Por Edinaldo Lima projeto da regularização fundiária seria votado nesta quinta-feira

Edinaldo Lima

A discussão em torno do projeto da regularização fundiária deve ter mais um capítulo nesta quinta-feira (18), na Câmara Municipal de Petrolina. Pelo menos foi o que informou o líder do prefeito na Casa, Edinaldo Lima (PMDB), durante a audiência pública que discutiu o assunto na última terça-feira (16). O vereador  disse que nesta quinta o Poder Legislativo teria a obrigação e o dever moral e social com as 1529 famílias dos bairros Mandacaru, São Jorge e São Joaquim.

O parlamentar foi mais longe ao afirmar que o projeto seria votado com ou sem a assinatura no parecer do presidente da Comissão de Constituição e Justiça, vereador Pérsio Antunes (PMDB). “A mesa diretora tem obrigação legal de constituir uma comissão especial para dar o parecer, porque qual sentido faz audiência pública hoje aqui convocada pelo vereador Pérsio, que eu sabia que era para dar barrigada no projeto, só por que o vereador que representa a bancada de oposição, algum vereador de oposição, não quer fazer regularização fundiária e aí vai está se confirmando isso”, comentou.

De acordo com Edinaldo Lima o posicionamento da bancada do governo é que hoje aconteça a votação do projeto da regularização fundiária e cada vereador se posicione conforme a sua consciência. Porém, apesar das afirmações do vereador, o projeto não consta na pauta oficial da sessão de hoje da Câmara Municipal de Petrolina.

Deixe uma resposta