Isabel Cristina afirma que condução de Lula pela Polícia Federal foi mais uma armação

Isabel Cristina

Assim como em todo o país o Partido dos Trabalhadores em Petrolina também condenou a ação da Polícia Federal em conduzir o ex-presidente Lula para depor na investigação da operação Lava-Jato. De acordo com a ex-deputada Isabel Cristina tudo foi arrumado, premeditado, na tentativa de destruir o programa que está em vigência neste país. ” Eu acho que não se trata de destruir PT, de destruir Dilma, na realidade eles vão para o foco de quem é responsável direto, para quem dá visibilidade direta para este projeto que é o presidente Lula. Então eles vieram por lá, pegando deputado ali para chegar em Lula.” avaliou.

Cristina disse no entanto acreditar que o tiro saiu pela culatra. “Tanto foi inoportuna essa convocação, o próprio ministro (Marco Aurélio Mello) disse isso que o Sérgio Moro foi inconsequente nessa convocação de Lula, até por que ele não tinha que ir na forma coercitiva porque ele é uma pessoa que sempre está disponível para prestar qualquer esclarecimento”.

Para a petista, houve exageros por parte da justiça “essa tentativa de mostrar para a população, de mostrar para o povo que Lula foi preso, que Lula está sendo levado pela Polícia Federal, isso foi mais um passo dessa tentativa de destruição, por que além de Lula ser um ex-presidente da república ele jamais iria fugir de sua responsabilidade em prestar qualquer esclarecimento, não precisava aquela manobra toda, daquele sensacionalismo que foi feito”, disse.

Isabel Cristina confirmou que todo que está acontecendo não passa de mais uma armação contra o PT. “Seis horas da manhã a Globo já estava na casa de Lula então isso foi realmente uma armação e a população está cansada desse tipo de coisa”, salientou.

Deixe uma resposta