Marchante conclama classe a fazer greve em Petrolina

oie_24123736fnDHbfYV

Gilberto Castro sugere reabertura do Matadouro de Petrolina-PE

Ao participar do programa Bom Dia Vale, Rádio Jornal, na manhã desta terça-feira (24), um dos marchantes mais antigos de Petrolina, Gilberto Castro, com mais de 40 anos de atividade na cidade, afirmou que parte da carne comercializada nas feiras de Petrolina é clandestina, ou seja, as pessoas podem está consumindo carnes contaminadas.

Diante da gravidade da situação, levando-se em consideração ainda que a abatedouro de Juazeiro (GMJ Distribuidora de Carnes EIRELI-ME), não  tem autorização para abater animais, o marchante convocou toda a classe a paralisar as atividades e impedir que a carne, clandestina de Juazeiro, também entre em Petrolina.

“Eu prefiro fechar três comércios que tenho, mas não vou partir para a clandestinidade”, afirmou Gilberto Castro.

Um Comentário

Deixe uma resposta