Leitor questiona critérios de seleção para motorista de ambulância, Prefeitura de Petrolina esclarece

Prefeitura afirma que edital é claro e que exigências estão sendo seguidas (Foto: ASCOM)

O Blog recebeu questionamentos de um leitor, que fez a seleção da Secretaria de Saúde de Petrolina, para o cargo de motorista de ambulância. Ele alega que o edital não é claro quantos aos critérios para exercer a função e que pessoas estariam burlando a documentação exigida.

“No edital no item 8-7 na letra D diz que a comprovação de 2 anos tem que ser do Ministério do Trabalho e a maioria dos convocados está querendo burlar esse requisito com declaração de transporte alternativo. Eu posso ter 10 anos na Categoria D da CNH e nunca ter trabalhado em ambulância pra exercer”, afirmou.

Outro lado

Contudo, segundo a Prefeitura de Petrolina, o edital da seleção é claro: a declaração mencionada pelo leitor não é exclusiva ao cargo mencionado – é uma determinação geral – e não necessariamente precisa ser emitida pelo Ministério do Trabalho.

Diante das argumentações, o Blog solicitou um posicionamento oficial da Secretaria de Saúde, em especial no que diz respeito às exigências do cargo: ter CNH D e curso de condutor de veículos de emergência. “Com relação a convocação e a documentação para o concurso público da Prefeitura de Petrolina na área da saúde, a Secretaria esclarece que todas as exigências do edital estão sendo cumpridas”, informou a nota.

2 Comentários

Deixe uma resposta