Ronaldo Silva repudia atitude de Cristina Costa e diz que ela vai ter que responder na justiça por calúnia e difamação

Vereador de Petrolina, Ronaldo Silva (PSDB)/Foto Waldiney Passos

Em um discurso sereno, mas cheio de rancor, o vereador Ronaldo Silva (PSDB), rechaçou a postura da vereadora Cristina Costa (PT), em ter, após o episódio do último dia 10, quando os dois vereadores divergiram sobre a idoneidade moral do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, tentado denegrir a imagem dele nos meios de comunicação da cidade. “A vereadora passou a semana inteira tentando denegrir minha imagem dizendo que eu sou uma pessoa que parte para agredir fisicamente”, assegurou.

Ronaldo reputou as afirmações feitas nos veículos de comunicação como caluniosas, negando inclusive que sejam verdadeiras as acusações que o mesmo seria proprietário de um posto de gasolina em Petrolina.  “A vereadora vai ter que provar perante a justiça se eu sou ladrão, se eu tenho posto de gasolina, é a justiça que vai dizer isso”.

Falso testemunho

O vereador fez uma dura acusação ao afirmar que a vereadora Cristina Costa responde a um processo na Polícia Federal por falso testemunho. “Não é Ronaldo Silva que está dizendo que a vereadora mentiu, quem está dizendo aqui é a justiça federal. Cumpriu o mandato de cesta básica, cumpriu a ordem da justiça para trabalhar dando horas de serviço na comunidade do Gercino Coelho, isso sim que a sociedade tem que saber”, relatou.

Retratação do Sinjope

Silva também criticou a atitude da jornalista Maria Lima, que, segundo o mesmo, distorceu os fatos e induziu o Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Pernambuco (SINJOPE) a divulgar uma nota de repúdio contra ele e o companheiro Ronaldo Cancão, quando exercia a função de Assistente de Gabinete da vereadora Cristiana Costa e não a profissão de jornalista. “Ela é funcionária desta Casa, então ela não poderia está aqui exercendo a função de jornalista”, disse.

Veja o vídeo com a íntegra da fala do vereador:

Um Comentário

  • José Cícero da Silva

    17 de maio de 2017 at 08:50

    Seria interessante que esse pessoal que veste paletó e diz representar o povo tivesse postura, soubesse qual o papel de um vereador, deixasse de celeuma e buscasse, mesmo não sabendo ainda, trabalhar em benefício da cidade e do povo, pois são pagos e muito bem pagos, pra isso.

    Responder

Deixe uma resposta