Polêmica: mulheres flagradas amamentado em vias públicas podem pegar cinco anos de prisão

Amor de mãe

Deputados aprovaram por maioria dos votos, uma emenda que proíbe as mães de amamentar seus bebês em vias públicas.

Esta iniciativa foi proposta depois de analisar que tais atitudes, como amamentação em vias públicas se tornaram umas das principais causas de crimes de estupro no país.

Os governos estaduais e municipais em todo o país têm seis meses para modificar as suas regras e ajustar este novo arranjo. As mulheres que são apanhadas a cometer tais delitos serão multadas em até 30 salários mínimos ou 5 anos de prisão.

Oscar Garcia Barron disse que “todas as regras nascem de uma necessidade social que é necessária para restabelecer as condições ideais de convivência entre os homens e mulheres do nosso país”.

Rogério Castro Vazquez destaca que a medida é “regressiva e autoritária” e prejudica a sociedade, ele considera que a referida lei é um novo instrumento de opressão para as mulheres.

Com informações do portal noticiador

Um Comentário

  • Lua

    9 de fevereiro de 2016 at 13:49

    Ola. Este indivíduo teve mãe? Qdo ele era bebê q sentia fome em locais públicos o q a mãe dele fazia? Ficava ouvindo ele chorar até chegar em um local fechado e sem movimento para amenta-lo?
    Ridículo está lei.
    Mulheres vamos tirar este inseto do poder, pois ele não deve ser um ser humano.

    Responder

Deixe uma resposta