Prefeito decreta estado de emergência financeira e administrativa, em Salgueiro

(Foto: Divulgação)

O prefeito empossado recentemente em Salgueiro Clebel Cordeiro, alegou que encontrou a prefeitura no limite de extrapolar a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), em busca de uma solução o prefeito publicou dois decretos nesta terça-feira (03).

Os decretos buscam garantir que os serviços básicos voltem a ser prestados com urgência. No primeiro decreto, Clebel cancela todas as gratificações de função, adicionais e horas extras dos servidores, sejam eles efetivados ou comissionados, alegando que atualmente existe uma grande quantidade de servidores recebendo gratificações e horas extras, as quais ele não tem conhecimento de qual foi o critério usado para concedê-las. No segundo documento, decreta estado de emergência financeira e administrativa no município durante 90 dias, suspendendo todos os pagamentos de empenhos advindos da gestão anterior e proibindo a realização de qualquer despesa sem a autorização por escrito do prefeito.

O prefeito afirma no decreto que o ex-prefeito paralisou serviços básicos, como coleta de lixo e atendimento nos postos de saúde, para punir injustamente a sociedade, o que pode ser caracterizado como improbidade administrativa.

Com a situação de emergência, o novo prefeito poderá contratar os serviços básicos e essenciais, como coleta de lixo, sem a necessidade de abrir processo licitatório.

Com informações do Blog Alvinho Patriota

Deixe uma resposta