Justiça Eleitoral de Petrolina convoca mesários para eleições de outubro

(Foto: Taísa Alencar/G1 Petrolina)

Em menos de 90 dias petrolinenses serão convocados às urnas para eleger os representantes nacionais e estaduais dos próximos quatro anos. O primeiro turno da votação deve acontecer no dia 7 de outubro e 2400 mesários trabalharão nas três zonas eleitorais.

O dado fornecido pela Justiça Eleitoral da cidade esconde uma curiosidade. Desse total, 50% é voluntário, ou seja, se dispôs a trabalhar no primeiro e possível segundo turno. Eles já estão sendo convocados e têm até agosto para comparecer ao chamamento da Justiça Eleitoral.

Quem não atender à convocação está sujeito à uma penalidade financeira e uma série de impedimentos. “A multa varia de R$ 17,56 a R$ 351,36, a qual, enquanto não for paga, impede a quitação eleitoral”, informa o chefe do Cartório da 145ª Zona Eleitoral, Edvanilson Lima.

A pendência na Justiça Eleitoral também acarreta na não participação em concurso público, realização de empréstimos públicos, retirada de passaporte e a matrícula em universidades, entre outras consequências.

Os mesários participarão de um treinamento, previsto para ser realizado no próximo mês. Como benefício, eles terão folgas para os dias trabalhados (primeiro e segundo turno, além do treinamento).

A Justiça Eleitoral de Petrolina fica localizada na Avenida Dona Justina Freire, nº 213, Vila Mocó, próximo à APAE e CRE. O horário de funcionamento é das 8h às 15h e os eleitores devem retirar a carta de convocação na zona onde votam.

Deixe uma resposta