Náutico quer carimbar passaporte de volta ao Nordestão

 

A partida será o quarto confronto entre as equipes na temporada/Foto:JC Imagem

A partida será o quarto confronto entre as equipes na temporada/Foto:JC Imagem

Em 2015, o Salgueiro tirou o Náutico do Estadual e da Copa do Nordeste. Um ano depois, o “troco” alvirrubro pode vir também em dobro. A vitória e até o empate na partida deste sábado (7), às 18h30, na Arena Pernambuco, não só garante a terceira vaga de Pernambuco no Nordestão ao Alvirrubro quanto coloca em sério risco a participação do Carcará na Copa do Brasil de 2018.

A partida será o quarto confronto entre as equipes na temporada, até agora com larga vantagem alvirrubra: foram três vitórias nos três jogos disputados, dois deles nos domínios dos sertanejos, onde o Salgueiro não havia perdido para mais ninguém. A partida disputada na Arena foi apertada, vitória por 1×0, com Júlio César defendendo um pênalti.

“Não vai ser moleza, não”, afirmou o zagueiro Fabiano Eller, ciente da “dureza” que é enfrentar o Salgueiro, independente de onde seja o jogo. Para o zagueiro, a saída é partir para o ataque, esquecendo inclusive da vantagem do empate. “Não deixa de ser vantajoso, mas temos que ir para frente. Se fizermos um gol, ficará mais fácil administrar a partida”, disse o jogador.

Falando em ataque, é justamente no setor a única dúvida alvirrubra. Apesar do time ter jogado melhor no segundo tempo, com Rafael Coelho ao lado de Rony, o técnico Alexandre Gallo não descartou Jefferson Nem. Para o treinador, o gramado ruim do Cornélio de Barros atrapalhou o desempenho do jogador, que poderá ter uma atuação melhor na Arena. “Vamos deixar esse suspense até antes do jogo. O importante é que temos opções”, despistou.

Do outro lado, o Salgueiro quer salvar a temporada. Desclassificado da Copa do Brasil, das finais do Estadual e da Copa do Nordeste, o Carcará sabe  que dificilmente disputando a Série C terá condições de rankear para a Copa do Brasil no ano que vem. De contrato renovado até dezembro de 2017, Sérgio China acredita no poder de superação do time e promete reverter o resultado. Se conseguir o feito, estará garantida a terceira participação consecutiva dos sertanejos no Nordestão.

FICHA DO JOGO
Náutico
Júlio César; Joazi, Rafael Pereira, Fabiano Eller e Henrique; Ygor, Rodrigo Souza e Esquerdinha; Caíque, Rony e Jefferson Nem (Rafael Coelho). Técnico: Alexandre Gallo.

Salgueiro
Mondragon; Marcos Tamandaré, Ranieri, Rogério e Daniel; Moreilândia, Rodolpho Potiguar; Jefferson Berguer e Cássio Ortega; Piauí e Lucas Piauí. Técnico: Sérgio China.

Local: Arena PE. >Horário: 18h30. Árbitro: Gilberto Castro Júnior. Assistentes: Clóvis Amaral e Bruno César Vieira.Ingressos: de R$ 20 a R$ 60.

Com informações do Blog do Torcedor

Deixe uma resposta