Pernambuco tem queda de 9,6% no PIB neste primeiro trimestre de 2016

(Foto: Internet)

Na agropecuária, a redução foi de 7,1%. (Foto: Internet)

O Produto Interno Bruto (PIB) de Pernambuco, que representa a soma de todas as riquezas produzidas no Estado, teve uma queda significativa de 9,6% no primeiro trimestre deste ano em comparação com o mesmo período do ano anterior. Em relação ao último trimestre do ano passado, a retração foi de 2,4%.Já é o quarto trimestre consecutivo de queda da economia pernambucana.

Os dados foram divulgados pela Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas Condepe/Fidem nesta quinta-feira (7), em uma coletiva de imprensa realizada em sua sede, localizada no bairro da Boa Vista, na área central do Recife. O resultado negativo foi influenciado pela redução dos desempenhos da agropecuária (-7,1%), da indústria (-14,3%) e dos serviços (-7,6%), incluindo-se neste último o comércio.

“A queda no setor de serviços é preocupante porque ele é o maior peso na nossa economia. Mas Pernambuco não é uma ilha e acompanhou o comportamento da economia nacional. O momento político também foi muito prejudicial para a economia”, ressaltou Flávio Figueiredo, presidente da Agência Condepe/Fidem.

Na agropecuária, a redução foi de 7,1%. O governo estadual disse que todos os setores produtivos encolheram por conta da recessão brasileira. “Pernambuco não é uma ilha e o País está em crise”, finalizou Maurício Cruz, secretário-executivo de Planejamento e Gestão do Estado.

Com informações da FolhaPE

Deixe uma resposta