Monica Iozzi é condenada a pagar R$ 30 mil a ministro do STF por expressar opinião

(Foto: Internet)

Atriz é condenada a pagar danos morais após expressar sua opinião contra o ministro Gilmar Mendes. (Foto: Internet)

A apresentadora e atriz Monica Iozzi foi condenada a pagar uma indenização no valor de R$ 30 mil mais os custos administrativos do processo e honorários de advogados para o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes. Iozzi foi processado pelo ministro por danos morais por uma foto postada no Instagram.

A atriz criticou o fato de o ministro ter concedido habeas corpus ao médico Roger Abdelmassih, acusado de abusar sexualmente das pacientes. “Se um ministro do STF faz isso… nem sei o que esperar”, disse Mônica Iozzi na época. O juiz que acolheu a denúncia alegou que todos têm o direito de expressar suas opiniões, porém, ela não deveria ter “violado a dignidade, a honra e a imagem” do ministro.

Iozzi sempre torna público o seu posicionamento em relação aos problemas políticos no Brasil. Ela inclusive já criticou a postura da TV Globo, denunciou a “tendenciosidade” das matérias jornalísticas e se mostrou indignada com a reação da população.

Deixe uma resposta