Pernambuco: Homem morre após acidente com tirolesa em Itamaracá

Outro caso de acidente no local também já resultou em morte anteriormente.

Um consultor de informática de 32 anos morreu após cair de uma tirolesa na Ilha de Itamaracá, no Litoral Norte de Pernambuco. Após o acidente, que aconteceu na tarde do último domingo (11), a vítima chegou a ser socorrida para um hospital local e transferido para o Hospital da Restauração (HR), no Derby, na área central do Recife, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a prefeitura do município, desde janeiro o parque não tinha autorização de funcionar. De acordo com o HR, a vítima foi identificada como Eduardo Carvalho. Ele faleceu na manhã desta segunda-feira (12) por traumatismo.

Segundo a Polícia Civil de Pernambuco, a vítima estava com familiares quando decidiu andar no brinquedo. Ao iniciar a descida, o equipamento rompeu, o que ocasionou uma queda nas pedras. O acidente ocorreu no Parque Lagoa Azul, que é um espaço privado.

O corpo do consultor foi sepultado no final da tarde desta terça-feira (13), no Cemitério da Muribeca, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. A Polícia Civil armou que instaurou inquérito policial para esclarecer a morte.

Uma equipe da Força Tarefa da Capital, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), foi ao local para realizar procedimentos legais e o caso será encaminhado à Delegacia de Itamaracá.

Segunda morte no parque

Outro caso de acidente no local também já resultou em morte anteriormente. No dia 1º de janeiro de 2018, um homem de 36 anos morreu após descer de tirolesa e se afogar em uma lagoa. Na ocasião, uma equipe do Corpo de Bombeiros precisou ser acionada para retirar o corpo do parque.

Fonte JCOnline

Deixe uma resposta