Projeto ‘Eu preciso sonhar’ será implantado em outras escolas da rede municipal em Juazeiro

Com o objetivo de implantar o Projeto ‘Eu preciso sonhar: Uma escola que perpassa a função de ensinar’ em outras unidades escolares da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude – SEDUC, iniciou o projeto na escola Dinorah Albernaz e a de Tempo Integral Paulo VI. Há dois anos o projeto, vem incentivando os alunos do 9º ano, com idade entre 14 a 16 anos, da Escola Municipal Terezinha Ferreira, localizada no bairro Tabuleiro, em Juazeiro.

“Quero parabenizar e agradecer ao professor Elionaldo pela idealização deste projeto que desperta as potencialidades profissionais dos alunos. Ele é merecedor do Prêmio, que destaca professores do país inteiro de escolas públicas da educação básica e evidencia práticas pedagógicas exitosas, e também do Prêmio Parlim, da nossa rede. Com os resultados positivos desse trabalho na escola Terezinha, a proposta agora é desenvolver o projeto em várias escolas da rede municipal. Precisamos levar o que tem de melhor para contribuir com a aprendizagem e a vida dos nossos alunos. Esse é o foco da gestão Paulo Bomfim para continuarmos com uma educação nota 10”, finalizou a secretária da SEDUC, Lucinete Alves.

O Idealizador do projeto, o professor Elionaldo Bringel contou que a ideia surgiu após avaliar que muitos alunos da escola Terezinha não conseguem ingressar na universidade, muitas vezes por não acreditarem no seu potencial para realização dos seus próprios sonhos. “Estou muito feliz com o resultado e aceitação dos alunos e da SEDUC nesse trabalho. O projeto ‘Eu preciso Sonhar’ que realizamos é vencedor do Prêmio Professores do Brasil 2018 e do Prêmio Parlim, e está conseguindo ser uma ponte para esses e tantos outros objetivos. E para coroar ainda mais a nossa felicidade, o mesmo já começou a ser implementado nas turmas dos 9º anos de outras escolas da rede. Quero agradecer a secretária Lucinete pela sensibilidade que enxerga a Educação, ao gerente da Juventude, Stallone pelo apoio, a equipe da Terezinha e aos meus alunos”, ressaltou o professor Elionaldo.

Uma das ações do projeto é a realização de um Talk Show (Bate Papo), onde médicos, advogados, nutricionistas, policiais, jogadores de futebol, professores, entre outros profissionais, são convidados para contar um pouco sobre cada profissão e a experiência de cada um nas áreas especificas. O projeto também promove cursos de informática básica e artesanato, visitas técnicas as universidades locais, desfile das profissões, exibição de filmes motivacionais e palestras, com os alunos do 9°, além das turmas do 1° ao 8° anos e o EJA.

Deixe uma resposta