Paulo Valgueiro afirma que vereadores foram revanchistas ao desaprovarem Moção de Aplauso a ministro do STF

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Na sessão de terça-feira (3) a Moção de Aplauso ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski através do Requerimento nº 040/2018 pelo vereador Paulo Valgueiro (MDB) gerou muito bate boca na Casa Plínio Amorim.

LEIA TAMBÉM:

Moção de aplauso a Ricardo Lewandowski gera polêmica na Câmara de Vereadores

Valgueiro viu seus colegas votaram contra e o Requerimento não foi aprovado. Ao defender seu pedido, o oposicionista afirmou que os edis da Situação estavam sendo revanchistas. “Nada mais é do que revanche. Ano passado teve uma Moção de Aplauso ao ministro Fernando Filho e eu votei a favor porque meu voto é com consciência, ninguém vai me dizer como votar ou não”, afirmou o vereador.

A Moção de Aplauso foi apresentada destacando a ação de Lewandowski de retirar o poder do MDB em Pernambuco das mãos do senador Fernando Bezerra Coelho, no último dia 20 de março. O resultado da votação do Requerimento nº 040/2018 foi de 14 votos contra, 4 a favor e 2 abstenções.

Deixe uma resposta