quebrado, a idosa apenas pode ficar deitada e, de acordo com Severino, estão havendo complicações. “Ela já tá criando ferimento nas costas porque não pode se locomover, já está debilitado por conta da idade e eu só vejo o hospital dando desculpa em cima de desculpa“, afirmou.

Revoltado com a situação, ele já acionou a Ouvidoria do HU, procurou a Justiça, porém sem sucesso. Na sexta-feira (15) o Blog solicitou uma nota do hospital, para saber quando dona Luzia será submetida ao procedimento cirúrgico, mas até o encerramento dessa matéria não havíamos recebido uma resposta.

Deixe uma resposta