Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Petrolina se destaca e aparece como uma das cidades mais transparentes de Pernambuco

A avaliação ocorreu no período de 9 de julho a 14 de novembro deste ano.

Após adotar um novo sistema que permite maior eficácia na divulgação de dados públicos, a Prefeitura de Petrolina conquistou reconhecimento pela transparência praticada na cidade.  O município aparece em 12º lugar entre os mais transparentes de Pernambuco, segundo o Ranking da Escala Brasil Transparente – Avaliação 360° (EBT).

Na avaliação, feita pelo Ministério da Transparência e Controladoria Geral da União (CGU), foi levada em conta, por exemplo, a implantação do novo Portal da Transparência, que por ser mais acessível e didático estimula a participação da sociedade.

Segundo a controladora geral do município, Larissa Soeiro, a prefeitura tem seguido todas as recomendações dos órgãos competentes para dar ao cidadão as ferramentas para acompanhar a gestão pública.

“Nossa equipe tem trabalhado para proporcionar ao cidadão a maior transparência possível acerca das ações da Prefeitura de Petrolina. Essa colocação no ranking é apenas o resultado de que estamos no caminho certo, modernizando as ferramentas de acesso às informações públicas e assegurando que o petrolinense acompanhe, de perto, o desenvolvimento do seu município”, disse.

A nova metodologia avalia tanto a transparência passiva quanto a transparência ativa referente à publicação de informações na internet, incorporando aspectos como a verificação da publicação de informações sobre receitas e despesa, licitações e contratos, estrutura administrativa, servidores públicos, acompanhamento de obras públicas, entre outros.

A avaliação ocorreu no período de 9 de julho a 14 de novembro deste ano, e envolveu 691 entes, entre eles os estados, capitais e municípios com mais de 50 mil habitantes. O resultado da avaliação pode ser acessado clicando aqui.

Deixe uma resposta