Na primeira semana de reabertura do comércio de Petrolina fiscalização será educativa

Comércio na Rua Dom Vital. (Foto: ASCOM/PMP)

Decretado na última sexta-feira (29), o plano de retomada gradual da economia em Petrolina tem início nesta segunda-feira (1º) e prevê, durante os primeiros 15 dias de junho,  retorno de comércio, shopping, serviços, templos religiosos, utilização de parques públicos, entre outros. E, claro, cada setor deverá cumprir as medidas preventivas ao coronavírus, como consta no decreto municipal.

Na primeira semana, a fiscalização do poder público será educativa. A partir da segunda semana, a fiscalização será rigorosa e os estabelecimentos que desobedecerem o decreto podem ter o alvará de funcionamento cassado ou suspenso. Além disso, os responsáveis podem sofrer outros tipos de penalidades como multa e condução à delegacia de Polícia Civil para adoção das medidas legais cabíveis. O descumprimento pode ser denunciado à Central de Atendimentos da Secretaria Executiva de Segurança Pública, no telefone 153, ou pelo WhatsApp (87) 9 87 8106-7310.

A equipe de fiscalização da prefeitura atua 24h por dia, desde que foram anunciadas medidas de restrição ao funcionamento dos serviços não essenciais, em março deste ano. Até o momento, 376 estabelecimentos foram notificados, 80 interditados e 6 conduções à delegacia foram efetuadas – pela resistência dos cidadãos em obedecer ao decreto ou por desacato. O trabalho da fiscalização vai continuar enquanto tiver validade os decretos que preveem medidas restritivas ou sanitárias de prevenção à Covid-19.

Deixe uma resposta