Por unanimidade, Câmara aprova reestruturação do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente

Projeto foi aprovado de forma unânime na sessão de hoje (6)

Principal item em pauta na sessão dessa quinta-feira (6) na Câmara de Vereadores de Petrolina, o Projeto de Lei n° 008/2019, apresentado pelo Poder Executivo foi aprovado por unanimidade. Com 18 votos, os edis deram aval ao prefeito Miguel Coelho reestruturar o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

O projeto trata das “políticas sociais básicas”, “proteção jurídica”, “educação e lazer” entre outros pontos. O Conselho é  vinculado a Secretária Municipal de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDESDH) e será composto paritariamente de 12 membros (seis membros do Executivo e seis da sociedade civil).

Os membros deverão exercer seus cargos no Conselho pelo período de dois anos. Entre as funções do órgão está a criação “políticas e programas destinados a prevenir ou abreviar o período de afastamento do convívio familiar e a garantir o efetivo exercício do direito à convivência familiar de crianças e adolescentes”.

A matéria deu entrada na Casa Plínio Amorim com caráter de “urgência urgentíssima”, com pareceres favoráveis das comissões competentes. O projeto segue para sanção do prefeito, para ser sancionado.

Deixe uma resposta