Japonês da Federal é preso em Curitiba

japones da federal

As investigações mostraram que os agentes facilitavam a entrada de contrabando no país, pela fronteira com o Paraguai, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. Foto: arquivo

Um dos personagens mais conhecidos da Operação Lava Jato, foi preso nesta terça-feira (07), em Curitiba. O policial federal Newton Ishii, chamado de Japonês da Federal e conhecido por conduzir os presos da operação, está detido na Superintendência da Polícia Federal na capital paranaense.
O Japonês foi condenado a quatro anos e dois meses, em 2003, em virtude da Operação Sucuri, que descobriu envolvimento de agentes na entrada de contrabando no país. O mandado foi expedido pela Vara de Execução Penal Justiça Federal de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

As investigações mostraram que os agentes facilitavam a entrada de contrabando no país, pela fronteira com o Paraguai, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. O caso tramita sob segredo de Justiça.

Com informações de G1

Deixe uma resposta