Projeto na Economia Digital pretende modernizar transações comerciais em Petrolina

Com o objetivo de incentivar o uso de recursos inovadores no âmbito das transações comerciais, ao promover a ampliação da capacidade digital das micro e pequenas empresas do comércio varejista local, a prefeitura de Petrolina lançou esta semana o Projeto na Economia Digital.

É uma iniciativa desenvolvida pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEDETUR) do município juntamente com o IF Sertão-PE, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Petrolina (CDL), o Sindicato do Comércio Varejista de Petrolina (Sindlojas), o Sebrae/PE e a Fundação de Apoio ao Instituto Federal do Espírito Santo (Facto).

Na fase inicial, 30 empresas serão beneficiadas na etapa piloto com a implantação de plataformas digitais, já na próxima fase, que é de escalabilidade, deve atender aproximadamente 150 empresas.

“O programa vem para dar força ao processo, aumentando a maturidade digital e mudando a percepção do negócio e de oportunidades ao comércio varejista de roupas e acessórios de Petrolina, que foi fortemente afetado durante a pandemia. Muitos lojistas na época não tinham presença digital ou possuíam de forma muito discreta”, explicou o secretário executivo da SEDETUR, Thiago Brito.

O Projeto vem sendo desenvolvido desde junho de 2020, a primeira fase de ações foi iniciada neste mês de fevereiro e será concluída em junho deste ano. O recurso é de R$ 1,5 milhão investido pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), através de edital de seleção de projetos.

Deixe uma resposta